Últimas

Terça-Feira, 12 de Junho de 2007, 15h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Sem caixa, Túlio deixa Empaer; Freitas quer vaga

    O ex-prefeito de Cáceres (2001/2004), Túlio Fontes, só permaneceu três meses no cargo de diretor-administrativo e financeiro da Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Empaer). Com o caixa "zerado" e quase todo o orçamento de R$ 32 milhões do exercício de 2007 já comprometidos, Fontes não encontrou outra alternativa senão se auto-exonerar. Mandou uma carta à direção do DEM (antigo PFL) e aos parlamentares da legenda. No comunicado, relata aos colegas de partido as dificuldades financeiras pelas quais passam a empresa, hoje comandada por Leôncio Pinheiro, irmão do senador Jonas Pinheiro.

    A direção estadual dos Democratas se reunirá na próxima semana com o governador Blairo Maggi para indicar um nome para o cargo. O ex-deputado José Carlos de Freitas, angustiado por até agora não ter sido nomeado adjunto da pasta da Cultura, colocou o nome à disposição da legenda. Ex-dono de frigorífico, Freitas se diz desempregado. Além de não ter conseguido se reeleger, ainda carrega sobre os ombros processo criminal como um dos responsáveis pela tragédia da Feicovag - clique aqui e leia mais sobre o assunto.

   Procurado, Túlio Fontes preferiu não se pronunciar a respeito do pedido de exoneração da Empaer, que detém um orçamento anual de R$ 32 milhões. Limitou-se a dizer apenas que "não havia condições adequada para desenvolver as ações planejadas". "Eu imaginava que pudesse trabalhar de uma forma no cargo e, em pouco tempo, verifiquei que não seria possível".

    Túlio substituiu na diretoria financeira Rosalina Pinheiro, irmã do senador Jonas. O parlamentar, aliás, é tido como o "dono da Empaer", da qual é servidor de carreira. Jonas Pinheiro mantém em cargos comissionados vários apadrinhados.

     Num Estado com a economia predominantemente agrícola, a Empaer não tem sido prioridade do governo. Mesmo aos trancos, a empresa, com cerca de 900 servidores, conseguiu prestar assistência no ano passado a quase 50 mil pequenos produtores. Tem papel fundamental no programa de agricultra familiar.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • José Alves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pois é Romilson, a EMPAER-MT está o retrato de um governo mediocre, onde a Educação é péssima, a saúde péssima, segurança péssimas das péssimas e ainda tem eleitor que aprova o governo.

    A EMPAER-MT atendeu ano passado cerca de 50.000 familias estando presentes em praticamente todos os municipios do ESTADO e mesmo assim o tal Blairo Maggi tem a intenção de afundar (acabar) com a empresa. Não há compra de veiculos desde 2002, agora como uma empresa estadual de pesquisa e extensão rural faz sem veiculo decente e sem concurso desde 1994. Tendo praticamente cerca de 50% dos funcionários comissionados com baixos salários.

    Outra pérola que o governador fala na imprensa é que a EMPAER-MT não faz pesquisa, Quem faz? A fundaçao MT? Sim sendo de sua propriedade?, tanto que faz pesquisa para grandes produtores e para grandes empresas privadas. E o pequeno produtor para onde vai? Sem a pesquisa para o pequeno o que será dele? Será que variedades e culturas de outros Estados dão certo em MT? Para que serve a pesquisa?
    E as outras cadeias produtivas? Vc pode perguntar e a EMBRAPA? Esta está em condições parecidas ou até pior que a EMPAER-MT.

    Ainda tenho esperança que a EMPAER-MT volte a ser o que era, ou seja referência a nivel nacional em pesquisa e extensão rural no Estado de MT. Será o Eng. Agr. Blairo Maggi sabe o que é isso?
    O que será do MT Floresta sem a EMPAER? O que será do MT Regional sem a EMPAER?

    A falta de respeito tanto com a EMPAER-MT tanto com as co-irmãs INDEA e INTERMAT é tão absurda que a EMPAER-MT ainda é a que apresenta maior orçemento, imagina o resto o caco que deve estar. Graças a 'febre aftosa' em MS é que houve compra de veículos para o INDEA ano passado.
    Fatos como esse que acontece com a EMPAER-MT é que esse Estado é não é agrícola e sim maggícola

    Presidente Leôncio lhe peço encarecidamente que não aceite sermos humilhados como fomos em 4 anos e agora mais 4, força, sabedoria e fé em DEUS.

    Produtores de MT apoiem e ejudem a EMPAER-MT, INDEA e INTERMAT, o público alvo são voces.

    Atenciosamente.

Filho de Taborelli assume vaga em VG

Willy taborelli _ curtinha400   O pai coronel Taborelli está fora de combate, mas o filho Willy (PSC), suplente de vereador, vai assumir cadeira na Câmara de VG a partir de 2 de março. Vai atuar na vaga do correligionário Miguel Baracat, que se licencia para fazer tratamento de saúde. O filho do polêmico...

Sem acordo para ter apoio de Selma

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, pré-candidato ao Senado, disse que, de fato, recebeu convite para se filiar ao Podemos, inclusive do deputado Medeiros, um de seus prováveis adversários nas urnas de abril, mas que segue firme no PDT. Destaca ser um admirador do senador...

Na expectativa para disputar Senado

nelson barbudo 400 curtinha   Se o TRE flexibilizar a data de filiação para quem quer concorrer ao Senado, na eleição suplementar de abril, a inflação de candidatos tende a ser ainda maior. Entrariam no páreo, além dos 10 que já se dizem pré-candidatos, o ex-governador Pedro...

Conflito armado entre Ulysses e Elizeu

ulysses moraes curtinha   Já está dando confusão no PSL/DC o acórdão feito entre os deputados estaduais Ulysses (foto) e Elizeu. O primeiro confidenciou a amigos que não pretende apoiar a possível candidatura de Elizeu ao Senado, na eleição suplementar, marcada para abril. A considerar...

Jornalistas lançam 1º Anuário Jurídico

antonielle_curtinhas   O site Ponto na Curva e o Animus Centro Empresarial lançam em maio o primeiro Anuário Jurídico de Mato Grosso. A publicação, que é inédita no Estado, é conduzida pelas jornalistas e advogadas Antonielle Costa (foto) e Débora Pinho. A ideia é dar destaque a...

Ao Senado e com apoio de Bolsonaro

jose medeiros 400 curtinha   Com o apoio garantido por Bolsonaro, José Medeiros dá um passo largo rumo ao Senado, já nesta fase de pré-campanha. Entusiasmado, ele marcou a convenção do Podemos para 12 de março. De um lado, o ex-senador e hoje federal entra no rol dos mais cotados por causa do peso do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.