Últimas

Sexta-Feira, 14 de Novembro de 2008, 18h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

INVESTIGAÇÃO

Secretário depõe e nega propaganda irregular

  O jornalista Osmar de Carvalho, secretário de Comunicação da Assembléia, negou, em depoimento nesta sexta à juíza da 54ª Zona Eleitoral de Cuiabá, Cleuci Terezinha Chagas, uso indevido de veículo de imprensa nas eleições gerais de 2006. Ele foi a única testemunha de defesa arrolada na Ação de Investigação Judicial, iniciada pelo PSDB, que pediu desistência e logo após assumida pelo Ministério Público Eleitoral.

  Osmar Carvalho garantiu que durante o período da campanha eleitoral a Assembléia não veiculou propaganda, somente material jornalístico. A denúncia do tucanato, que concorreu e perdeu com Antero de Barros como candidato a governador, seria de que Ely Santantônio, dono do semanário O Liberal, teria sido patrocinado pela AL para veicular matérias, beneficiando candidaturas. Segundo Osmar, todo o material veiculado à época está disponível no site da AL até hoje e que acabou sendo utilizado por alguns dos cerca de 600 veículos de comunicação que há no Estado.

  A ação é contra o então candidato à reeleição e hoje governador Blairo Maggi, o vice Silval Barbosa, o deputado estadual José Riva, o jornalista Ely Santantônio e a coligação Mato Grosso Unido e Justo. O advogado de Riva arrolou somente Oscar como testemunha. Pediu a desistência de oitiva das outras testemunhas, sendo elas Vilson José de Jesus, Edemar Nestor Adams, Cristiano Guerino Volpato e Agenor Jácomo Clivati. Todos os presentes na audiência manifestaram a concordância na desistência.

   A oitiva se deu na 1ª Vara Especializada da Infância e Adolescência da Capital. Foi acompanhada pela promotora eleitoral Esther Louise Asvolinsque Peixoto Ferraz, e pelos advogados do governador Maggi, Ivan Ayres da Silva e Elly Carvalho Junior, do vice Silval, Breno Miranda, de Riva, Alexandre de Sandro Nery Ferreira e Mário Ribeiro de Sá, e da coligação MT Unido e Justo, Heitor Corrêa da Rocha e Renato Ribeiro de Almeida Orro Ribeiro.

   A ação será processada e julgada pelo TRE. O relator do processo, corregedor regional eleitoral e vice-presidente, desembargador Manoel Ornellas, delegou à 54ª Zona Eleitoral, por meio de Carta de Ordem, apenas a oitiva das testemunhas.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Maria Eduarda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha Osmar, conhecendo você tão bem como conheço, e te admiro bastante só lhes digo uma coisa, meu filho põe sua barba de molho, porque o galho só quebra pro lado do mais fraco e neste caso você que é o mais fracos com os peixes grandes não vai acontecer nada, vão jogar toda culpa em você, mas como você é um homem de Deus acreditamos na misericórdia Dele que você conseguirá mais esta vitória, torço e oro muito por você e família. abraços, Maria Eduarda.

  • Luiz Blanco | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Alguem pode me explicar como esses produtores que conseguem ter até cinco safras boas seguidas não conseguem resistir a uma safra ruim? Não poupam? ou não querem pagar, não querem recuperar as reservas legais, as APPs e vão acabar ficando sem água,aí sim vão entrar em crise, acho que o negócio é muito bom, pois não se paga os financiamentos, porem ambientalmente estão seriamente ameaçados pela falta de chuvas.

  • NHÔ | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E ISSO AI

3 candidatos competitivos em Sinop

roberto dorner 400   Apesar da "inflação" de candidatos a prefeito de Sinop, com cinco no páreo, a disputa tende a se acirrar mesmo entre o empresário Roberto Dorner (foto), do Republicanos e apoiado pela prefeita Rosana Martinelli (PL), o ex-prefeito e deputado Juarez Costa, que atraiu 10 partidos para o palanque, e o...

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.