Últimas

Terça-Feira, 25 de Novembro de 2008, 20h:31 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

RONDONÓPOLIS

Sachetti e 3 vereadores depõem sobre R$ 1 mi

Patrícia Sanches
Enviada especial a Rondonópolis

  O prefeito de Rondonópolis (a 210 km ao Sul de Cuiabá), Adilton Sachetti (PR), derrotado à reeleição, prestou depoimento nesta terça à tarde no Fórum. Ele é citado no processo que apura a apreensão e depois liberação de R$ 1 milhão em 3 de outubro, a dois dias das eleições. Em depoimento à Justiça, Sachetti negou que o dinheiro sacado de uma agência bancária fosse para compra de votos ou alguma outra prática ilegal. Assegurou que fora para pagar cabos eleitorais.

   A apreensão de malotes foi feita por agentes da Polícia Federal, que "deu batida" no comitê eleitoral de Sachetti, após uma denúncia anônima e com autorização da juíza Milene Beltramini Pullig, da 10ª Zona Eleitoral. O dinheiro estava guardado numa das 50 salas do prédio da Associação Comercial e Industrial de Rondonópolis (Acir). Horas após a apreensão, os malotes de dinheiro foram liberados. O caso ganhou repercussão em todo o Estado.

   Além de Sachetti, também depuseram nesta terça os vereadores reeleitos do PR, Ananias Filho, que preside a Câmara Municipal, Olympio Alves e Mohamed Zaher. Eles foram intimados na condição de testemunhas. Ao deixar o Fórum, Zaher mentiu. Ele se apresentou como advogado e declarou que estava acompanhando um cliente. O processo apura denúncia de abuso de poder econômico. Pode resultar em punição a Sachetti, derrotado nas urnas pelo deputado peemedebista Zé do Pátio.

Postar um novo comentário

Comentários (24)

  • Laura | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cabos eleitorais não devem ser pagos somente com cheques? me parece que está proibido pagar cabos eleitorais com dinheiro nesta eleição, então por qual motivo o dinheiro foi leberado antes da eleição?

  • Maria Luiza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Para o Senhor Paulo Mauricio,

    Concordo que peguei pesado, mas você a de convir comigo que provas são fatos óbvios, se foram ou não inocentes de mais, isso pra mim de qualquer forma é ridiculo, não defendo A ou B, convenhamos essas eleições foram uma catastrofe.

    No dia das eleições mau conseguiamos votar de tanto fiscal (compradores de voto) foi muito feio, impor as pessoas, envolva-las em um crime (pq compra de voto é crime, coisa de bandido mesmo)muita gente inocente, sem instrução e sem condições de sequer alimentar sua familia se vendem.

    Entendo que estes senhores deveriam servir de exemplo a sociedade!

    Eu sou a favor de novas eleições e com outros candidatos, sem desmerecer a boa gestão do atual prefeito, pq isso é visto! Espero realmente que se o prefeito eleito tomar posse que pelos menos ouça e aprenda com o Rogerio Salles, pq só assim Rondonopolis terá uma administração razoável, mas sabemos quem vai dar as cartas neste jogo é o cacique maior.Boa Noite

  • Mauricio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CARA LUIZA,

    Parece que vimos eleições diferentes em Rondonópolis. Não sei a que bairro voce se refere nem a quais fiscais, até onde vi, e olha que aproveitei para andar pela cidade e sentir o termômetro das eleições e vi um pleito absolutamente tranqüilo, sequer vi boca de urna, logo estamos falando de elições diferentes. Quem tinha dinheiro para aliciamento, não foi aquele denunciado.

    Votei e até trabalhei por gostar da cidade, nada recebi de quem quer que seja, não discrimino aqueles que receberam para trabalhar para quem quer que seja, cada um sabe das suas necessidades, concordo que isso não devia acontecer.
    Quanto fato isolado da vila Olinda, sinto muito, O MP e a PM não me convenceram, aliás, sendo estes que tomaram a frente do fato, soou ainda mais suspeito.
    Espero que o magistrado tenha a sabedoria necessária para decidir de forma justa. Consoante provas, não ilações, que foi, até prova em contrário, foi o que ví e ouvi até agora.
    By.

  • Pedro Vargas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E quem foi que liberou esse dinheiro para ser usado na compra de votos?
    A sociedade que saber quem do TRE mandou devolver a grana!

  • Richard | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O nome do prefeito é Adilton Sachetti, e o Moisés Sachetti é o irmão da peça, gente boa de ficar longe, melhor ambos, rsss

  • Victor | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Srª Maria Luiza

    Ao que me parece, tu é bem radical ao ponto de querer novas eleições. E sem querer desmerecer não está totalmente por dentro do fato, ou melhor processo politico que acontece em nosssa cidade, isto está para se notar pelo mal uso das provas conclusivas, mas tentarei esclarecer:

    Policia Federal:
    É responsável pelas maiores ampreenções e desfechos criminais no estado e no pais. Fatos concretos até aqui mesmo na cidade.
    Analisando isto, pegamos que a mesma policia federal se dirigiu até ao mesmo local das denúncias e não aplicou como flagrante por entenderde que se não tratava do mesmo.

    Policia Militar
    Responsáveis por algumas ações de méritos e por outras de despreparo ou até abuso. Como fatos comprovão.
    Esta então começa pelo fanto antes da eleição em que, a então Terezinha MAggi num ato de policial advinha que Celso(que cometeu delito) seria preso, antes mesmo que a própria policia militar soubesse.
    Então será que seria poder que ela tem sobre a policia ? Ou ordem mesmo?
    No decorrente do dia, ou melhor no momento suposto que a policia militar fez o suposto fagrante da compra de votos , estavam no mesmo lugar vários cabos eleitorais, era pra se dizer 50 a mais caboas eleitorais do adversário, então Sachetti. Estranho isso? Será que se fosse uma compra de voto, você estivesse por traz disso: Iria comprar votos sabendo que estava cercada por caboas eleitorais do adversários, protos para ti denunciar?

    Este é só um começo dos fatos, se não intendeu ainda posso ti explicar outros fatos, como a apeensão do dinheiro do Sachetti e outros das eleições. ok

    Desde já Grato

  • João Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    Companheiro Paulo Mauricio... A Srª Maria Luzia é um caso perdido... Ela é uma daquelas apaixonadas, que usa tapa e viseira e que só enxerga um lado... Uma só direção... Me desculpe, mas ela seria boa (com todos o respeito aos equinos) pra puxar carroça...

    Não percebestes... Que tal senhora esta com medo de perder a BOQUINHA... E que só fala de ética, justiça e transparência quando a coisa é boa pra ela e/ou melhor pras convêniências e interesses dela...

    Não percebestes.... Que após a turma do PPS local macumunada com membros do alto escalão de MAGGI terem armado e influenciado na gestação da aberração juridica que ora é objeto de POLÊMICA e, agora sabendo que se a coisa propsperar pro lado deles o próprio SACHETTI sabe que se encarar nas urnas a CIPOADA que irá tomar do ZÉ DO POVO será bem maior do que os 4.800 votos...

    Não percebestes... Que tal BABA OVO, denominada, MARIA LUIZA estás agora PUXANDO O SACO do PERCIVAL MUNIZ (traidor de suas origens) e, també do próprio ROGÉRIO SALLES (que é maçon e do agronegócio), como se os mesmos fossem melhores do que o Zé do Pátio...

    Prá tal NÉSCIA (como diz um dado jornalista da cidade) é bom ela saber que o povo de Rondonópolis escolheu um prefeito simples, humilde, trabalhador e identificado com as causas sociais... E não vai ser os interesses pessoais dela e de outros que irá tentar empurrar de goela abaixo TRAIDORES

  • josé antonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    DComo é dificil né adilton sachetti deixar o poder não acha? Depois do Dia 31 de dezembro voce como sera chamado, será um cidadão comum, e não uma autoridade, arrogante, perseguidor, racista, como bvai ser hem? Voce e sua esposa com essa posse, e ainda não conseguiu engoli a derrota e fica atras de caçar o novo prefeito, aceita de uma vez, o povo não te quiz, os funcionários muito menos, tenho pelo menos humbridade dse sair pela porta da frente. Por que voce foi um pessimo chefe, vamos ve como vai ser de agora em diante, né Sachetti ex-prefeito. Funcionários ficam e vão continuar tocamndo a prefeitura junto com o novo prefeito e voce? Boas férias. E se cuide de sua saude.

  • JUSTICEIRO DE MATO GROSSO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • AILTON | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    RDNEWS tá errado. A foto aí da matéria é do ADILTON SACHETTI e não do Moisés Sachetti.

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.