Últimas

Terça-Feira, 03 de Abril de 2007, 09h:25 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Secretário Malheiros já garante aposentadoria

    O secretário-chefe da Casa Civil do governo Blairo Maggi, deputado João Malheiros (PR), na iminência de perder o mandato por ter trocado de partido, já garantiu sua aposentadoria. Entrou para a lista dos inativos da Assembléia Legislativa, onde estava lotado como técnico legislativo. Vai ganhar mais de R$ 2 mil mensais, fora os R$ 10,5 mil que recebe hoje como secretário de Estado.

     O ato aposentatório voluntário de nível médio, classe "D", foi aprovado pelo Tribunal de Contas do Estado na semana passada. Malheiros incorporou tempo de serviço como, por exemplo, 46% de adicional, sendo 30% calculado sobre o vencimento base, 4% sobre sua remuneração e 12% sobre o vencimento base do cargo efetivo.

    Ex-presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, João Malheiros se elegeu deputado estadual, pela primeira vez, em 2002. À época, pelo PPS, teve 19.985 votos. No ano passado, conquistou a reeleição, com 20.704 votos, também pela legenda socialista.

    Há menos de dois meses assumiu o papel de interlocutor do governo Maggi no comando da Casa Civil. A mudança do Legislativo para o Executivo abriu espaço na Assembléia para o primeiro suplente Wagner Ramos, de Tangará da Serra.

     Malheiros é um dos seis parlamentares, incluindo dois suplentes, que deixaram o PPS para acompanhar Maggi no PR e agora, por conta da decisão do TSE, correm risco de terem o mandato cassado. Ao emitir parecer a uma consulta do PFL, hoje DEM, o Tribunal entendeu que o mandato pertence ao partido e não ao  eleito para cargo no legislativo em todas as esferas (câmaras municipas, Assembléias Legislativas e Câmara Federal). Nesse caso, quem trocou de sigla deve perder o mandato.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...

Nivelando para cima o debate em VG

emanuelzinho 400   Em discurso na Câmara Federal, Emanuelzinho (foto), 3º colocado a prefeito de Várzea Grande, disse ter ajudado a nivelar, por cima, o debate eleitoral, com grandeza e altivez e se mostra entusiasmado. Destaca que "política se faz com seriedade, transparência e com o coração sintonizado...