Últimas

Sexta-Feira, 12 de Outubro de 2007, 09h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

SENADO

Senadores traem população e votam pela CPMF

    Contrariando a maioria da população, os senadores mato-grossenses Jaime Campos e Jonas Pinheiro (ambos DEM) e a petista Serys Marly vão votar a favor da prorrogação da Contribuição Provisória Sobre Movimentação Financeira (CPMF) até 2011. Eram os votos que faltavam se confirmar para levar o governo Lula à vitória em mais um embate com a oposição. Agora, o Palácio do Planalto registra 51 votos pró-CPMF, dois a mais que o necessário.

    Para se sujeitarem ao desgaste público votando a favor do chamado imposto do cheque, os democratas exigiram algo em troca. Tiveram do Palácio do Planalto mais do que esperavam. Jonas, com ajuda de Jaime, conseguiu "emplacar", por exemplo, João Bosco de Moraes na superintendência do Incra em Mato Grosso, algo inesperado, já que "derrubou" o petista Leonel Wohlfahrt.

   Quanto à senadora Serys, não foi preciso muito esforço para fazer com que ela defendesse o imposto. A exemplo do que vez quando da votação da taxação dos inativos (só faltou chorar), Serys usou a tribuna nesta quinta para justificar o porquê de votar a favor da prorrogação da CPMF, que garantirá R$ 40 bilhões ao governo. Alegou que 40 milhões de brasileiros pobres não pagam CPMF e destacou que a contribuição é destinada à área da saúde e ao programa Bolsa-Família.

    A senadora criticou e acabou irritando integrantes da oposição que são contra a CPMF. “Essa é uma arrecadação que não permite sonegação. Deve ser esse o motivo do grande combate à CPMF. Mas não podemos deixar de aprovar a prorrogação", disse Serys no plenário.

    A manutenção da CPMF já passou pela Câmara dos Deputados, em sessão na quarta (10). No primeiro turno, a proposta foi aprovada por 333 votos a favor, 113 contra e 2 abstenções. Agora, as discussões tomam conta do Senado, onde também precisa ser votada em dois turnos. Com o licencimento de Renan Calheiros (PMDB) da presidência do Senado, acabou o fôlego da oposição na luta contra a extinção da CPMF. Mais uma vez, vencerá a barganha do governo e a subserviência de nossos representantes políticos. (Simone Alves e Romilson Dourado)

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Diogo Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ninguém merece esse trio, só faltou cantar ciranda cirandinha. Em 2010 eu não ajudarei a colocá-los lá de novo. Entre eles, a Serys é a pior ..demagoga ao extremo.

  • gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    No Brasil a corrupção consume mais de R$ 100 bilhões por ano se todos os Senadores (as)Cumpricem com a missão de fiscalizar a correta aplicação dos impostos não teria problema nenhum eles votarem a favor da CPMF. O inaseitável e vergonhoso é a barganha como por Exemplo o Incra para os DEMO- MT. Alguém precisa comunicar a Direção Nacional dos DEMO que na pratica oque eles estão dizendo nas incerções via Televisão não esta sendo cumprida aqui em MT. Que oposição é ESSA?

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Infelizmente, não há muito o que se fazer quanto a CPMF. Para ser coerente a Serys deveria apoiar o imposto mesmo. Quando o DETRAN elevou as taxas a níveis absurdos no governo Dante com a concordância da Assembléia Legislativa lá estava ela, melhor, ela sequer esteve presente, ausentou-se para não votar nem sim, nem não. De qualquer forma, o governo precisa mesmo do CPMF, caso contrário não haverá Bolsa-Família.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estes Três subserviente do Palacio do Planalto são uma vergonha.

  • Agnaldo da Silva Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O nosso consolo é que dois desses Senadores perderão os seus mandatos em 2010.

  • antonio dos santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vc poderia esperar o que desse trio.um é parente de sangue suga, outra estava no sangue suga e o jaiminho.rssrsrs, esse nem se fala , tá mais sujo que aquilo do galinheiro

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ...venho falando isso a muito tempo!
    ...nunca tivemos uma bancada de senadores tão fraca como temos hoje!...mas como o colega já disse, nosso consolo é que dois destes já vão dar a Deus ao senado!

  • jorge oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romildo , vc ja viu politico fazer alguma coisa p. nosso bem , o eleitor ja ta careca de saber ;que politico não presta ,exemplo ai e o famigerado horario de verão a economia 1% , dai eu pergunto ninguem merece, um grande abraço gosto muito do seu BLOG.

  • Borges | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senador Pedro Jorge Simon, esta envergonhado de sua conterrânea, nos mato-grossense estamos em desvantagem só vem tranqueira do sul. O nosso governador que veio do PR é outro, encestou imposto da soja de exportação.

Coronel linha dura morre ao 91 anos

Coronel Abid 400   Morreu   em Campo Grande (MS), aos 91 anos,  o coronel da PM aposentado Adib Massad (foto), considerado  um dos principais nomes  da Segurança Pública de Mato Grosso na década de 1970. À época, ainda com a patente de  tenente, foi comandante regional...

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...