Últimas

Quarta-Feira, 01 de Julho de 2009, 15h:13 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

PALÁCIO PAIAGUÁS

Silval promete asfaltar trecho da 130 e diz ter autonomia


Vice-governador Silval Barbosa faz discurso, define obra e autoriza secretário Vilceu a tomar providências

    A poucos meses de assumir a cadeira de governador, o vice Silval Barbosa (PMDB) tem obtido junto a Blairo Maggi cada vez mais respaldo para tomar decisões administrativas. No último sábado, por exemplo, ele prestigiou o ato em Paranatinga (a 370 km de Cuiabá), organizado por políticos, produtores e empresários em defesa da pavimentação de um trecho da MT-130 e, em discurso, prometeu executar a obra. Silval garantiu que o governo vai pavimentar os quase 300 km que restam para integrar a rodovia do Sul ao Norte do Estado, pelo chamado corredor central.

   Perguntado se o Estado vai mesmo cumprir a promessa, já que ainda exerce cargo de vice e assumiu compromisso com os segmentos, Silval Barbosa argumentou que tem tomado decisões, inclusive, sem consultar o governador Maggi e que este aprova a sua iniciativa. Alega que faz apenas um comunicado que, em geral, é bem visto pelo chefe do Poder Executivo. "O governador Blairo Maggi tem me dado muita autonomia". Sobre sua pré-candidatura ao Palácio Paiaguás, o peemedebista afirma que trata-se de um projeto político independente ou não da saída antecipada do republicano do comando do Estado. "Minha pré-candidatura não depende da saída de Blairo. Isso é um projeto do partido, o PMDB, e não do Silval".

   ----------------------------
"Minha pré-candidatura não
depende da saída de Blairo.
Isso é um projeto do partido,
o PMDB, e não do Silval" 
-------------------------------

   Apesar disso, Silval Barbosa reconhece que a eventual renúncia de Maggi fortalece o seu nome à sucessão estadual porque, nesse caso, estaria na condição de governador. "Dá visibilidade, mas também dá muito trabalho impeditivo. No cargo de governador, algumas ações eu não poderei realizar". Em verdade, Maggi tem aberto cada vez mais as portas do governo para seu vice. Decidiu, por exemplo, sair de licença por 14 dias, a partir do próximo sábado (4). Silval assume a cadeira de governador pela terceira vez.

   Em Paranatinga, Silval adiantou que o governo vai pavimentar nos próximos meses um trecho de 100 km da MT-130, do entroncamento de Paranatinga com a MT-242, que segue em direção a Nova Ubiratã (a 532 km de Cuiabá). O vice-governador conta que nesta segunda (29), três dias após o discurso, autorizou o secretário de Infraestrutura Vilceu Marchetti a iniciar a elaboração do projeto para, depois, fazer a licitação. Disse ainda que até o distrito de Sete Placas a obra já foi licitada, compreendendo 47 km. Salienta que ainda é possível calcular o custo total do projeto, mas que será executado à medida que haja dinheiro em caixa.

    "Vai beneficiar uma região altamente produtiva. Será uma rota alternativa que ligará a região Sul com o Nortão do Estado, em direção a Sorriso", enfatiza Silval. Ele considera ainda uma opção ao tráfego pesado de caminhões, que hoje têm como opção somente a BR-163. "Vamos tirar o transporte pesado dessa rodovia, além de economizar mais de 200 km até Rondonópolis".

    Ao ser questionado sobre a liberdade nas decisões, Silval afirma que se esforça para contribuir. "Alguns vão interpretar como promoção. Mas é a relação que eu tenho dentro do governo. Eu estou por dentro dos acontecimentos e estou aqui para ajudar e ele (Maggi) tem acatado as decisões que tomo". O peemedebista começou a ter mais visibilidade na sua atuação política desde o final do ano passado quando assumiu as discussões dos núcleos sistêmicos, que administra os investimentos e orienta a aplicação dos recursos das secretarias. Coube a Silval, por exemplo, manter o contigenciamento orçamentário, devido ao impacto da crise econômica mundial. "Seguramos com mão de ferro os recursos até o final de maio deste ano".

  Durante as duas semanas em que comandará o Estado, Silval já tem agendado uma reunião em Brasília, no próximo dia 8, com o ministro da Reforma Agrária, Guilherme Cassel, e com o presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Rolf Hackbart. Vai tentar por um fim no impasse envolvendo posseiros da fazenda Bordolândia, próximo a Bom Jesus do Araguaia (a 1.030 km de Cuiabá). Eles foram despejados, após vários anos na área e, durante protesto numa rodovia, entraram em conflito com camioneiros e dois foram mortos - saiba mais aqui. Já no dia 14, Silval volta a Brasília, desta vez para uma reunião com o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, para tratar de assuntos pertinentes à pasta. (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • hugo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se faz de bobo ou é mesmo inocente(a é)? Governador.......... agora quando

  • pedro paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pode prometer, mas não vai fazer, senão
    vejamos:
    1º não será candidato.
    2º não e´consenso dentro do PMDB
    3º não cumpre com combinado.
    4° nâo terá o apoio do Zé Carlos.

    esse é boi de piranha do MAGGI!

  • hermes do sao mateus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    nem que tiver só vc de candidato....o meu voto sera nulo......o que vc fez todo esse tempo por mt??????????

  • Ramiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É um coitado, se achando governador.
    Não vai em lugar nenhum se for candidato.
    Não ganha nem para dep. estadual.
    Logo logo sairá de vontade de disputar a majoritária, é mesmo um coitado.

  • Orlando Sobieray | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pode ser somente uma assinatura, mas também pode ser a execução da obra. Porque??? se fosse outros: Campos, PSDB, ai sim com certeza e so discurso e demagogia, agora se tratando Blairo/Silval a conversa e outra, estes fizeram, fazem e farão, então para os pessimistas e que não conseguem ver nada de positivo para o estado, por favor, tomem um calmante de bom senso, por que este Blairo, pode ter os seus defeitos mas o homem, fala e cumpre.

  • ANTONIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PARABENS PARANATINGA; ESTE CORREDOR DE PRODUÇÃO BEM VISTO PELO OLHO CLÍNICO DO GOVERNADOR BLAIRO MAGGI, E FOMOS LEMBRADO DEPOIS DE TANTOS ANOS EU ACREDITO NESTE GOVERNO.

  • Roberto Mello | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu acho que o tempo vai nos dizer que Silval Barbosa é o melhor nome para ser Governador do nosso estado, pois tem Coragem de trabalhar, tem o respeito daqueles que realmente gosta de Mato Grosso, não fica com Picuinhas, que é o que mais esses candidatos paraquedista tem. Agora aqueles que preferem aquela maxima de quanto pior melhor vote no Wilson Santos, mais antes de uma olhada como esta a administração da triste cuiabá. Silval é um politico que respeita o povo, e não fica falando as coisas só para agradar não. se não pode fazer na hora, ele procura soluções, ele não tem preguiça.....Silval Barbosa , nesse eu confio......

Rejeição a Abílio sobe e cai a de EP

abilio junior 400 curtinha   Nos últimos 15 dias, o candidato a prefeito da Capital, Abílio Júnior (foto), do Podemos, viu a rejeição aumentar 12 pontos percentuais, quase um por dia, saindo de 19% para 31%, de acordo com a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta pela TV Centro América....

Fávaro deixa governador em saia-justa

carlos favaro 400 curtinha   O senador interino do PSD, Carlos Fávaro (foto), que busca a reeleição, deixou o governador Mauro Mendes (DEM) em uma saia-justa em Barra do Garças. Mendes, que já declarou apoio no horário eleitoral ao candidato à sucessão municipal Wellington Marcos, do mesmo...

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...