Últimas

Segunda-Feira, 14 de Maio de 2007, 01h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Serys e Maggi ignoram o passado e se juntam

   A senadora Serys Marly, presidente regional do PT, se vê literalmente numa saia-justa. Ele nem conseguiu superar ainda o desgaste político por causa da acusação dos Vedoin, de que estaria envolvida na máfia dos sanguessugas (foi absolvida depois pelo Conselho de Ética do Senado), e agora enfrenta outra situação um tanto constrangedora: defender o governo Blairo Maggi, de quem foi opositora ferrenha.

   O PT agora é Maggi de carteirinha. Com o secretário Ságuas Moraes e com a adjunta Vera Araújo, o partido conduz a Educação, maior pasta em termo de estrutura funcional e orçamentária do governo do Estado. Serys foi uma das integrantes da executiva estadual que votaram favorável à aliança PT-governo Maggi. Ela procura argumentos para minimizar o desgaste. Um deles é que Maggi apoiou a reeleição do presidente Lula no segundo turno e, antes, já havia declinado preferência ao nome de Alexandre Cesar, também no segundo turno em 2004 na disputa à Prefeitura de Cuiabá.

   Apesar disso, a senadora não demonstra entusiasmo pela gestão do "rei da soja". Tem lá suas razões. No ano passado, enfrentou Maggi nas urnas e disparou contra ele vários ataques. Serys obteve uma votação decepcionante. Ficou em terceiro lugar, com 159.686 votos (11,3% dos válidos), atrás do tucano Antero de Barros (279.873 - 19,8%), enquanto Maggi se reelegeu no primeiro turno com 922.765 votos (65,3%).

    Recordação

   Em agosto de 2003, Maggi, que estava com oito meses de mandato, disse que o PT deveria "estar mais preocupado em arrumar as BRs" e que a senadora deveria "desmontar o palanque e só montá-lo em 2006". Em resposta, Serys retrucou: "Que se preocupe em governar (...). Aqui (em Brasília), ele (Maggi) é muito chegado a Lula. Chega aí (em Mato Grosso), a equipe dele é quem mais malha o governo Lula no interior. Aqui é bom menino, aí é outra coisa".

   Já em maio do ano passado, no programa regional de TV do seu partido, Serys dizia, ao defender um novo modelo de adminstração e criticar o governo Maggi: "Queremos um modelo que tenha participação efetiva da população no poder e não um projeto excludente". No mês seguinte, antes de ser oficializada em convenção do PT como candidata a governadora, Serys não admitia aliança com Maggi. "Acredito que não há nenhuma chance para isso ocorrer em relação a alianças. O PT tem um projeto colocado e que já foi aprovado pela militância".

   Depois, ao ter o nome aclamado como candidata, disse, numa referência ao governador: "Estou pronta para enfrentar Maggi e apresentar um projeto alternativo para Mato Grosso. Um projeto que não seja monosetorial como do atual governo".

    Agora, Serys e Maggi passam uma borracha nos discursos do passado e se juntam politicamente. O "namoro" só deve durar enquanto os próximos pleitos não se aproximam.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • RODRIGO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    (...) a nobre senadora é daquelas que: tudo posso naquele que me... (...)

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A Senadora Serys deve pensar e agir tendo em mente nosso Mato Grosso, logo, essa “união” com Blairo Maggi está correta, muito embora, o pessoal do Governador tenha agido nas sobras rasteiramente para atingi-la, ou seja, ela está demonstrando grandeza com isso tudo.

  • José Carlos Pereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Política X Ètica

    A União de Serys com a turma da botina, caracteriza a tese do filósofo Maquiavel, que "a política não anda junto com a ética", visto, que na política tudo é mutativo, conforme o tempo e lugar.

    Por isso, que na política nunca pode dizer que dessa "água nunca beberei", pois, o que vc fala hoje, pode ser usado contra vc amanhã. Sendo assim, é sempre importante que o político tenha um discursso equilibrado e coerente, pautado na ética e distante da demagogia.

    Sendo assim, é esperar para ver como o PT vai se comportar como "Vidraça" em Mato Grosso, uma vez que sempre "jogou a pedra", ou seja, sempre criticou, e agora vai experimentar o gosto amargo de receber a crítica.

    Entretanto, esperamos que diante de tudo isso, Mato Grosso possa sair ganhando, até mesmo pq, o petista indicado para ocupar a pasta da Educação é uma pessoa que já mostrou competência com a coisa pública.

    Dessa forma, esperamos que o Deputado Ságuas repita o feito, e seja o grande elo de Mato Grosso com o governo Federal, para que tenhamos uma Educação com mais qualidade e eficiência.





  • irene | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é uma vergonha, não seria se não fosse o PT, mas é nessas horas que vemos a outra cara, do interesse particular e não é isso que nós gostariamos que acontecesse era que o PT fosse aquele que sempre disse ser, e fazer a oposição que governo particular está fazendo com o nosse estado e com o nosso povo!!!!.

Rossato quer "minar" reeleição de Ari

dilceu rossato 400 curtinha   Em Sorriso, a capital nacional do agronegócio, a tendência é da disputa à sucessão no próximo ano ficar polarizada entre o prefeito Ari Lafin, do PSDB, e seu antecessor, Dilceu Rossato (foto), hoje filiado ao PSL. Embora se movimente nos bastidores, o deputado Xuxu Dal Molin...

Misael nem espera janela e sai do PSB

misael partido 400 curtinha   Misael Galvão (foto), presidente da Câmara de Cuiabá, nem esperou chegar a janela partidária de março para oficializar a saída do PSB, onde esteve filiado por três anos. Para não colocar o mandato em risco, o parlamentar consultou a Justiça Eleitoral e obteve...

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

Vice do DEM-Cuiabá elogia gestão EP

joao celestino 400 curtinha   O advogado João Celestino (foto), vice-presidente da comissão provisória do DEM de Cuiabá e ligado ao senador Jayme Campos, se mostra simpático à gestão Emanuel Pinheiro, do MDB. Aliás, na segunda, Celestino fez uma visita ao prefeito e elogiou a...

Prefeito Beto faz mistério sobre apoio

beto farias 400 curtinha   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (foto), que está no segundo mandato e com a popularidade em alta, não revela quem apoiará para a disputa à sucessão, nem para aqueles aliados mais próximos. Quando perguntado, o emedebista costuma dizer que não está...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.