Últimas

Sábado, 24 de Outubro de 2009, 06h:21 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

ARTICULAÇÃO

Silval admite recuar se Jayme tiver melhor nas pesquisas

   Patrícia Sanches
  Enviada Especial

  O vice-governador Silval Barbosa (PMDB) admitiu que pode renunciar ao sonho político de ser candidato a governador para vir a apoiar o nome do senador democrata, Jayme Campos, que já comandou o Estado de 91 a 94. “Não vejo o menor problema nisso. Se o senador Jayme estiver melhor que eu nas pesquisas, eu posso abrir espaço para ele”, diz o peemedebista nesta sexta (23) à noite, durante a inauguração de 150 km de asfalto em Juína (a 735 km a Noroeste de Cuiabá). Para o pré-candidato majoritário do PMDB, "todas as alianças são possíveis". Entende que existem entraves, como a questão nacional que pode dificultar a permanência do DEM no arco de alianças que foi criado em torno do governo Blairo Maggi mas, mesmo assim, acha possível atrair o partido dos irmãos Jayme e Júlio para o seu palanque.


Silval Barbosa (PMDB) e a esposa Roseli posam para fotografia ao lado da dupla Zezé di Camargo e Luciano
Foto: Ednilson Aguiar

    “É lógico que a vinda do DEM é dificultada por questões nacionais, mas o senador Jayme Campos é um grande líder e seria importante tê-lo no arco de alianças”, ponderou Silval. Em âmbito nacional, DEM e PSDB se tornaram velhos aliados. Em Mato Grosso, ambos foram adversários ferrenhos e tentam aproximação, juntando os Campos e o prefeito cuiabano Wilson Santos no mesmo palanque.

    O peemedebista avalia também que para a consolidação de uma candidatura é necessário manter todos no arco de aliança. Apesar de dizer que abre espaço para Jayme, se este pontuar melhor nas intenções de voto, na prática esse não é o objetivo de Silval, principalmente pela oportunidade que terá de assumir o comando do Estado já em fevereiro, com a renúncia de Maggi. Na cadeira de governador, a tendência é que consiga crescer nas intenções de voto.

     Blairo Maggi ponderou quanto à expectativa de se ter o DEM no palanque em 2010. Afirmou que na conversa com Jayme no decorrer da viagem, o senador observou que é pré-candidato ao governo e que, por isso, não pode se juntar à aliança, mas que está aberto ao diálogo. “Trata-se de uma candidatura legítima. Ele é um grande líder e o importante é que não fechou as portas para nós”, avaliou Maggi, após ter uma conversa a “pé de ouvido” com o senador licenciado, que pegou carona no carro do governador no trajeto entre Campo Novo dos Parecis e Juína.

    Racha

    Silval nega a existência de um racha interno dentro do PMDB provocado pela resistência do prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio em apoiá-lo. “Nunca trabalhei com a possibilidade dele (Zé) me apoiar. Desde 2006, ele tem uma certa resistência comigo”, destacou o vice-governador. Ainda na ótica do peemedebista, o diretório municipal de Rondonópolis está unido em prol de sua candidatura. “Isso é o que importa. Tenho o apoio do diretório”. Perguntado sobre as últimas declarações do cacique do PMDB, Carlos Bezerra, de que deseja encerrar a carreira como governador, Silval foi enfático. “Isso não existe. Ele nunca falou disso no partido. Todos trabalham pela minha candidatura”.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • bruxo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Silval isto já é apelação, gastando o nosso dinheiro.
    Enquanto não temos segurança, saúde, educação e etc.
    Uma festa com o dinheiro do contribuinte, no estado onde os impostos são os mais caros do mundo.
    Isto, é bater palma com as mãos dos outros.

  • maria da conceição figueiredo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é o silval parece que já percebeu que não decolou de jeito nenhum e já está totalmente desolado com as pesquisas que sairam em rondonópolis, e que dão larga vantagem para wilson santos, assim como em Cuiabá, Várzea Grande, Cáceres...e já está procurando uma desculpa para cair fora do barco, pois a própria turma da botina já estão sabotando sua candidatura e articulando apoio a mauro mendes ou mesmo a jaime campos, para tentar dividir a oposição. Outra coisa solidificada na politica nacional e estadual é que presidente da republica e governador não transfere votos, mas, pode tirar.

  • Marquinho Junqueira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mto bem governador Silval,o senhor ja mostrou que sabe administrar e parabens dona Roseli pelos seu aniversario mais uma primavera cheia de gloria e saude pra este casal maravilhoso que sera O PROXIMO GOVERNADOR,abraço romilson e continue assim mostrando as transparencia que esta gestão esta fezendo.

  • Silvana amorim | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens a esta primeira dama que seja sempre assim uma mulher guerreira e competente mesmo que ja mostrou sua como presidenta do salãp da mulher la Assembleia Legislativa ok,e seu maria serao nosso governador pra dar continuidade.

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    RIVA? RSRSR! RIVA É UMA FRIA, ELE JÁ FOI CONDENADO. ANO QUEM VEM NÃO PODERA SER CANDIDATO A NADA! MESSIAS CABRITO JÁ PAGOU A PENSÃO DOREITINHO? OLHA O CASÃO AI! SUA CAPIRAVA É BEM GRANDINHA!

  • maria da penha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SE JAIME SUBIR NO PALANQUE DO SILVAL EU NÃO VOTO EM NENHUM DOS DOIS.JAIME ATIRA PARA TODOS OS LADOS E SEU IRMAÕ QUER VOLTAR PARA POLITICA E É VAIADO.O QUE JAIME FALA NÃO SE PODE ACREDITAR....ALIÁS ,O QUE ELE FALA NA FRENTE É SEMPRE MENTIRA.

  • Jenefer | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Agora voces estão falando a lingua do POVO, ora, se foi ajudado em 02 vezes, ajuda agora com 01.

    Nesse sentido arrastarão milhares de votos, por que acreditamos que o trabalho bom, terá continuidade, e os ruins serão corrigidos em cada setor.

  • LUIZ CARLOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PELO AMOR DE DEUS, RETROCESSO NÃO, ASSIM VOU SER OBRIGADO A VOTAR NO WILSON SANTOS. GOVERNADOR É MELHOR LANÇAR O MAURO MENDES, ASSIM SALVARIA O SEU GOVERNO.

    OS CAMPOS NÃOOOOOOOOOOO SOCORROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO.

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    COMO É OTIMO ESTAR NO BONDE DA ALEGRIA, QUANTO A EDUCAÇÃO, SEGURANÇA E SAÚDE, BEM O POVÃO QUE SE DANE. NÓS PODEMOS ESPERAR, NÃO É MESMO???

  • benedito kleber dos Santos Figueiredo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    BRILHANTE colocacão,
    Humildade e Guarana Ralado faz bem pra todos.

    Agora quanto a esse JUdae, sei não

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...