Últimas

Sexta-Feira, 22 de Junho de 2007, 12h:31 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

VÁRZEA GRANDE

Secretário anuncia corte de ponto de grevistas

     Os professores da rede municipal de Várzea Grande, que ficaram em greve durante 15 dias no mês passado, vão sentir no bolso a punição imposta pela administração Murilo Domingos. O secretário de Educação, Elismar Bezerra, anunciou que os dias paralisados serão descontados em folha. Observa que a decisão partiu da Procuradoria-Geral do Município, ao considerar a greve ilegal.

     Perguntado se concorda ou não com a decisão, o ex-sindicalista preferiu não emitir opinião "para não causar mais polêmicas sobre o assunto". “Eu e o prefeito Murilo Domingos só temos que acatar à decisão”, explicou Elismar, que na década de 90 foi presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público do Estado (Sintep).

    A secretaria de Administração já recebeu a relação com nomes das escolas da rede municipal que tiveram as aulas suspensas por causa da greve. A partir daí, serão indentificados os profissionais que vão sofrer corte de salário. Os professores se dizem indignados.

     A greve começou no dia 17 de maio e algumas escolas permaneceram paralisadas durante 15 dias. A categoria reivindica realinhamento salarial e o envio do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para apreciação da Câmara Municipal. (Simone Alves - RDNews)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Bruno Placheski | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O prefeito de VG esta correto pois os professores nao devem paralisar as aulas pena q isso acarreta esses professores de falarem mau e trabalharem contra o prefeito.

  • RITA DE CÁSSIA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Elismar Bezerra lembra do seu tempo de sindicalista? Estamos vivendo o velho dito popular "faça o que eu mando e não faça o que eu faço" no seu caso é FAÇA O QUE EU DETERMINO E NÃO FAÇA O QUE EU JÁ FIZ COMO TRABALHADOR BANCARIO QUE LUTADA POR MELHORES SALARIOS.

Contrato para tocar eventos do TCE

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Guilherme Maluf, fechou um contrato anual com a Infortouch Agência e Comunicação, Eventos e Produtos Alimentícios, aproveitando ata de registro de preços  do Tribunal de Justiça de MT, com adesão-carona num processo de 2019. A empresa vai faturar R$ 376,9 mil para atender demandas do TCE em toda logística de eventos, envolvendo as etapas de planejamento,...

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.