Últimas

Sábado, 05 de Maio de 2007, 06h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

VARIEDADES

Servidores do CCZ defendem casal de diretores

   O casal Gerson e Moema Blatt, diretor de Vigilância e coordenadora do Centro de Zoonose, respectivamente, recebeu apoio e solidariedade de um grupo de 35 servidores da Funasa e agentes de Combate à Dengue. Esses funcionários assinaram uma carta, contestando as denúncias de maus tratos, perseguição e assédio moral que supostamente o casal estaria cometendo - clique aqui e leia a denúncia. Classificam o caso de perseguição, manobra e jogada política para provocar a "queda" de Gerson e Moema, que estão nos cargos há uma década.

     A acusação contra o casal partiu de três representantes sindicais com base, segundo eles, na narrativa dos servidores. A carta-denúncia foi entregue ao vereador Dilemário Alencar que, por sua vez, da tribuna da Câmara, na quinta-feira, classificou os fatos de muito graves e pediu que o prefeito cuiabano Wilson Santos e o secretário municipal de Saúde, Guilherme Maluf, tomassem providências.

   Solidários a Gerson e Moema, os funcionários do Centro de Controle de Zoonoses afirmam, na carta, que estão indignados  a respeito das acusações, para quem foram distorcidas. "Repudiamos as acusações de maus tratos advindos da coordenadora Moema Blatt e do diretor Gerson Blatt, servidores públicos que, com firmeza, honestidade, imparcialidade e justiça vêm construindo com a equipe de funcionários, seguindo o protocolo da secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá e do Ministério da Saúde, uma melhor qualidade de vida para todos os que vivem na capital mato-grossense".

  Eles contestam pontualmente as denúncias. Sobre corte do ponto, os aliados do casal argumentam que "isso ocorre em função da ausência do funcionário da área de trabalho de acordo com o horário comercial, sem justificativa prévia ou sem apresentação de atestado médico".

    Garantem que os servidores recebem vale-transporte ou diárias para que, em caso de necessidade, se deslocar para as diferentes regiões de Cuiabá. "São infundadas as acusações quanto ao servidor ser privado de atender as suas necessidades fisiológicas".

    Depoimento

    A carta de apoio a Gerson e Moema traz também depoimento de Carlos Gonçalves, funcionário há 30 anos da Funasa. Ele afirma que quando chegou no C.C.Z. "havia apenas o canil e o escritório". Em seguida, faz um comparativo: "Hoje, contamos com ampla sala do Recursos Humanos, biblioteca, laboratório, auditório para 100 pessoas, refeitório e uma grande frota de automóveis". Por fim, conclui: "Falar do doutor Gerson é muito fácil. Trabalho ao seu lado há vários anos e reconheço o seu caráter e competência".

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

DEM-Cuiabá projeta até 4 vereadores

beto 400 curtinha   O presinte da Provisória do DEM da Capital e secretário estadual de Governo, Alberto Machado, o Beto 2 a 1 (foto), está animado com as chapas do partido construídas para o embate eleitoral. Já conta com 38 pré-candidatos a vereador e avalia que todos são competitivos. Uma das...

Chapa de Pivetta faltando um nome

adilton sachetti curtinha 400   O empresário Otaviano Pivetta continua avaliando um nome para composição de sua chapa ao Senado na suplementar de 26 de abril para a vaga da cassada Selma Arruda. A primeira-suplência deve ficar mesmo com o ex-prefeito rondonopolitano e ex-deputado federal Adilton Sachetti (foto), do PRB....

Senado, disputa interna e PT rachado

verinha_curtinha   O PT, que recebe hoje as inscrições de pré-candidatos ao Senado, deve ter apenas um nome na disputa interna, o do deputado e presidente estadual da sigla Valdir Barranco. A ex-vereadora Enelinda, com dificuldade, corre contra o tempo para se viabilizar. Enquanto isso, membros de outras correntes menos...

Falta na votação da emenda impositiva

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (foto), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara e pré-candidato a senador na suplementar de 26 de abril, explica que não procede a informação de que teria votado favorável à PEC 34/19, que assegura o orçamento impositivo de...

Feliz da vida na base e com emendas

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto) já chegou com moral no Governo Mauro Mendes. Depois de um ano fazendo oposição ao Palácio Paiaguás, o deputado tucano se tornou governista de carteirinha. E começa a colher os dividendos. Uma de suas emendas de R$ 300 mil para ajudar na...

Voto a favor e agora contra Congresso

O pitbull do governo Bolsonaro, deputado federal José Medeiros (foto), está pegando carona num protesto, marcado para 15 de março, onde não deveria porque os seus atos não correspondem ao discurso, ao menos segundo sustentam seus adversários políticos. Contam que Medeiros foi um dos parlamentares que aprovaram o orçamento impositivo de R$ 30 bilhões, vetado pelo presidente. Eis que agora, ele próprio, defende a...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.