Últimas

Segunda-Feira, 07 de Abril de 2008, 17h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

ARTICULAÇÃO

Senadora admite buscar novo mandato em 2010

Serys diz que não conseguiu convencer Abicalil a entrar na disputa a prefeito de Cuiabá

  A senadora Serys Marly disse que conversou com o seu colega petista, deputado federal Carlos Abicalil, no sentido de motivá-lo a concorrer à Prefeitura de Cuiabá. "Tenho conversado com ele (Abicalil) para ele vir a ser o candidato do PT, pois tem chances reais de vencer as eleições". Segundo ela, Abicalil acha que agora não é o momento, já que tem a presidência regional do partido para se dedicar. Ex-dirigente estadual da agremiação petista, a senadora reafirmou nesta segunda (7) que está fora do páreo. Admite que trabalha projeto de reeleição para 2010. O projeto de Serys choca com o de Abicalil. Por isso, os dois já vivem rota de colisão desde já. Medem forças internas.

   Militantes petistas têm entre 18 a 21 deste mês para se inscreverem às prévias. Até agora o partido conta com dois "prefeituráveis": o assessor da própria Serys, Vicente Vuolo, o Vuolinho, e o médico Alencar Farina (ex-PR). A corrente Unidade da Lula, mesmo grupo de Abicalil e do secretário de Estado de Educação, Ságuas Moraes, começou a incentivar o deputado Alexandre Cesar a se inscrever. O parlamentar resiste porque não conseguiu se livrar de uma série de "pepinos", já que foi acusado de, enquanto dirigente do PT, deixar rombo nas contas e ainda de ter utilizado caixa 2 em 2004, quando concorreu e perdeu a Prefeitura de Cuiabá.

    Apesar de Farina e Vuolinho não apresentarem visibilidade eleitoral, a senadora Serys avalia que isso não reflete no resultado do processo eleitoral. "Isso é muito relativo. Quando disputei a eleição para o Senado era um nome fraquíssimo e venci", diz, numa referência ao pleito de 2002, quando ficou com a segunda vaga, batendo o ex-governador Dante de Oliveira (já falecido). (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • CIDADÃO DESESPERANÇADO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É senadora, a senhora venceu porque não tinha apunhalado os velhinhos pelas costas ainda com 11%, lembra-se disso????? a senhora até chorou,mas como a senhora é partidaria teve que votar com o partido.-ou ja esqueceu e acha que o povo ja esqueceu tambem?

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

Aumento para vereador só em 2022

Alguns vereadores em Cuiabá, tanto novatos quanto aqueles reeleitos, ficaram surpresos quando informados pela Mesa Diretora de que o aumento salarial de R$ 15,1 mil para R$ 18,9 mil, aprovado agora no final de dezembro, só começa a valer a partir de janeiro de 2022. Não entra em vigor de imediato, mesmo se tratando de nova legislatura, por causa da pandemia, que levou o governo federal a estabelecer, em lei, veto a qualquer tipo de reajuste para servidores até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.