Últimas

Sábado, 19 de Abril de 2008, 15h:37 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

MEIO AMBIENTE

Salatiel substitui Daldegan na Sema por 20 dias

  O secretário estadual de Meio Ambiente, Luis Henrique Daldegan, viaja na segunda (21) para os Estados Unidos. Durante os 20 dias em que estará fora do Estado, a pasta ficará sob o comando do  secretário-adjunto de Qualidade Ambiental da Sema, Salatiel Alves de Araújo. Daldegan vai visitar sete Estados amercianos e participará da Conferência de Biodiversidade e Sustentabilidade Ambiental. O secretário faz questão de destacar que além dele, somente o secretário de Agricultura do Pará foi convidado pelo governo americano para participar do evento.

  Ele avalia que o ponto positivo dessa viagem é o interesse demonstrado pelos americanos em conhecer um pouco a questão ambiental do Estado. "Lá (nos Estados Unidos) existem várias instituições de pesquisas interessadas em fazer parceria com o Estado", disse Daldegan, nem aí para o fato de Mato Grosso figurar nas estatísticas como um dos que mais desmatam na Amazônia Legal.

  A agenda prevê que o secretário irá primeiro a Washington. Lá visita a Agência de Proteção Ambiental e participa, na Universidade da Capital norte-americana, de reuniões no Banco Mundial e no Banco Interamericano de Desenvolvimento. Depois, segue para Pensilvânia e, posteriormente, a Miami, Kentucky e Califórnia, onde visitará o Departamento de Alimento e Agricultura e o Centro Nacional de Tecnologia e Agricultura Sustentável. No evento vai estar presente o governador do Estado e ator Arnold Schwarzenegger.

   Desmatamento

   Sobre a crise ambiental pela qual passa o Estado, o secretário Daldegan não demonstra preocupação. Avalia que o erro do governo federal está em não investir no fomento à agricultura. Para ele, o governo Lula investe bastante em políticas ambientais, mas esquece do setor produtivo. Apesar dos problemas que vem enfrentando, Daldegan comemora ao contar que diminuiu o número de desmatamentos no Estado e aumentou a produção de grãos. "O aumento da produção tem aumentado muito no Estado. Paramos de desmatar e aumentamos a produção", enfatiza.

Salatiel diz que apresentará dados para contestar Inpe

  Substituto temporário de Daldegan, Salatiel adianta que receberá na próxima terça (22) dados do Instituto Imazon que servirá para confrontar os dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que aponta 60% dos municípios mato-grossenses como campeões em desmatamento. "Essas informações devem ser confrontadas e avaliadas com as do Inpe. Sabemos que há desmatamento, mas não da forma como foi colocada", disse Salatiel. Ele alega que não cuidará sozinho da pasta. Contará com a ajuda do secretário de Mudanças Climáticas, Afrânio Cezar Migliari, e do diretor-executivo da Sema, Moacir Couto Filho. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • fernanda beatriz de arruda cintra | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não sei o porquê, mas, como começei a reler histórinha de chapeuzinha vermelha, no trecho que descreve a raposa tomando conta do galinheiro. sinceramente, não sei o porquê!!!

  • Policia Federal | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Neil Armstrong | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Contestar dados do INPE é ridículo. O Brasil não tem satélites de pesquisa de desmatamento no espaço. Tem sim um acordo com outras agências espaciais. Ou seja, os dados são da Própria NASA. A mesma que estuda outros planetas, e muito bem o nosso planeta. Dizer que os dados do INPE estão errados é ao mesmo tempo desmerecer os dados da própria NASA.
    Seria bom, que o Secretário vai passear lá... ir na NASA e pedir os dados deles. Será que também iria questiona-los...

  • marcelo marques olavarria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pessoa perigosa, dissimulado, costuma aprontar nas costas dos técnicos de carreira do órgão, e se sair como justo e leal, o que está muito distante da realidade. Todo cuidado é pouco com esse cidadão, e assim como alguns que entraram pela janela no serviço público estadual e estão no governo atendendo certos interesses. não há compromisso com o órgão e com a revisão da politica ambiental para atender a toda a sociedade e não apenas de um segmento econômico.

  • Pantaneiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vocês estão muito equivocados sobre o Salatiel!! Conheço o Salatiel a mais de 20 anos, quando eu e ele éramos programadores. Conheço seu caráter, sua ética e seus defeitos. Ser desonesto ou corrupto não é um dos seus defeitos. Pelo contrário é até honesto demais, chega a ser chato.
    E ele não foi “convidado” a sair da maçonaria não, se informe melhor.
    Os comentários desse rapaz afirmando que o Brasil não tem satélite e os dados são da NASA,... Bem, ainda preciso falar alguma coisa!!!!??? E os dados do INPE são uma porcaria sim. Porcaria levando em consideração a estrutura que é disponibilizada a eles.
    A SEMA possui excelentes técnicos e gente que trabalha duro, pena que seja a minoria e que não são reconhecidos, a grande maioria só quer, viajar pra receber diárias, fazer cursos, workshop´s, etc... Essa é a verdade da SEMA.
    Quando entra alguém que “aperta o cinto” da turma, começam a difamar.
    Qualquer um que assumir um cargo relevante na SEMA, será tachado de ladrão pra cima.
    Eu torço pra que ele seja o próximo Secretário, enfim a SEMA teria alguém com capacidade técnica e honesto.

  • cuidado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este Salatiel e um figura muito preocupante todo cuidado com ele e pouco! uma duvida, pergunte a ele por que foi cinvidado a sair da marconaria?

    depois que ele responder essa pergunta voltamos a nos falar. galera de olho nele!!!!

  • mauricio duarte monteiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...