Últimas

Domingo, 10 de Maio de 2009, 23h:53 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

PROJETO

Senador quer plebiscito, mas propõe mudar horário de MT

   Após encontrar resistência a seu projeto em defesa da mudança do horário de Mato Grosso para se igualar ao de Brasília, apresentado no senador junto com o colega senador sul-mato-grossense Delcídio Amararal (PT), Jayme Campos propõe agora que sejam promovidos audiências públicas e plebiscito, de modo a ouvir a população sobre se concorda ou não com a alteração do fuso horário.

   "Eu fui signatário desse projeto, mas temos de debatê-lo", comentou o senador democrata, em entrevista neste domingo à noite no Ponto de Vista, da TV Rondon (Rede TV!). Apesar de desconversar para amenizar as críticas, Jayme Campos demonstrou ser favorável a que MT e MS adiante uma hora e, assim, se adapte ao horário oficial. A proposta tramita nas comissões do Senado. A questão é polêmica. Uns entendem que traz benefícios, principalmente às empresas. Outros condenam o projeto e observam que o fuso horário já é determinado pelo Meridiano de Grenwich. O curioso é que essa proposta tramita no Senado desde 1991 e teve como seu primeiro signatário o ex-senador Júlio Campos (DEM), irmão do próprio Jayme.

    Para Jayme, a alteração no horário facilitaria as transações comerciais, operação bancária e geraria mais conforto para a comunidade, além de otimizar o consumo de energia elétrica. Lembra que em alguns municípios mato-grossenses, como Barra do Garças e a maioria dos que integram a região do Araguaia, o horário adotado, na prática, é o do vizinho Estado de Goiás, o mesmo da Capital Federal. Jayme enfatiza também que o Acre aceitou reduzir a diferença de duas para uma hora do horário oficial.

-----------------------------------------------------------------------------------------
Veja no play o que diz o senador sobre a proposta de mudar o horário de MT

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Leonides | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho mais interessante uma avaliação técnica, sobre o impacto da mudança na saúde e na segurança da população , visto que nossos filhos que estudam no periodo matutino (principalmente durante a vingência do horário de verão) sairam praticamente na madrugada (4:00) escura para pegar seu onibus. É preciso isolar o interesse econômico para uma análise correta.

  • Moacir miranda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A Globo é muito poderosa ao ponto de convencer um senador a mudar o nosso horário oficial, apenas para aJUSTAR A SUA PROGRAMAÇÃO. Senhor Senador mande fazer um estudo sério a respeito do assunto, comparando os benefícios e os malefícios dessa mudança de horário. tenho tr~es filhos na escola que estudam pela manhã, e digo da dificuldade em acordá-los todos os dias. Nosso fuso horário esta certo. Brasilia deveria ter o nosso horário, mas por questões políticas foi mudado para o horário do litoral.
    Tenha dó dos trabalhadores e de nossas crianças. Se o senhor quizer mesmo sair governador vai cuidar de outras coisas mais importantes. Tenha paciência.... ninguém merece.....

  • JOSÉ | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTA BALELA DE NOVO? ÊTA SENADORZINHOS QUE NÃO TEM O QUE FAZER! ESTA HISTÓRIA DE QUE FAVORECERIA CONFORTO DAS EMPRESAS É PURA DEMAGOGIA BARATA. SÊ HOJE TEMOS INTERNET PRA TUDO E A QUALQUER HORA.
    SENADORES PORQUE NÃO MUDEM O HORARIO DE BRASILIA AO DOS EUA OU DO JAPÃO PRA FICARMOS COM HORÁRIO DE 1º MUNDO. ORAS ESTAS ERA SÓ O QUE FALTAVA.

  • Silverinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Senador esta a serviço da Rede Globo, única interessada neste assunto. A Globo quer acertar o horário de sua programação. A Fecomércio e o CDL serão desmascarados caso seja feito um plebiscito sobre o assunto.
    O que esta em jogo é dinheiro, o povo que se exploda.

  • Magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já que fomos culpado dele ser eleito Senador, o meu voto e pela mudança do Senador Carniceiro para Brazolia de mala e cuia, e pronto não se fala mais nisso. E o carnicento já está querendo nos testar, candidatando Governador e os 4 anos de Senado como fica???Se queria ser governador porque não esperou para candidatar agora??? Esse povo continua achando que somos cobaia de pulitico. Não contenta com nada.

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...