Últimas

Quinta-Feira, 16 de Abril de 2009, 18h:35 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

RUMO A 2010

Salles diz que PSDB não pode cometer os erros de 2006

   O ex-governador Rogério Salles, uma das principais referências hoje do tucanato, declarou nesta quinta (16) que o PSDB tem grandes chances de retomar o governo do Estado em 2010, mesmo se tratando de uma legenda com pouco representatividade nos munícípios, longe daquele partido que em 2002, com Dante de Oliveira no Palácio Paiaguás, congregava 55 prefeitos. Hoje, são apenas seis. “Entendo que o quadro que está se desenhando abre espaço para o PSDB, mas não dá para trabalhar isolado. É preciso construir um arco de aliança”, alertou Salles, que também já exerceu o cargo de prefeito de Rondonópolis.

   Segundo Salles, o partido não pode tomar decisões como as do pleito de 2006, quando saiu derrotado nas duas candidaturas majoritárias, tanto com Antero de Barros para governador, quanto do próprio Salles para senador. Mais uma vez, o tucanato levou uma surra nas urnas do hoje governador Blairo Maggi.  "Naquela época, ficamos praticamente isolados. O Antero não queria ser candidato a governador e nem eu a senador. Eu pretendia disputar o cargo de deputado federal, mas foi necessário fazermos sacrifícios”, conta Salles, três anos depois, ao admitir falhas estratégicas. Ainda conforme o ex-governador, tanto sua candidatura quanto a de Antero foram inseridas no processo eleitoral por pressão interna do próprio partido. “Mas ele (Antero, então senador) queria disputar à reeleição”.

"Em 2006, Antero não queria ser candidato
a governador e nem eu a senador, mas foi
necessário fazermos sacrifícios"

   Com base eleitoral em Rondonópolis, cidade-pólo do Sul do Estado, Rogério Salles adianta que sua pretensão agora para o pleito de 2010 é concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados. Ele diz que já está trabalhando o seu nome junto ao setor produtivo da região e garante ter influências em outros pólos. Entre outras opções do PSDB a federal, Salles menciona os nomes dá já parlamentar Thelma de Oliveira, que buscará a reeleição, o ex-prefeito de Sinop Nilson Leitão, o suplente de deputado federal Saturnino Masson, de Tangará da Serra, e o deputado estadual Guilherme Maluf. (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • sidneia correa miranda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pelo que a gente ouve, o Rogerio Salles é uma pessoa seria, honesta sem ganancia pelo poder e será um otimo nome e Deputado como foi pelo curto espaço que teve quando governou MT! nunca vimos seu nome envolvido em escandalos, que é rotina em nosso pais.vai em frente e conte com a gente aqui em cuiaba.

  • antonio de jesus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    tai um bom nome para o governo do estado!

  • janaina leite arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    quando candidato a senador,gostei muito da pessoa do Rogerio Salles! pelas visita que fez aqui pelo Cristo rei em VG, percebi nele ser uma pessoa atencioso e reamente muito sincero em suas palavras. seria um otimo senador

  • Alexandre | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Todos sabemos que no pleito de 2006 seria praticamente impossível derrotar o governador Maggi, que de quebra levou Jaime ao Senado.
    Sendo assim, temos de dar parabéns ao Antero e ao Salles pela fidelidade que tem ao partido deles, pois vestiram a camisa mesmo sabendo das dificuldades de vitória.

  • silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o Rogerio Salles, Wilson Santos e o partido PSBD sao a bola da vez no Estado. ao Rogerio nao tem comentario sera o nosso Senador.

  • Rolando o Lero | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Adriano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este é o único nome bom que se salva dentro do PSDB.

  • Gilberto costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PSDB tem que coligar com o DEM, saindo JAIME CAMPOS para governador e TELMA vice. Ora chegou a vez e a hora de jaime voltar, foi um grande governador do estado, tinha nome de peso e respeito em seu governo, como TRAVASSOS, VUOLO, JOSE CORBELINO, SCHOMER E OUTROS. estamos acreditando em sua volta!!!!

Briga eleitoral de parentes em General

renato vilela 400 general carneiro   A briga política, jurídica e eleitoral na pequena General Carneiro, de 14 mil habitantes, está acirrada e envolve, em palanques diferentes, grupos com vínculos familiares. São dois na disputa pela prefeitura. A ex-prefeita Magali Vilela desistiu de tentar de novo o teste das...

Ataques a EP e o revide dos amigos

fabinho 400 curtinha   O empresário Fábio Martins Defanti, o Fabinho Promoções (foto), que em 2016 disputou para vereador e perdeu, está sendo bombardeado de críticas em grupos de WhatsApp, inclusive pelos próprios amigos, por causa de comentários, gravados em dois vídeos, com um...

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

MAIS LIDAS