Últimas

Quinta-Feira, 29 de Novembro de 2007, 01h:23 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

SANGUESSUGAS

Sem mandato, Ricarte faz lobby e tem privilégios

   O petebista Ricarte de Freitas, que concluiu o mandato em janeiro deste ano antes de ser julgado em plenário por envolvimento na máfia das sanguessugas, continua agindo em Brasília, ora como lobista, ora como consultor e até como "deputado". Mora no Lago Sul, a parte nobre da Capital Federal. Ele anda todo alinhado. Usa terno e gravata impecáveis, com direito a boton de parlamentar e até pede audiência nos ministérios se identificando como "o deputado Ricarte de Freitas".

    Tem mais: utiliza o elevador privativo do anexo 4 da Câmara, onde fica a maioria dos gabinetes. O fantasma do Ricarte está presente, seja na Câmara, no Senado ou no Palácio do Planalto. Costuma oferecer jantar em seu apartamento, onde recebe amigos e parlamentares para conversar sobre negócios e política.

   Não fosse as graves denúncias que pesam contra o ex-deputado, ele seria hoje o "embaixador" do governo Blairo Maggi em Brasília. Chegou a acertar com o governador a data para tomar posse como coordenador do escritório de representação do Estado. Depois, o próprio Maggi, após críticas de aliados devido à escolha, mandou dispensá-lo, inclusive por meio de telefonema. Ricarte ficou uma fera. Em seguida, se articulou para ocupar um cargo no Ministério do Turismo, com aval do seu amigo, o ex-ministro Walfrido dos Mares Guia. A estratégia não deu certo.

    Ricarte esteve no olho do furacão. Enfrentou tanto desgaste na campanha do ano passado por causa do envolvimento no escândalo da máfia das ambulâncias que não se reelegeu. Teve 22.672 votos. Garantiu apenas a segunda suplência da coligação Unidade e Trabalho (PMDB/PL/PTB). Morando em Brasília, ele leva uma vida de executivo. As denúncias são coisas do passado. Ele quer é viver o presente e longe de Mato Grosso.

     Acusação

    O deputado José Eduardo Cardoso (PT-SP) elaborou um relatório para ser entregue ao  Conselho de Ética da Câmara, sugerindo a cassação de Ricarte. Era tarde demais. O Congresso Nacional já estava em recesso e o petebista veio concluir o mandato em 31 de janeiro, antes mesmo do processo ir à votação.

    De acordo com as investigações, o empresário Luiz Antônio Vedoin, um dos chefes das sanguessugas, teria pago cerca de R$ 600 mil de propina a Ricarte em troca de emendas ao Orçamento. O relator do processo tinha conseguido documento que revelava transferência de um Fiat Ducato, avaliado em R$ 70 mil e repassado a Ricarte. O ex-deputado admitiu o uso do veículo, como teste, durante dois meses em 2002. Assegurou também que não recebeu propina e negou relação com a máfia.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Romoaldo, prescrição e elegibilidade

romoaldo junior 400 curtinha   Assim como Wilson Santos, o deputado Romoaldo Júnior (foto) assegura que hoje também está elegível porque uma condenação de dois anos e três meses de prisão, inclusive com perda do mandato, acabou prescrita. Ele disse que ainda não sabe se disputará...

Juca quer ex-deputado no Gabinete

roberto nunes 400   O presidente do Legislativo cuiabano, vereador Juca do Guaraná, disse que irá convidar o ex-vereador, ex-vice-prefeito e ex-deputado estadual Roberto Nunes (foto) para assumir a Chefia de Gabinete da Presidência. Enfatiza que Roberto é bem articulado politicamente, tem habilidade e experiência e,...

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.