Últimas

Quarta-Feira, 12 de Março de 2008, 20h:45 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

CUIABÁ

Rosa teme que foco da CPI do lixo atinja prefeito

José Rosa, procurador-geral da Prefeitura de Cuiabá Procurador-geral da Capital vê interesse eleitoral da Comissão presidida pelo ex-secretário Vuolo

 O procurador-geral de Cuiabá, José Antonio Rosa, critica o foco dado pela CPI do Lixo, instalada no último dia 7 pela Câmara Municipal. Para ele, anunciar a instalação da CPI omitindo que a problemática da licitação para contratar uma empresa de coleta de lixo é um resquício da gestão Roberto França (1997/2004) mostra que o interesse maior é agredir o projeto de reeleição do prefeito Wilson Santos (PSDB). “Tenho tudo documentado. Na gestão Santos só tem ganho. Economizamos quase R$ 12 milhões. O aterro sanitário foi melhorado. Entendo claramente que, em ano de eleição municipal, anunciar uma CPI é atender a outras questões”, reagiu o procurador-geral.

   “A licitação está pendente há mais de dois anos e por que só agora tem CPI?”, indaga. O pedido de CPI partiu do vereador Francisco Vuolo (PR), ex-secretário de Cultura da administração França. O próprio Vuolo é quem preside os trabalhos de investigação. Ele já requisitou uma série de documentos à prefeitura, que tem 10 dias para entregar cópias de processos licitatórios desde 1999 - leia mais aqui.

   São contratos firmados com a Qualix e Marquise. Rosa afirma que todas as documentações a serem entregues comprovam que não há irregularidades na prestação de serviços e nem mesmo nos contratos. Segundo ele, França trabalhou vários anos com contrato emergencial. “Houve até contrato reincidido por falta de pagamento com a empresa Interpa”, explica Rosa.

   O procurador observa que um certame com a empresa Maquise foi cancelado devido ao preço ser elevado. “Nós pagávamos R$ 64 a tonelada (de lixo recolhido). Para a Qualix, pagávamos R$ 52/t em 2005 e, hoje, pagamos R$ 56/t. O aumento ainda advém de ajustes normais." Também enfatizou que o último certame, realizado em dezembro do ano passado, está com uma pendência.

   Para José Rosa, a culpa também por problemática no aterro sanitário não deve ser atribuída ao prefeito Santos. "Estamos enfrentando um processo de interesse particular, mas jamais vamos atender a isso. Vamos lutar pelos interesses públicos".

   Além de averiguar se os serviços estão realmente sendo executados e a legalidade dos contratos temporários com a Qualix, a CPI avisou que o prefeito Santos terá de responder a outro questionamentos. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • marcelo incrucci | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bem primeiro o ministerio publico deveria vasculhar e saber como vuolo e sua turma aprovaram as contas da gestao passada isso sim e cadeia pura .por que ele nao fez isso antes vem faze so agora no ultimo ano .e so pra pensa um poquinho .o pior que qdo vasculharem essa cpi vai sobrar advinhem pra quem ,pro ex chefe dele e claro ,que sempre deu guarita a ele mesmo.vuolo para de ser demagogo e tente produzir um poco mais ou melhor alguma coisa .alguem lembra de algo que esse nobre vereador fez.

  • Suzi Dantas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a verdade é que o pessoal da prefitura ta com muito medo ´porque a maracutaia é grande nesse setor, todo mundo sabe e essa empresa doou 650 mil para o senhor santos. então o senhor rosa tem que ta com medo mesmo, mas melhor que desmerecer a cpi, que "parece" séria, tem que melhorar o trabalho no setor. e acho que vale o ditado quem não deve não teme.

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.