Últimas

Quarta-Feira, 26 de Dezembro de 2007, 12h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Secretaria multa Peixaria Popular em R$ 20 mil

   A Peixaria Popular de Cuiabá foi multada em R$ 20 mil pela secretaria estadual de Meio Ambiente. Há mais de 30 anos em funcionamento, o tradicional restaurante recebeu punição por comercializar peixes com tamanho e documentação irregulares. A proprietária do estabelecimento Nilda Borges de Moura contestou a multa. Ele recorreu à Sema, mas o recurso foi negado pela relatora Ellen Adriane Souza Clementino.

   Também quanto à pesca irregular, a Sema autuou ainda Vilmar Carlos de Oliveira em R$ 1 mil. Ele foi pego com 20 quilos de pescado durante o período da piracema.

   Além das multas aplicadas em função de pescados irregulares, a Sema multou ainda a Indústria e Comércio de Calcário de Cuiabá Ltda em R$ 2,7 mil pela falta de um sistema de controle ambiental eficiente. Já a Agroindustrial Rosário Ltda recorreu e conseguiu reduzir a multa em 90%. Mesmo assim, terá de pagar R$ 1,3 mil pela instalação de uma indústria de fécula de mandioca sem licença ambiental.

   Por sua vez, o relator Aristóteles Ferreira da Fonseca negou recurso da Souvenir Dal Bó e manteve a multa de R$ 10 mil. A empresa foi condenada por queimar 700 ha sem autorização do órgão ambiental. A Sema condenou ainda a pagar R$ 850 mil a Sociedade Comercial AJJ Ltda, pela queimada de restos de exploração ambiental durante horário proibido numa área de 850 ha. A madeireira Getuba também foi multada em R$ 2,7 mil por transportar madeiras serradas sem a Autorização para Transporte de Produtos Florestais (ATPF).

    Outros casos

   Na lista dos que tiveram recursos indeferidos pela Sema aparecem ainda a Urbano Boesing, multada em R$ 42,6 mil por desmatar 426 ha de mata nativa, a W.J. Kistner - EPP, multada em R$ 8,4 mil por transportar madeira sem autorização da Sema e a Qualimad Comércio de Madeiras, punida em R$ 1,6 mil, por transporte de madeiras ilegalmente.

   Os membros da 2ª Junta de Julgamento de Recursos acolheram parte do pedido de cancelamento do auto de infração da empresa De Jorge Hotelaria Ltda. A multa aplicada pela existência de um poço tubular sem licenciamento ambiental foi reduzida para R$ 273. A pasta do Meio Ambiente também rejeitou recurso impetrado pela Agropecuária Brauna Ltda, que requereu o cancelamento do auto de infração. A multa permaneceu em R$ 1 mil.

   Também aparece na lista dos condenados o Condomínio Bougainville, que será obrigada a pagar R$ 1,5 mil por operar um poço tubular no condomínio sem a autorização da Sema. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Dionisio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • malaquias bonaparte de miranda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Engraçado, o diretor do fundo estadual do meio ambiente, femam, sobrinho de conselheiro de tribunal de contas, não sai da peixaria popular. Aí tem!!!

  • JOSÉ PAULO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    INTERESSANTE VER E OUVIR FALAR DESSA MATÉRIA. PORTANTO VEJO TUDO ISSO COM IRÔNIA. PORQUE NÃO COMBATE O CRIME AMBIENTAL; SERÁ PORQUE O GOVERNO NÃO QUER OU NÃO ACEITA...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...