Últimas

Sábado, 24 de Março de 2007, 18h:49 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Revista traz denúncias contra futuro ministro

 Lula pode recuar da nomeação de Nascimento, o que seria mais um obstáculo para Pagot assumir Dnit 

   O governador Blairo Maggi, maior produtor individual de soja do mundo, está mesmo sem sorte. Primeiro, respaldou junto ao presidente Lula a indicação para o Ministério da Agriculltura do amigo e deputado federal Odílio Balbinotti (PMDB-PR), proprietário da Sementes Adriana, em Rondonópolis. Balbinotti acabou desistindo do cargo após ser pressionado e bombardeado pela mídia por denúncias de irregularidades sob investigação no Supremo Tribunal Federal.

   Ao governador interessa boa relação com o novo ministro da Agricultura porque, primeiro, é do setor e sobre o qual exerce forte liderança e, segundo, porque pretende ter alguns aliados no segundo escalão, entre eles Décio Coutinho, da secretaria de Defesa Agropecuária e, Moisés Sachetti, na Conab.

   Maggi trabalha também em outra frente. Quer emplacar o seu principal assessor Luiz Antônio Pagot na direção-geral do Dnit, órgão subordinado à pasta do Transportes. A maior expectativa para a nomeação se confirmar, mesmo já com a aval do presidente Lula, é do ministério voltar ao comando do senador Alfredo Nascimento (AM), do mesmo partido de Maggi. Ambos, inclusive, já acertaram a definição pelo nome de Pagot para o Dnit tão logo Nascimento seja empossado.

  Eis que agora a revista IstoÉ traz denúncia grave contra o ex-ministro e que está prestes a reassumir a pasta. A reportagem acusa-o de comprar votos, usar CNPJ falso e de comandar obras superfaturadas. São denúncias que podem até levar o presidente Lula a recuar da nomeação, o que seria mais um complicador no caminho de Luiz Pagot rumo ao Dnit.

Clique aqui e leia a reportagem completa da IstoÉ, que chega às bancas em Mato Grosso neste domingo (25)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Contrato para tocar eventos do TCE

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Guilherme Maluf, fechou um contrato anual com a Infortouch Agência e Comunicação, Eventos e Produtos Alimentícios, aproveitando ata de registro de preços  do Tribunal de Justiça de MT, com adesão-carona num processo de 2019. A empresa vai faturar R$ 376,9 mil para atender demandas do TCE em toda logística de eventos, envolvendo as etapas de planejamento,...

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.