Últimas

Segunda-Feira, 22 de Junho de 2009, 08h:58 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

FAMILIOCRACIA

Sérgio vai para TC e irmã quer ficar com espólio político

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
Deputado e apresentador de TV Sérgio Ricardo (PR) articula vaga de conselheiro do TCE, cuja nomeação deve sair neste ano, enquanto Gisele Almeida está sendo preparada para substituí-lo na carreira política

  O deputado Sérgio Ricardo (PR) se organiza para deixar a vida pública neste ano e prepara a irmã, a publicitária e apresentadora de TV Gisele Almeida, para ficar com seu "espólio político". As negociações avançaram e Sérgio será o próximo a ser nomeado conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, um cargo vitalício que rende mais de R$ 20 mil mensais de subsídio, privilégios, regalias e poder. Gisele está disposta a concorrer a cargo eletivo no pleito de 2010. Com estilo similar ao do irmão, ela mudou até o nome do seu programa de TV, tudo para ganhar popularidade. De "Tarde no Shopping", passou a se chamar "Programa Gisele Almeida".  É apresentado diariamente na TV Rondon (Rede TV!) e no canal 20, arrendado pelo próprio deputado.

  Sérgio registra uma carreira política "meteórica". Jornalista, formado em Direito e apresentador de um programa na TV Cidade Verde (Band) batizado com o seu próprio nome e mais com o propósito de transformá-lo em palanque eletrônico, ele começou como vereador por Cuiabá. A TV é sua vitrine, mas conta com uma estrutura paralela, como um ônibus transformado em gabinete itinerante. Assim, chegou à cadeira de deputado, garantiu novo mandato e já presidiu a Assembleia. Hoje é o primeiro-secretário da Mesa Diretora da AL. Já militou no PMN, no extinto PFL (hoje DEM), PPS e hoje está no PR.  Sérgio foi candidato a prefeito de Cuiabá em 2004 e, por pouco, não disputou de novo as eleições do ano passado ao mesmo posto. Desde 2008, lançou pré-candidatura a governador rumo a 2010, mas, como enfrentou resistência da turma da botina ligado a Blairo Maggi, nem comenta mais o assunto com tanto ânimo como antes.

  O deputado "costura" agora nos bastidores para virar conselheiro. A tendência é que até novembro deste ano venha a ocupar a cadeira de Alencar Soares, que deve se aposentar prematuramente. Assim, Sérgio sai de cena na vida pública e vai se juntar a outros seis conselheiros, entre os quais os recém-empossados Campos Neto, Humberto Bosaipo e Waldir Teis. A partir daí, ele não poderá mais "fazer política". Por isso, tenta transferir sua base eleitoral à irmã Gisele.

(Às 12h15) - Em nota, deputado garante que articulação pró-TCE é especulação

  O primeiros-secretário da Assembleia, deputado Sérgio Ricardo, garante que não está articulando ingresso no TCE como conselheiro, apesar da movimentação de bastidores apontar o contrário. Ele assegura ainda que continua firme no PR, inclusive, na condição de pré-candidato a governador. Adianta ainda que, assim que deixar a vida pública, não pretende transferir espólio político a ninguém da família.

    Eis a nota na íntegra de Sérgio acerca de sua eventual saída da vida pública
  "Em função da matéria sob o título “Sérgio vai para TC e irmã que ficar com espólio político”, cabe os seguintes esclarecimentos:
   1) Não procede a informação de que teria definido minha ida para o Tribunal de Contas do Estado. Continuo a disposição do meu partido, o PR, para uma disputa majoritária nas eleições de 2010, seja como candidato a senador ou a governador. Qualquer notícia diferente desta realidade apresentada não passa de mera especulação;
   2) O dia em que passar a não disputar mais cargo eletivo – e espero que isso demore bastante, nenhum outro membro de minha família irá ocupar quaisquer tipo de “espólio político” que tenha eventualmente deixado. Informo isso porque  não há na família ninguém interessado em disputar cargo eletivo em qualquer esfera."
  Atenciosamente,
  Cuiabá, 22 de junho de 2009.
   Sérgio Ricardo - deputado estadual

(Às 15h15) - Gisele afirma que não vai ser candidata e diz que projeto é continuar na TV

   A publicitária e apresentadora de TV Gisele Almeida disse que, apesar dos rumores, não tem pretensão de concorrer a cargo eletivo. "Nenhum membro de minha família herdaria qualquer tipo de espólio político do Sérgio", afirma a irmã do deputado Sérgio Ricardo que, apesar de negar, se movimenta nos bastidores para ser nomeado este ano conselheiro do TCE. “Meu projeto é continuar cuidando do meu programa, do meu filho, da minha família. Nada mais”, destaca Gisele.

Postar um novo comentário

Comentários (36)

  • MuvuK | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lembra aquele cartaz nos estádios de futebol escrito EU JÁ SABIA!

    Pois é.

    Relaxa reportagem, daqui para o final do dia ele desmente essa matéria.

  • Pedro Alvares de Camargo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tudo bem.. a criança vai em um golpe politico para o TCE - eu que votei nele pego meu voto e ... tá bom, não foi a primeira nem a última vez que sou logrado em meu voto, mas essa de colocar sua irmã já é demais, assim não dá
    Pessoas de bom senso não entrem nessa que é fria. Alías quem é essa moça.
    Sérgio saia com dignidade, sem essa de nepotismo. Olha que o castigo demora mais não falha. Quanto aos seus eleitores(como eu)
    deixa para lá. Mato Grosso não ganha um conselheiro e perde um bom politico

  • José Eduardo Pessoa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só existem legalmente neste Pais duas maneiras de enriquecer rápidamente. Ser jogador bom de bola e Político do tipo desses aí. No demais só acertando na mega sena acumulada.

  • João Cleber | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    FIM DOS TRIBUNAIS DE CONTAS. TEMOS QUE ACABAR COM ESSES ABSURDOS.

  • Donizete Sena Rodrigues | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    olha o Ministerio Publico tenhe que rever essa situaçao do Tribunal Faz de Conta, o nobre conselheiro Alencar Soares nao tenhe nehm 3 anos que esta la e ja vai se Aposentar isso e uma vergonha para nos Brasileiros. fica aqui a minha indignaçao com esse faz de conta, SOCORRO MINISTERIO PUBLICO, CHAMA A SERYES MARLI SENADORA.

  • João Dias de Queiroz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ministério Publico ? depois que o nosso Dr. Pedro Taques deixou MT e foi para SP, aqui não acontece mais nada, dentro desse orgão só ficou politico até parece assembleia Legislativa.

  • Hélio da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até quando o povo de Mato Grosso vai ficar aguentando politicos corruptos dentro nosso estado ? Até quando vomos viver como se fosse saco de pancada dessa elite politica que engorda seus cofres na custa dos trabalhadores de MT. Assembleia Legislativa e Tribunal de Contas parece mais uma sociedade secreta e não uma casa de leis onde pessoas são escolhidas e atraves de barganhas e compra de votos consegue se eleger encima de cidadões corretos e muitas vezes competentes . Fazem e criam leis beneficiando parentes e amigos. A postura desses atuais politicos cairá quando o povo sair na rua e brigar pelos seus diretos como aconteceu em decadas passadas. a Própia Democracia foi a luta do povo brasileiro que saiu na rua, os atuais politicos para mim so pegou a beirinha.

  • julio augusto de oliveira soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Noticias como estas maculam a bbiografia de qualquer homem público, e faz com que nós os comuns sejamos considerados uns idiotas a começar por mim que nunca imaginei entrar em um partido político e fui para o PR embalado pela postura do dep.Sérgio Ricardo e hoje me sinto traido por sentir que sempre esteve preocupado com seus próprios interesses atropelando os interesses coletivos.

  • ROBSON ANTUNES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER. SÉRGIO RICARDO É UM OPORTUNISTA DE CARTEIRINHA...DANDO CASINHA PARA UNS COITADOS E COM ISSO TENTANDO MOSTRAR SEU LADO HUMANO E FRATERNO... SÓ INGÊNUO QUE NÃO VÊ QUE O TAR DEPUTADO É UM DEMAGOGO, USANDO A MISÉRIA ALHEIA PRA SE PROMOVER. MAS O QUE ELE QUER MESMO É IR PARA O TCE E VAI CONSEGUIR. JUNTANDO SE A BOSAIPO, CAMPOS NETO E OUTROS NOTÓRIOS DO NOSSO ESTADO...DE REPÓRTER DA CIDADE À CONSELHEIRO DO TCE...USANDO SEMPRE A MÍDIA...UM TIJOLO ASSENTADO...3 CÂMERAS...PEIXINHOS NO RIO...5 CÂMERAS...E ASSIM VAI...

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu estou começando a imaginar:O M.Grosso Vai ser o unico dos 27 estado da federação a possuir duas assembleias legislativas

    Será que vai ser o Sarney de MT?


    SOCOOOOOOOOOOROOOO SERYS MARLY


    APESAR DA FUNCIONARIA NOS ESTADOS UNIDOS!! GANHANDO O MEU DINHEIRO

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...