Últimas

Quarta-Feira, 04 de Novembro de 2009, 14h:22 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

SAÚDE PÚBLICA

Reunião da CPI na AL é marcada por trocas de acusações


Deputados elegem membros da CPI da Saúde e adiam definição sobre requerimentos propostos por Percival
Fotos: Josinei Moreira

   A primeira reunião da CPI da Saúde foi marcada por clima tenso, muita polêmica, troca de “farpas” sutis e pouca evolução. Apesar do deputado Percival Muniz (PPS) ter apresentado nada menos que 10 requerimentos com pedidos de informações, nenhum foi aprovado. Em vez de debater as propostas do socialista, os parlamentares aproveitaram a reunião para questionar apenas a data do próximo encontro e se os pedidos poderiam ser alterados. “Eu achei tudo isso muito estranho, mas vamos ver o que acontece”, disse Percival. 

  O que se viu foram opiniões divergentes, discussões evasivas e confusão na divulgação das informações. A principal polêmica ocorreu em torno da definição da data das reuniões, agendadas previamente para todas as quintas, às 15h.  Diante do Encontro dos Prefeitos de Mato Grosso, que também acontece nesta quinta (5), os parlamentares decidiram se reunir no início desta quarta à tarde, mas ainda não se sabe se os requerimentos serão apreciados. A vice-presidente da CPI da Saúde, Chica Nunes (DEM), pediu vistas e tem cinco dias para submeter os documentos à votação dos membros.

  “Vou consultar a minha equipe jurídica e avaliar. Alguns requerimentos posso devolver na reunião que acontece logo mais, ainda não sei se vou precisar de mais tempo”, despistou a democrata. Ela negou ter pedido vistas para “empacar” o andamento das investigações, mas sim para dar mais celeridade aos trabalhos. “Também tenho os meus requerimentos. Temos que ser ágeis e mandar um pacotão com todas as informações que precisamos”, argumentou a deputada, que não perdeu a oportunidade de cutucar Percival. “Temos que tomar cuidado para que a CPI não se torne um palanque político”.

  Nesta mesma linha, o presidente eleito, Sérgio Ricardo (PR), afirmou que os trabalhos vão ser pautados pela transparência e seriedade. Ele frisou que questões partidárias serão deixadas de lado porque agora só existe o “partido da saúde”. “A situação está ruim, mas pode ficar ainda pior com a chegada das chuvas e o aumento na incidência de casos de dengue. Esse assunto tem que ser tratado com seriedade”, argumentou Sérgio.


  Requerimentos

    Entre os pedidos apresentados por Percival consta um requerimento para que a secretaria de Saúde de Cuiabá, comandada por Luiz Soares, encaminhe a relação dos repasses e prestação de contas da pasta. Já a secretaria estadual, sob Augustinho Moro, teria que enviar, por exemplo, a lista dos convênios e pagamentos feitos à Prefeitura de Cuiabá nos últimos cinco anos, assim como a relação detalhada dos servidores cedidos à Capital e os salários pagos a eles.

   O socialista solicitou também informações a respeito de todos os repasses e convênios com os 141 municípios e a relação de medicamentos adquiridos nos últimos cinco anos. Percival quer saber quantos hospitais o governo está construindo e quantos prédios foram adquiridos. Por fim, ele sugeriu que Moro e o ex-secretário de Saúde da Capital, deputado Guilherme Maluf (PSDB), sejam ouvidos pelos membros da CPI. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Jacyara - Só lembrando | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pelo o que entendi da manobra do Senhor Governador em retirar a posição legitima de presidente, ao deputado Percival, seria realmente ele bater duro em Moro, Secretário da Saude, cuja secretária parece ter SAUDE FRÁGIL.
    Os dois requerimentos do dep.Percival são coerentes e levam a uma posição realmente de procura ao que realmente acontece aos repases, seus valores, locais municipais onde foram locados, frequencia e totalização de valores, exatamente o que o Palácio tenta evitar: TRANSPARENCIA.
    Esta CPI deverá ser bastante interessante, pois o prato principal tende a ser o ESTADO de onde vem os recursos.
    Fico pensando se os inteligentes carragadores de pastas não viram o embrólio onde estavam se metendo. Triste figura é o despreparo e o senso falho do oportunismo.

  • adriano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    porque ele (percival) tinha que se reunir com o prefeito Wilson Santos e o Secretario de saúde Luis Soares quando foi aberto a CPI? Parece que estava querendo fazer acordo. Poxa Percival vc não precisava fazer isso, a população estava de olho. Vc se queimou.

  • cristina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É verdade o que estamos vendo é isso ai a cambada de Caititus todos comenm no prato Do Botinudo,realmente o furo está na SES,por isso que eles estão batendo duro p/o Caititu do PR Presidir a CPI,que vergonha desses politicos que se vende p/o Botinudo(Governador SR. Blairo Magico),nos população temos sim que dar o troco para aturmas da botina em 2010,eu não sou Partidária graças a Deus mas isso não pode acontecer c/o povo de MT,assistir essa semvergonice desses Caititus que se vendem infelizmente aonde estamos?

  • Joao Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Chora Percival.....

    Chora Cuiabá.......

    Chora Mato Grosso......

    Está sendo preparada uma pizza gigante com recheio de Carne de Tucano regada a oleo de soja do grupo amaggi...

    enquanto isso o povo continua morrendo sem ter atendimento médico..Isso é lamentável!!

  • marcola | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    caititú rei,o sr. requereu a CPI,e queria ser
    presidente o governador vendo que iria sobrar
    prá ele mais do que depressa mandou os
    caititús riva e sergio recado te eliminar de cpi.
    se o sr. reparar bem só ficou na comissão os
    caititús que recebem as ordens do chefe blairo
    maggico que é pra ferrar o wilson santos!!!

  • Eustáquio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A ALMT e a Camara de Cuiabá deveriam trabalhar sob uma lona....

  • Fernando José | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ninguem ainda percebeu que não querem deixar o Percival trabalhar?
    PAREM DE TENTAR ADIAR GENTE, A POPULACAO QUER A VERDADE..
    CHICA NUNES TA MORRENDO DE MEDO É?
    BLAIRO MAGGI TB?
    AHHHHH.. ISSO É UMA VERGONHA

  • mariana rodrigues | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Grande João Pedro....falou tudo e um pouco mais porque é uma vergonha ter a Chica Nunes em uma CPI, o pior é o presidente ser botinudo....sabe porque? A SES É NITROGLICERINA PURA....CADÊ O mINISTÉRIO pÚBLICO...SERÁ QUE BOTINOU.....cREIO QUE O MAIOR PROBLEMA É O eSTADO.....cADÊ OS SERVIÇOS AMBULATORIAIS E HOSPITALARES ESTADUAL DE cUIABÁ......NÃO EXISTE....É SÓ ideP......

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Mariano Clauss | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estou acompanhando tudo sobre este assunto SAUDE, caos na saude da prefeitura e caos na saude do estado to confiando muito no trabalho do percival acho que a chica deveria vazar desta cpi ela nao tem credibilidade pra ficar nesta cpi ,to de OLHO.

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...

Esposa de deputado na 2ª suplência

maria avalone 400   Não foi só o deputado estadual Wilson Santos que frustrou-se na tentativa de eleger membro da família à cadeira de vereador. O também parlamentar Carlos Avalone, presidente regional do PSDB, apostou todas as fichas na esposa Maria Avalone. Mas ela só chegou à...

Neurilan e apoio de Botelho à AMM

eduardo botelho 400 curtinha   Em busca de apoio de lideranças políticas para permanecer no comando da AMM por mais três anos, Neurilan Fraga foi pedir socorro para o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (foto). Quer que o parlamentar seja o presidente de honra de sua chapa. Neurilan tem se articulado como pode e,...

Candidato irritado chama EP de traste

abilio junior 400 curtinha   Abílio Júnior (foto), candidato do Podemos ao Palácio Alencastro, tem se mostrado mais irritado depois do debate promovido pela Fecomércio, na quarta à noite, quando, em vários momentos, se viu questionado e desqualificado pelo prefeito e candidato à...

Prefeito reeleito sob investigações

ze do patio 400 curtinha   A situação jurídica do prefeito populista e desgastado Zé do Pátio (foto), que acaba de ser reeleito para o terceiro mandato em Rondonópolis, sendo o segundo consecutivo, não é das melhores. Contra sua gestão tem pipocado denúncias sobre...