Últimas

Sexta-Feira, 13 de Abril de 2007, 13h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

VARIEDADES

Servidores da Saúde ameaçam greve geral

   O novo secretário de Saúde de Cuiabá, Guilherme Maluf, que já enfrenta a ira da classe médica contra a administração Wilson Santos, agora se vê acuado por outra categoria: a dos servidores dos níveis médio e superior. 

  Eles representam cerca de 80% do quadro do Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá e revelam descontentamento com o Plano de Cargos, Carreiras e Salários, já aprovado pela Câmara Municipal e sancionado pelo prefeito. Uma assembléia-geral está marcada para sábado. Estão dispostos a entrar em greve. O ato será às 9h no estacionamento do Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá.

   Enfermeiros, técnicos em enfermagem, fisioterapeutas e outras categorias se uniram por melhores condições de trabalho e por reposição salarial. Segundo a fisioterapeuta Maria Ângela Conceição, responsável pela Educação Continuada do HPSMC, o PCCS não contempla a categoria.

   Enquanto, por exemplo, os médicos, em início de carreira, passaram a ganhar R$ 4 mil, outras categorias ficaram em R$ 800. Os servidores de nível médio e superior querem que o vencimento chegue ao menos a R$ 1,3 mil.

   Eles reclamam da postura "dos governantes municipais pelo tratamento desigual dado à categoria dos profissionais médicos e não médicos". "Todos os profissionais da Saúde, principalmente os enfermeiros, ou seja, toda equipe multidisciplinar, estão unidos nessa luta", destaca Dejamir Souza Soares, presidente do Sindicato dos Enfermeiros.

   Ele acusa o prefeito Santos de descumprir acordo, segundo o qual o PCCS seria igual a todos os profissionais da Saúde. "Como houve descumprimento do acordo, estamos rompendo com o prefeito e vamos partir para o embate", completa o sindicalista.

    Diz ainda que a categoria foi desafiada pelo vereador Edivá Alves, líder do prefeito na Câmara Municipal, e pelo secretário de Governo, Dilemário Alencar. "Eles disseram que pagavam para ver se nós teríamos força para parar a Saúde", declarou Dejamir Soares.  Agora, resolveram radicalizar. Prometem decretar greve se as reivindicações não forem atendidas. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Scheila assume APDM e cita projetos

scheila pedroso 400   Esposa do prefeito sinopense Roberto Dorner, Scheila Pedroso (foto), primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social, passa a tocar, pelos próximos dois anos, a Associação para o Desenvolvimento Social dos Municípios de MT (APDM/MT). Ela promete juntar força com os...

Prefeito de Araputanga negocia praça

enilson rios prefeito 400 araputanga   O prefeito de Araputanga, Enilson Rios (foto), que ganhou as eleições do ano passado por uma diferença de apenas 56 votos sobre Joel Martins, com placar de 3.492 a 3.436, está no centro de uma polêmica. Ele aceitou uma proposta do Sicredi para utilização de um...

Barra recebe R$ 1,9 mi pra bancar UTIs

adison gon�alves 400   Em Barra do Garças, com 61 mil habitantes e 5.929 casos confirmados de Covid-19, inclusive com 207 mortes, incluindo 26 óbitos de indígenas em consequência da doença, o prefeito Adilson Gonçalves (foto) abriu crédito suplementar no orçamento de R$ 1,9...

De MT para USP; governo comemora

gabriel usp ribeiraozinho 400   O governador Mauro Mendes comemorou o fato do estudante Gabriel Rodrigues Ribeiro (foto), de 18 anos, morador de Ribeirãozinho, município mato-grossense com menos de três mil habitantes, ter conseguido ingresso no curso de medicina da USP, considerada a melhor universidade do país. Aos 18...

ICMS e R$ 150 mi a mais a municípios

rogerio gallo 400 curtinha   O secretário Rogério Gallo (foto), da Fazenda, assegura que o governo estadual já enviou para os municípios, no primeiro trimestre deste ano, R$ 150 milhões somente em ICMS arrecadado a mais do que estava previso na lei orçamentária. O valor é 8 vezes...

Fúrio, última ação no MPE e morte

celio furio 400   Célio Joubert Fúrio (foto), que morreu nesta sexta, aos 56 anos, vítima da Covid-19, foi um incansável combatente de atos de improbidade administrativa em MT e na defesa do patrimônio público. Integrava aos quadros do Ministério Público Estadual havia 29 anos. Ele atuou...