Últimas

Sexta-Feira, 28 de Novembro de 2008, 20h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

SENADO

Serys cobra Maggi e anuncia que vai à reeleição



Senadora Serys Marly (PT) diz que buscará reeleição em 2010

  A senadora Serys Marly (PT) avaliou nesta sexta (28) à noite, em visita ao RDNews, que um dos motivos para a derrota do empresário Mauro Mendes (PR) à Prefeitura de Cuiabá foi o marketing de campanha. Segundo a petista, os assessores de Mendes não souberam explorar especialmente as presenças de personalidades nacionais que estiveram em Cuiabá para apoiá-lo. Uma das figuras que, na avaliação Serys poderia contribuir com sua mensagem, inclusive em nome do presidente Lula foi a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff.

   "A ministra Dilma esteve aqui e eles em nenhum momento mostraram isso (no horário eleitoral). Parecia que Wilson Santos era mais candidato do presidente Lula do que Mauro Mendes", comenta a senadora. No primeiro turno, a campanha do republicano foi conduzida pelo marqueteiro Júlio Valmórbida. Já no segundo turno entrou em cena o marqueteiro Chico Santa Rita.

    Serys observou ainda que sua participação no palanque de Mendes, que tinha a ex-deputada Vera Araújo como vice na chapa, só não foi maior porque precisava visitar dezenas de outros municípios. Lembra que esteve presente em 106 dos 141. "Dos 106 municípios em que subi nos palanques tanto de candidatos petistas, quanto de candidatos coligados com o PT, 74 foram vencedores", comemora a primeira senadora eleita por Mato Grosso. Serys ressalta que tomou a decisão de não atacar nenhum adversário. "Todos elogiaram minha postura, inclusive os adversários".

   Gestão Maggi


Em visita ao RDNews, a senadora Serys Marly cobra do governo Blairo Maggi menor ICMS sobre energia

    Perguntada sobre o governo Blairo Maggi (PR), do qual o PT faz parte oficialmente, Serys Marly é enfática ao afirmar que o republicano tem errado em alguns setores e acertado em outros. "Ele (Maggi) tem dado passos significativos na questão ambiental. E ele tem a obrigação de fazer isso. Já em outros setores tem deixado a desejar, como, por exemplo, os impostos altíssimos cobrados na energia elétrica. Somando tudo, com os cálculos por dentro, o consumidor paga cerca de 47%. Isso não existe em lugar nenhum do Brasil", critica. Ela lembra que, ainda enquanto deputada estadual, apresentou um projeto pela redução da alíquota de ICMS sobre energia e telefonia e diz ter esperança que o governador Maggi, já na metade do segundo mandato, venha a cumprir essa promessa feita na campanha de 2002.

   A senadora descarta a possibilidade de disputar o governo estadual em 2010. Ela já concorreu ao posto em 2006 e foi derrotado pelo próprio Maggi. Garante que tentará a reeleição. "Tentarei a reeleição com certeza". Para a parlmentar, diversos nomes poderiam representar o PT num eventual projeto de candidatura própria ao Palácio Paiaguás. Pondera que o PT tem, entre as opções, o nome do deputado federal Carlos Abicalil. Admite também que, numa composição com o PR, a legenda petista pode até apoiar o nome de Luiz Antonio Pagot, ex-secretário de Estado de Infra-Estrutura, Casa Civil e Educação e diretor-geral do Dnit. "Existem muitos nomes. De Carlos Abicalil a Luiz Antonio Pagot", destaca a senadora. (Flávia Borges)


Serys aponta falhas do marketing da campanha de Mendes
Fotos: Patrícia Sanches

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é tbém votei no pt para a senadora serys, e no lula, mas essa aliança com o PR mta gente não engole, e ela teve de engolir anos atras o PR antigo PPS do governador por causa da aliança a nivel federal, agora tinham que melhor nossas lei senadora, a lei penal esta mto branda para quem quer praticar crimes, e se até ano que vem não sair nenhuma lei penal mais forte para criminosos não votarei no pt

  • adalto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    que me desculpe a senadora mais acho que os parlamentares em brasilia votam projeto do interesses só dos parlamentares, esquecem do povo, alias o senado e a camara dos deputados, como li um imail de uma reportagem anterior , é uma bagunça e falta de respeito, enquanto um fala na tribuna, tem centenas em pé conversando não sei o que...o exemplo tem que vir do prisidente da republica e de nossos parlamentares..

  • Zé Bolo Flor | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Senadora o poder em Brasília é bom mais acho que 2010 não vai dar mais para a senhora, o Batomuche foi para o Estado de Goiás levar o povo da ultima eleição e já esta de retorno para 2010 pegar o povo da butina e do PT de MT, seu lugar já esta reservado, para seu conforto a senhora contará como a companhia de grandes ilustres companheiros de partido e de muitos amigos novos do Palácio Paiaguás.

  • sotero | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Seris não faça essa besteira de ir a reeleição, guarde seu dinheiro que ganhou no senado para os dias grandes. Vc, não tem mais chance, mato grosso precisa de jovens talentos, desculpe mas o tempo de voces já se esgotaram, deixe para quem quer trabalhar e gosta de trabalhar. Se voces não sabem, matogrsso parou no tempo com tantas emendas que voces fizeram, e até agora nãp tem como sair delas, escandalos e mais escandalos, estamos com nojo só de houvir falar em reeleição de senador e federal. Olhe bem como é que o povo esta pensando, voces vão morrer abraçado com vera araújo e mauro das botinas.

  • anna de assis | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Depois que o PT se uniu com a turma da botina, adeus Sery,Abicalil,Verinha e outros.PT nunca mais tera o meu voto.

  • zé do povo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Meu povo! já votei nos candidatos do PT, inclusive para a Senadora Serys, mais infelismente estou decepionado, pois não imaginava que o partido fisesse alianças com esta TURMA DA BOTINHA, que só pensam em suas máquinas colheitadeiras, Senadora deixa de pedir migalhas tenha dignidade e coragem que foi sempre a bandeira do PT, a senhora não esta vendo que já saiu do pareo não tem espaço na TURMA, abra os olhos, pois apenas será utilizada e descartada. Como membro maior do PT em Mato Grossoo, a senhora deveria lançar um candidato próprio para governo, pois tem o apoio do Presidente Lula, o que vejo é o suficiente. Deixa a o Blairo cuidar do seu afilhado PAGOT, que vai tomar uma surra em 2010.

  • Joana da Silva Soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A Senadora ta só pensando no umbigo dela, quer a reeleição, mas esta errada, o PT não pode apoiar este governo que ai esta, onde a Saúde esta um caos, a segurança esta um caos, o meio ambiente esta sendo destruido pelos produtores de soja e pecuaristas, CADE O PT VERDADEIRO, esse da Senadora é PELEGO!

    Queremos quebra do ICMS da energia!
    Queremos quebra do maior IPVA do Brasil!
    Queremos melhores salarios para os Servidores Público, em especial, POLICIAIS MILITARES, PROFESSORES, AGENTES PRISIONAIS, INVESTIGADORES, MÉDICOS, ENFERMEIROS! Salario digno!

    Queremos um governo mais municipalista!
    Queremos um governo mais voltado para o interior!

    Queremos uma UNEMAT mais forte!

    Queremos os Hospitais Regionais reestruturado para melhor atender a demanda do Estado!

    Queremos mais casas populares! Pois arrecadação do FETHAB existe e vai muito bem sim senhor!

    Queremos mais viatura da policia militar nas ruas, inibindo assim a criminalidade!

    Queremos uma Policia de Fronteira com tática especial em combate ao crime de trafico de drogas e de armar e veiculos roubados!

    Queremos melhores estradas estaduais em condições de trafego!

    Queremos menas corrupção no governo estadual, SEMA, DETRAN, OFICINA DA POLICIA MILITAR, SEJUSP!

    Queremos respeitos por Mato Grosso!

  • Paulo Roberto de Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se depender do meu voto, a senadora Serys já dançou.....

  • Zabelê Da Agrovila | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vão morrer abraçados nas próximas eleições: Serys, Carlos Abicaliu, Blairo Maggi, Giriquinho da Massey Fergusson(Pagot), Eliene Lima, Verinha, Silval Barbosa, Lula, Dilma, Mauro Mendes, Sachetti, Fabris, etc, etc,...

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    serys e Riva no mesmo palanque, em politica tudo é possivel, menos ser 100% honesto.

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...