Últimas

Segunda-Feira, 23 de Abril de 2007, 07h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Ságuas ganha respaldo; PT quer afastar o DEM

   O PT vai definir, em reunião da Executiva Regional na próxima sexta (27), que não só integrará a administração Blairo Maggi (PR), com o médico e deputado Ságuas Moraes no comando da Educação, como vai tentar afastar do governo estadual os democratas, liderados pelos senadores Jaime Campos e Jonas Pinheiro. As correntes internas que resistiam à aliança estão, aos poucos, sendo demovidas da idéia opositora. Ságuas já se prepara para a nomeação à Seduc na próxima semana.
   O PT foi adversário de Maggi nas duas últimas eleições majoritárias. A aproximação só veio acontecer no pleito do ano passado, em meio à "costura" de cúpula, entre o próprio governador e o presidente Lula.
   Para discutir a tese da aliança, o presidente da legenda petista de Cuiabá, Jairo Rocha, da Articulação de Esquerda, esteve reunido em Brasília, no final de semana, com a senadora Serys Marly, presidente regional, e com o deputado federal Carlos Abicalil. Também conversou individualmente com a ex-deputada Vera Araújo. "A relação interna que estava um tanto chamuscada, avançou muito. Já não há mais posição radical de fazer oposição. Vamos discutir agora de que forma compor o governo", destacou Jairo. O dirigente admite que uma das estratégias petistas é, uma vez na administração Maggi, afastar o DEM, de quem o PT é adversário histórico. Essa discussão, já selada nacionalmente, está sendo "amarrada" em nível de Estado. Jairo adianta também que a provável aliança com Maggi não passa pela sucessão em Cuiabá.
   Na reunião da Executiva na próxima sexta, em que estará em discussão a proposta do PT assumir cargo no governo Maggi e, assim, integrar de vez à administração, 46 membros terão direito a voto. O chamado Campo Majoritário tem hoje 19 votos, entre eles de Abicalil, de Ságuas e de Alexandre Cesar, que será contemplado com a cadeira de deputado na Assembléia no lugar do futuro secretário de Educação.
   A corrente o Trabalho, liderado por Domingos Sávio Garcia, só conta com dois votos, assim como o vereador cuiabano Lúdio Cabral. Utopia e Vida, do ex-deputado Gilney Viana, representa cinco votos, mesma quantidade de militantes do grupo de Serys e também da Articulação de Esquerda, liderada por Jairo. O superintendente do Incra/MT,Leonel Wohlfahrt, da Democracia Social, e a ex-deputada Verinha controlam quatro votos cada dentro da Executiva Regional.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

6 parlamentares já foram infectados

wilson santos 400 curtinha   Desde o início da pandemia, em março, seis dos 24 deputados estaduais já testaram positivo para Covid-19. O último foi Wilson Santos (foto). Ele disse que recebeu medicação e está em isolamento. Observa que a doença está no início e segue trabalhando...

Pedido para TSE definir data da eleição

sebastiao carlos 400 curtinha   Na última quarta (2), um dia após a Câmara aprovar a PEC que adia as eleições municipais para 15 de novembro, André de Albuquerque Teixeira, advogado de Sebastião Carlos, que concorreu ao Senado e um dos que denunciaram Selma Arruda por crimes eleitorais, já...

Uma das apostas do PP para vereador

alex rodrigues 400 curtinha   O PP já tem no rol de possíveis eleitos a vereador em Cuiabá o jovem Alex Rodrigues (foto), de 31 anos. Filho do empresário Valúcio Rodrigues e sobrinho do secretário de Obras Públicas da Capital, Wanderlúcio Rodrigues, Alex criou uma comunidade com mais de mil...

Prefeito, efeito pandemia e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Mesmo com o poderio da máquina, considerada preponderante para cooptar partidos e aliados por causa da oferta de cargos e do assistencialismo, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, terceira em população e segunda no ranking da economia estadual, terá muitos...

Servidores sem pagar os empréstimos

adevair cabral curtinha 400   A Câmara de Cuiabá rejeitou o veto total do prefeito Emanuel e promulgou a Lei 6.547, que suspende por 90 dias o pagamento de parcelas de contrato de crédito consignados tanto dos servidores públicos ativos e inativos da prefeitura quanto da própria Câmara Municipal. A...

Eleição ao Senado junto com municipal

carlos favaro 400 curtinha   A eleição suplementar para uma vaga ao Senado deve ocorrer em MT junto com o pleito municipal, em 15 de novembro. A definição oficial partirá do TSE até o final deste mês. Em princípio, a suplementar estava marcada para abril, mas, por causa da pandemia, foi...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.