Últimas

Quinta-Feira, 28 de Fevereiro de 2008, 15h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Servidores cobram do governo melhoria salarial


Servidores promovem protesto em frente à Sema, nesta 5ª

   Na luta por reajuste salarial, os servidores da secretaria estadual de Meio Ambiente partiram para o protesto e acabaram criando impasse. Eles cobram do governo aplicação de ao menos R$ 8 milhões dos R$ 15 milhões do orçamento da Sema em melhorias do quadro de pessoal. Já emissários do governador Blairo Maggi alegam que o Palácio Paiaguás aguarda há 30 dias uma proposta da categoria.

   Enquanto o impasse persiste, um grupo de servidores fez barulho em frente à Sema nesta quinta. Exigem readequação salarial. O presidente do Sindicato dos Servidores da Sema (Sintem), Osmar Prado, reclama que até agora a secretaria ainda não fez nenhum direcionamento de recursos exclusivos aos servidores. Conta que cobrou uma posição do secretário Luis Henrique Daldegan, mas nada foi resolvido. Por sua vez, a Sema argumenta que ficou acordado entre o governo e o sindicato em reunião no dia 29 de janeiro que os próprios servidores iriam elaborar um projeto das mudanças na pasta, inclusive a reestruturação salarial.

   Já o presidente do sindicato afirma que foi acertado somente a questão da reestruturação física e não de pessoal. Para o sindicalista, a CPI da Sema deveria ter feito uma espécie de metas e apontar as áreas onde deveriam haver os investimentos. "A TV AL está divulgando que a Assembléia conseguiu aumentar o volume de verbas para 2008, mas infelizmente não especificou onde esse dinheiro seria aplicado", diz, ao temer que os recursos sejam aplicados prioritariamente na estrutura física.

   Osmar explica que após a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), em 2000, houve uma redução no salário dos servidores. Exemplifica que, na época um analista ganhava o equivalente a 10 salários mínimos. Desse modo, segundo ele, o correto seria receber hoje R$ 3,8 mil ao, invés de R$ 1,7 mil, salário atual de um analista.

   Segundo o dirigente sindical, está agendada uma nova reunião nesta sexta (29) para discutir o assunto. "Ficaremos em estado de alerta, pois se o governo não atender a nossa solicitação, vamos fazer um novo protesto". (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • joao da costa neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Prezados do RDNEWS,

    Foi louvável o comentário da Sra. Vânia!

    Pois bem...a SEMA acabou desde janeiro de 2007 com a nomeção do Sr. Daldegan e sua trupe. Cabe ressaltar que o governador foi sempre avisado de tudo que ocorreu e ocorre na SEMA e se nunca fez nada é porque está de acordo com as ingerências que lá ocorrem. Tanto é que está de acordo que disse perante todos os servidores que o Daldegan era da sua confiança que não o tiraria da SEMA de maneira nenhuma... e o que restou ao servidores?!?!? GREVE!!!!

    Então Srs e Sras. da SEMA, cruzem os braços diante dessa situação e reinvidiquem seus direitos, pois o governador não deve estar passando bem quando disse que manteria o Secretário e ainda fez uma piada destratando, ofendendo e magoando os servidores dizendo que daria o aumento do salário dia 30 de FEVEREIRO. O Governador deve estar com miolo mole....

    Diante dessa situação quem tem cabeça para preparar plano de carreira e salário...ou então trabalhar!??

    A SEMA tem mais de 60% de servidores comissionados e terceirizados....está na hora de arrumara a casa!

    Servidores...tenham coragem...tirem o Osmar do Sintema e façam GREVE! Fechem a SEMA e ninguém entra!

    Aliás o Gov e o Sec. não querem rebater o problema do desmatamento com o INPE!?!?! É hora de também não passar a informação e deixar o Sec. e seu Adj. se estrepar....porqwue na hora que aperta eles recorrem aos bons servidores, arrumam diária, carros novos e mandam todos pro campo!

    Coragem SEMA....GREVE JÀ!

    FORA Daldegan, Fora Bathilde, Fora Moacir, Fora Salatiel e sua empresa, Fora Isabel e seus inúmeros empréstimos com matrículas diferentes...queremos PAZ!

  • Marcos Antônio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Governador devia aproveitar a mudança efetuada na Secretaria de Segurança Pública e convidar alguém da Polícia Federal para ser Secretário de Estado de Meio Ambiente.

  • Lorena santiago | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro colega João.

    Muito obrigado pelo seu apoio, porem não podemos fazer o jogo sujo do governador e dar a ele espada para lutar contra nós.
    Nunca foi fomentado em nossas reuniões que GREVE é o caminho para conseguirmos ser ouvidos e atendidos, sabemos que se isso ocorrer a sociedade e meio ambiente poderão ser prejudicados.
    Somos conscientes de que esse não seria o melhor caminho, apesar do Secretario estar merecendo uma boa lição.
    Ele deixa bem claro que "é Governo" não pode perder o cargo então sabemos que se não esta conosco está contra nós.
    Continuaremos a fazer protestos até que sejamos ouvidos.

    Senhores Deputados a credibilidade do trabalho de voces está sendo colocada em prova. Esta ficando claro que quem comanda a Assembleia é o Governador Blairo Maggi.
    Em "reunião " (se é que aquilo pode ser chamado assim) este cidadão cheio de soberba só soube fazer gracinha e piadinha com os servidores.

    DEMOCRACIA???? kd voce??????????

    SOS

  • Reinaldo Astano Cabreira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Promessas...promessas.... não é o momento...ainda não é o momento.......... e o tempo passa...passa...esta passando e o Sr. Secretário e Governador nem se interessa em conversar com os servidores da SEMA, com os quais me solidarizo.
    Tbem somos parte deste sistema e se a Secretaria esta "DOENTE" POR FALTA DE UMA BOA GESTÃO.....

    Secretário.... pede pra sair.

  • Maira Guimaraes Rosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESCLARECENDO mais uns pontos:

    1- Em 2007 estava previsto no orçamento da SEMA e isto podemos provar, que seriam nomeados mais 150 servidores atraves do concurso publico( Ressalva - Dr Marcos Machado deixou tudo prontinho era so fazer um oficio e enviar para a SAD e SEPLAN), mas o atual Secretario não quiz convocar efetivos para o quadro da SEMA e reformulou mais contratos com a Tecnomapas aumentando em 70% o numero de profissionais atuando na SEMA, exercendo as mesmas atividades inerentes aos técnicos de carreira.
    Pra que? Haaaaaaaaaaaaaaa ingenuo este Secretário.
    Pra enfraquecer a classe...lógico e evidente.Porque ELE É GOVERNO.

    2 - O concurso teve seu prazo encerrado em fev/2008 e muitos servidores de nivel medio, classificados no concurso, seriam nomeados. O Secretário (Que é Governo) preferiu dar as costas a esses profissionais que tinham uma chance de melhorar sua posição na SEMA e não nomeou nenhum concursado. Ha! ele firmou mais dois contratos com a tecnomapas.

    3 - Os servidores conquistaram , junto com os Deputados, mais 15 milhoes no orçamento da SEMA e um nucleo sistemico so para o meio ambiente. O que o Secretario ( QUE É GOVERNO) faz. Eu não posso comprometer esse orçamento com despesa com pessoal.
    Secretário( QUE É GOVERNO) "ouça" o Moacir.
    Ele sabe que é possivel "sim" reverter parte deste recurso orçamentario para despesa com pessoal, que somos capazes de trazer recursos para o Estado, através dos diversos projetos que temos na SEMA.Ele é um bom administrador e sabera conduzir o processo.

    Secretário (QUE É GOVERNO) se não esta a nosso favor sabemos que esta contra nós.

    Pare de olhar para seu proprio umbigo e pense que o mal que fizer agora reverterá pra vc mais tarde.

    Vamos a luta pessoal. Covarde é aquele que não tenta e se acha um derrotado.

    Nos podemos e merecemos mais respeito.

  • Ricardo Sartori | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Secretário,

    Vc se lembra do discurso de final de ano? Que bagatela.

    Agora sabemos que aquelas lagrimas comoventes eram de jacaré.

    Jacaré.... por pouco tempo porque pela sua gestão e preocupação com o meio ambiente, logo logo nossas crianças não saberão o que é isso.

    Retornando.... Em seu discurso disse que errou muito mas na tentativa de acertar ( palavras copiadas de Marcos Machado) mas tudo bem, ja sabemos que V.Excia ainda esta aprendendo.

    Então aprenda, peça ajuda.... ainda há tempo de vc fazer algo certo.

  • ricardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    joao da costa neto deve ter uma reserva moral para falar de alguem, deve esta concorrendo para santo.

    deve ser uns desses func de carreira frustrado que se acha acima de tudo, e na verdade nao produz nada alem de fofoca de corredor.

    cresca e apareca, e enfia a cabeca dentro do vazo e de descarga.

  • Sentinela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os Dados do INPE

    O que o governador do estado e estes políticos aproveitadores entendem de meio ambiente, de dados de sensores remotos para contestarem os números do INPE, um “instituto de excelência” respeitado não só no Brasil, mas no mundo inteiro, um instituto composto por doutores nesta área, os pioneiros no Brasil nesta área. Eles é que formam os poucos doutores na área de geoprocessamento e sensoriamento remoto que existem no país, quem é ele para chamar alguém de mentiroso e irresponsável.
    Irresponsável é quem contesta um dado cientifico sem base para tal, quais são os dados científicos que o estado de Mato Grosso produziu desde 2005 ? (muito embora a dinâmica de desmate realizada neste período seja dúbia, pois o estado contratou uma empresa que forneceu um serviço de péssima qualidade, que deixa margem a muitos erros, empresa esta que já recebeu da SEMA desde 1999, pasmem, quase Cr$ 44.500.000,00, segundo o próprio relatório da CPI pág. 394 a 398), o estado não possui sequer uma base cartográfica confiável, as ultimas imagens de satélite compradas pela SEMA são de 2005.

    Falta investimento e interesse do governo, alem do mais falta gestão na SEMA, os técnicos de carreira que entendem desta área foram todos colocados a disposição e estão espalhados pela secretaria exercendo outras funções, quando uma equipe extremamente qualificada estava se formando, muitos deles tinham especialização, mestrado e doutorado, esta foi esfacelada por não atender aos anseios políticos e financeiros da atual gestão. Os dois doutores, estão um na UFMT e outro no corredor da SEMA, em seus lugares foram colocadas pessoas que não entendem nada, são comissionados e terceirizados.

    Onde esta a comissão da CPI que não toma providencias???
    ACPI esta sendo ignorado pelo governo, pois basta ler o relatório que lá esta escrito com todas as letras que o maior problema da SEMA é a ingerência do órgão.

    Relatório da CPI,(http://www.al.mt.gov.br/CPI/relatorios/relatorio_final.pdf pag, 323, 324)
    “......o que se vê é um preenchimento excessivo de cargos comissionados pelas administrações públicas em detrimento do concurso público tratando o serviço público como transitório e não permanente.” Pág. 328

    “...Por todo o relatório é aparente o fato de que a SEMA possui um quadro de pessoal invejável a qualquer órgão do Estado e, no entanto, não consegue atender aos seus usuários de forma satisfatória. Tal fato só pode ter assento em um modelo de gestão transverso, que se perde em seus caminhos, que privilegia uma estrutura burocratizada, centralizadora, que promove amarras na administração da Secretaria.” pág. 419

    “.....Com uma equipe tão valorosa, tão bem formada, parece evidente que existam problemas na forma como a Secretaria vem sendo administrada. Parece muito claro que existe a necessidade de se promover reparos no fluxo dos processos e disciplinar os procedimentos dentro da SEMA para que os servidores possam efetivamente contribuir com o órgão.
    Não se contesta a possível necessidade de incrementar os quadros da SEMA, no entanto é falaciosa a argumentação de que esse é o principal entrave da Secretaria, haja vista a possível melhoria com o acerto em procedimentos internos. Aumentar o número de servidores sem criar condições de trabalho (seja de espaço, seja de equipamento, seja de procedimentos) não vai resolver os problemas de gestão do órgão.”


    “...O estado de Mato Grosso, repetidas vezes líder nacional de desmatamentos e queimadas, continua sendo o detentor do nada honrado título, mesmo com ferramentas poderosas de análise de modificações no meio ambiente, podendo fazer uma previsão de como vem caminhando o “arco do desmatamento” e tomar medidas acauteladoras. Bem faz lembrar que o órgão ambiental, em tempo ainda de FEMA, mais precisamente nos anos de 2000 – 2002, teve uma importante ação na redução do desmatamento em Mato Grosso. Houve, naquela época, uma percepção sistêmica da utilização dos instrumentos de monitoramento e de comando e controle. Assim, pôde criar estratégias de fiscalização e licenciamento. Recentemente, tivemos uma queda no desmatamento, segundo dados do IMAZON, com uma queda no desmatamento no período de agosto/2005 a julho/2006, se comparado ao período anual anterior. Por outro lado, houve aumento considerável sob a atual gestão, com o ano de 2007 superando em muito o anterior. Ou seja, é possível que se faça uma gestão eficiente e eficaz de contenção de desmatamento e queimadas, falta apenas que a SEMA sistematize as informações que têm e as aplique.” Pág 420

    Sobre a criação de mais 4 secretarias adjuntas “...Aliás, não chega exatamente a causar estranheza que tenha havido a modificação na Secretaria por meio de um Decreto, contrariando a constituição, uma vez que já se promoveu até mesmo a modificação de dispositivos de um Decreto revogado. A administração da SEMA tem levado o Governo a cometer erros desnecessários em virtude de descuidos primários.” Pág. 426


    “A postura pacífica do Governo do Estado, com uma gestão descompromissada com o meio ambiente, gera – dentre outras – duas grandes externalidades negativas: (1) a exaustão dos recursos naturais, muitas vezes irrecuperáveis; (2) como conseqüência da exaustão, temos o aumento da pobreza e a constante diminuição da qualidade de vida da população.” Pág. 429

    SERÁ QUE O GOVERNADOR NEM SE DEU AO TRABALHO DE LER O RELATÓRIO?

  • Naira Lutero Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUE IMPASSE? KD O IMPASSE GENTE????

    Tá na cabeça do Sr. Daldegan.
    Sabem porque? Porque ele "É GOVERNO" - como pode se aliar aos servidores da SEMA e pense somente nele e nas vantagens de seu cargo?

    Hei galera... acorda... o único que teve pulso para ficar do lado dos servidores foi Marcos Machado, sabem porque? por não "necessitar" das vantagens de cargo, por pensar em crescimento da SEMA e ter visão de gestor.

    Acorda pessoal. Este ai. o LUIS...tadinho... "Eu sou Governo" -Sem essas vantagens fico desempregado ou irei trabalhar em algum gabinete de deputado.

    Continuemos nossa luta.

    Vamos perturbar ate sermos ouvidos e atendidos.

  • Sentinela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PELO COMENTARIO ACIMA PODEMOS VER A "CLASSE" E COMPOSTURA DAS PESSOAS QUE APOIAM A ADMINISTRAÇÃO DO SR. DALDERGAN.

    QUEM NÃO TEM ARGUMENTOS SÓ PODE PARTIR PARA A BAIXARIA, CALUNIA E AUTORITARISMO.

    ESTA É A ADIMINISTRAÇÃO DA SEMA!!!!!!

    SR. GOVERNADOR SÃO PESSOAS DESTE NIVEL QUE O SENHOR CONFIA E QUER NO SEU GOVERNO????

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.