Últimas

Terça-Feira, 09 de Junho de 2009, 14h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

ACUSAÇÃO

Sindimed denuncia precariedades na saúde pública em MT

   O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Antônio Joaquim aceitou, durante sessão plenária desta terça (9), uma denúncia protocolada pelo Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed), que aponta irregularidades em diversos municípios na área de saúde pública. Sob o comando do médico Luiz Carlos Alvarenga, a entidade relatou ao órgão fiscalizador falta de leitos, saneamento básico, infraestrutura e equipamentos hospitalar, além de desvalorização da classe médica. Não há incentivos à categoria, que trabalha em condições precárias. A baixa remuneração salarial também é outro item questionado.

   “É uma grave denúncia feita por uma autoridade médica, que aponta uma calamidade pública instalada em todo o Estado”, salienta Antônio Joaquim, que na seqüência deve encaminhar o processo aos cuidados do conselheiro Valter Albano, relator das contas anuais da secretaria de Estado de Saúde (SES), no exercício de 2008, sob o comando de Augustinho Moro. (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Será que o Tribunal de Contas do Estado, está em condições de resolver um problema que já de calamidade publica na cidade de cuiabá por exemplo, seria melhor o SINDIMED, entrar com uma ação no MP, para exigir das autoridades municipais, principalmente a de Cuiabá e VG, porque aqui é referencia no estado da calamidade publica que virou a saúde publica, enquanto a camara de vereadores e o TCE, gasta milhões com os seus, os miseraveis estão morrendo nas macas da PSM. Cade o secretario de Sáude da PMC, que nada faz, e o povo padece, queria ver se seus filhos caisse nessa miseria pra ver.
    SINDIMED, vai direto a Justiça, MPE, ou quem sabe ao MPF.

  • pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    enquanto o luiz soares estiver na secretaria a saude de cuiaba vai pro burraco,cade o prefeito que nao tira este estupido da sms

  • ivone castro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os que reclamam de Luis Soraes, devem ser aqueles que não cumprem plantão e/ou perderam a boa vida que levavam na gestão anterior; o home tá fazendo reforma de PSF e policlinica mais barato que na gestão anterior; isto é um fato raro, mostra que o dinheiro publico esta sendo bem empregado. A discussão estã na questão do estado e não do município, afinal Moro não é secretário da PM Cuiabá!

  • yu | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    em barão de melgaço tem um cidadão pelo nome João darque que vem na colonia dos pescadores e dar uma de médico cobra 30,00 a consulta e vende remédio cadestrino isso é certo? as autoridades devem envistigar pois isso é muito perigoso para a população de barão.

  • Ed Costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quando um médico está Gestor ( exemplo - Secretario de Saúde) sempre a RAZÃO sobrepões a EMOÇÃO. Marcos Machado foi um gestor cheio de EMOÇÃO, fez interiorização e municipalização a Toque de Caixa sem fzer um estudo MACRO dessa medida. Mandou UTI pro interior sem ifraestrutura....Fez hospitais no interior sem infaestrutura para ser resolutivo, incentivou PSF de forma apaixonado sem retaguarda profissional e sem lógica do programa. Fez pressao aos hospitais privados paracede leitos ao SUS...ciando assim um FABRICA de processos JUDICIAIS que até hoje é um tormento para o MORO. Esses processos forçam os hospital privados conveniados RESOLVER ALGO que é obrigaçao do Estado.
    Sec. MORO encntrou orçamento Estorado....os CONSORCIOS DO INTERIOR ..FALIDOS...ausencia de Médicos Especialista no Interior....Mas fizeram hospitais , UTIS, interiorzçao do sus, MAS ESQUECERAM DE COMBINAR COM NÓS MÉDICOS..todo este esforço EMOCIONADO.
    SOMOS O UNICO ESTADO DO BRASIL QUE NÃOTEM UM HOSPITAL PEDIATRICO. Mas queremos a COPA PANTANAL. Ironia , mas nada contra a COPA, mas os turistas virão com as suas familias. Mulher, flhos , netinhos etc.
    RAZÃO primeiro lugar......EMOÇÃO na Gestão em seguno lugar.

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

PT, candidata vetada e novo ajuste

bob pt 400 curtinha   O PT em Cuiabá, comandado pelo assessor do deputado Lúdio, Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), terá de ajustar de novo a chapa proporcional, especialmente sobre candidaturas femininas em Cuiabá. Depois que foi intimado pela Justiça a completar a cota de mulheres, sob pena de indeferimento da...

MAIS LIDAS