Últimas

Quarta-Feira, 31 de Outubro de 2007, 19h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

LEGISLATIVO

Sérgio propõe que o Estado pague o passe-livre

  O presidente da Assembléia, deputado Sérgio Ricardo (PR), apresentou nesta quarta um projeto que deixará o governador Blairo Maggi numa saia-justa. Propõe que o Estado implante o Programa Estadual do Passe-Livre Estudantil. Esse assunto já vem tirando o sono do prefeito Wilson Santos (PSDB), de Cuiabá, onde o benefício está em vigor desde a gestão Roberto França, a partir de 97. No caso da Capital, 50% das despesas com o passe-livre são pagas pela prefeitura e, a outra metade, imbutida na tarifa, o que pesa no bolso do usuário do transporte coletivo.

   Marcando mais um capítulo sobre passe-livre, o prefeito vetou, mas os vereadores aprovaram restrição ao benefício. Agora, após a promulgação, estudante só vai circular de ônibus gratuitamente no itinerário de ida e volta para a escola e não mais à vontade como antes. 

  Sérgio Ricardo resolveu, então, testar o humor do governo Maggi. Quer o passe-livre para contemplar estudantes de todo o Estado. Pelos cálculos preliminares, o programa atenderia a mais de 120 mil alunos diretamente e mais 43 mil na rede privada de Cuiabá e Várzea Grande.

   "O Estado tem por obrigação criar todos os instrumentos possíveis de acesso à educação, principalmente para aqueles que necessitam utilizar regularmente o transporte coletivo para a conclusão de seus estudos", diz Sérgio, pré-candidato do PR à Prefeitura de Cuiabá. Sua proposta deve gerar debates e manifestações. Os estudantes podem aderir a idéia e partir para a pressão sobre o governo.

    Sérgio Ricardo defende que o passe-livre seja regulamentado pelo Estado de forma gradual, partindo da região metropolitana e, posteriormente, se estendendo aos demais municípios. Entende que o projeto é viável por meio de parceria com as prefeituras. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • dualcy g. junyor | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse deputadozinho gosta de se aparecer. O estado não está dando conta do que já tem para pagar, agora que está perto das eleições 2008 ele vem com essas materias famingeradas e irresponsavél. Tenha santa paciência Sergio Famingerado, ou seja, Sergio Ricardo.

  • SILVIO G RODRIGUES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TA DE PARABENS O DEPUTADO, APRESENTOU UM PROJETO DE LEI, NÃO FICOU COM DEMAGOGIA, O PAPEL DOS LEGISLADORES É ISSO MESMO.
    PODERIA O MESMO IR PARA TV E DETONAR O PREFEITO E VEREADORES - ELOGIA OS 5 QUE VOTAM A FAVOR DO VETO - E SAIR PENSANDO QUE ESTARIA GANHANDO VOTOS.
    MAS LEGISLADOR É PARA APRESENTAR PROPOSTA CONCRETAS - ELEITORES PERCEBERAM A DIFERENÇA

  • jeovaldo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tai uma boa ideia vamos tomar essa 51, se todos se unisem, e cada um ficasse com sua parcela de responsabilidade, seria bem melhor, vamos la nos "veja Bem" Prefeitura com o Municipio, "veja bem" Estado com as escolas Estaduais, e "veja bem" escola Federal com as escolas Federal, e um ultimo "veja bem" mais dificio, as escolas Particulares, com a sua parcela de ajuda,ai sim, tudo ia as mil maravilhas, cada um com a sua parcela de contribuição. Mais não pode ficar só nos famigerados "veja bem" tem que por em pratica. ai Eu, digo "Todos Unidos Construiremos uma Cuiabá Melhor", a população clama por ajuda, mais uma ajuda decente, sem demagogia barata, o projeto e viavel sim e só querer, e se necessario for o Povão vai as ruas, Fui....

  • Eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Excelente proposta, até que enfim alguma coisa realmente prática e justa, até que enfim alguém teve a coragem de corrigir um erro da Câmara Municipal de atribuir à responsabilidade do pagamento dos passes dos estudantes da rede de ensino Municipal, Estadual, Federal e Particular a Prefeitura de Cuiabá juntamente com o restante da população trabalhadora.

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...