Últimas

Sexta-Feira, 27 de Abril de 2007, 07h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Riva começa a liderar bloco de oposição a Maggi

   O primeiro-secretário da Mesa Diretora, José Riva (PP), que, segundo Percival Muniz, é quem manda na Assembléia mesmo tendo Sérgio Ricardo como presidente, começa a puxar uma frente de oposição ao governo Blairo Maggi. Ele contrapos o governador nos projetos que tratam da carreira e promoções dos policiais militares, ganhou apoio e provocou racha na base aliada. Agora, Riva busca respaldo da maioria dos colegas para impor as primeiras derrotas à então sólida e inatacável administração Maggi.

   Além da polêmica em torno dos projetos sobre os militares, uma emenda do deputado Riva vem tirando o sono do governador. Pré-candidato ao Senado em 2010, o pepista defende que 30% dos recursos do Fundo Estadual de Transporte e Habitaçãosejam destinados aos municípios. Maggi chamou a bancada para se posicionar radicamente contra a proposta. Avisou que, se o governo perder parte do Fethab, as obras ficarão inviabilizadas.

   Bem articulado e com poder de "domínio" sobre vários deputados, Riva insiste na proposta, que já conta com apoio de vários deputados. Tanto as mensagens sobre a PM quanto à referente à fatia do Fethab estão na pauta. Para protelar as discussões enquanto o governador permanece nos Estados Unidos, governistas pediram vistas aos projetos.

  As divergências se acirra tanto entre os próprios parlamentares quanto destes em relação ao governo, que agora virou alvo de críticas. Muitas são motivadas por interesses políticos-eleitorais, visando aos pleitos de 2008 e 2010.

   Na investida contra o governo, Riva conta com apoio da bancada dos Democratas (ex-PFL). Ex-presidente da Assembléia por três mandatos e na cadeira de primeiro-secretário também pela terceira vez, José Riva afirma ser aliado da gestão Maggi e até faz elogios à postura do governador. Por outro lado, não poupa alguns secretários, para quem têm atuação pífia e atuam com desrespeito aos deputados.

    Dos 24 parlamentares, todos em tese se manifestam como aliados, já que os tucanos Chica Nunes e Carlos Avalone, que deveriam ser oposição, têm votado com o governo. Até o então opositor ferrenho PT entrou para a base do Palácio Paiaguás. Vai até ocupar cargos, entre eles de secretário de Educação, com a nomeação ao posto, nos próximos dias, do deputado Ságuas Moraes.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • josé manuel carlos garcia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é importante pois os municipios irão trabalhar os recursos com mais transparencia, atendendo os projetos sociais, que na maioria dos municipios são carentes, e deficiente de verbas para atender a população. valeu RIVA a idéia é boa não desiste, faço parte do DEM,pedirei para a bancada apoiar este projeto.

  • josé manuel carlos garcia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é importante pois os municipios irão trabalhar os recursos com mais transparencia, atendendo os projetos sociais, que na maioria dos municipios são carentes, e deficiente de verbas para atender a população. valeu RIVA a idéia é boa não desiste, faço parte do DEM,pedirei para a bancada apoiar este projeto.

Opositores ganham força em Barra

adilson gon�alves 400 curtinha   Grupos de oposição estão ganhando "musculatura" em Barra do Garças, numa expectativa otimista de derrotar o candidato apoiado pelo prefeito Beto Farias (MDB), o atual vice Wellington Marcos, que está filiado ao DEM. Wellington é considerado nome "pesado"...

Cuiabá já conta com 10 "prefeitáveis"

paulo grando 400 curtinha novo   Dez partidos já possuem um ou mais pré-candidatos a prefeito de Cuiabá. E a "inflação" de nomes tende a aumentar empurrada pela necessidade de sobrevivência dessas legendas, que, lançando nome à majoritária, ajudam seus candidatos a vereador na busca por...

Apoio de Bolsonaro é aposta de França

roberto franca 400 curtinha   Roberto França (foto) segue cheio de esperanças do apoio de Bolsonaro a seu nome como pré-candidato a prefeito de Cuiabá. Entre o sim e o não, preferiu seguir o calendário eleitoral e se afastar da apresentação do seu tradicional programa de TV Resumo do Dia, de...

Adin contra nomeação em Cáceres

angelo audicom 400 curtinha   Presidida por Ângelo Silva de Oliveira (foto), a Audicom-MT, entidade que congrega auditores e controladores internos dos municípios do Estado, ingressou com Adin no Tribunal de Justiça, pleiteando liminar para, assim como ocorreu em Rondonópolis, também derrubar uma lei em vigor...

Viúva de Adriano disputa em Cáceres

anelise silva 400 curtinha   Anelise Silva (foto), viúva do ex-reitor da Unemat e ex-deputado Adriano Silva, lançou pré-candidatura à prefeita de Cáceres pelo DEM do governador Mauro. Ela enfatiza que sofre a dor da perda e que decidiu entrar no páreo para dar continuidade ao projeto de Adriano de...

Vereador tenta barra compra de cestas

diego guimaraes 400 curtinha   O vereador pela Capital, Diego Guimarães (foto), denunciou junto à Ouvidoria do TCE o que definiu como irregular a aquisição, com dispensa de licitação, de cinco mil cestas básicas de alimentos pela secretaria municipal de Assistência Social e Desenvolvimento...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.