Últimas

Quarta-Feira, 16 de Maio de 2007, 07h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Sob Bezerra, PMDB inicia pressão sobre Maggi

    Por meio da bancada na Assembléia, o presidente regional do PMDB, deputado Carlos Bezerra, mandou recado ao governador Blairo Maggi. Avisou que o partido está disposto a romper com o Palácio Paiaguás porque entende que está sendo humilhado. O fósforo já está aceso. O fogo só não atingiu o cordão que liga o PMDB ao governo por causa da ação de bombeiro do vice-governador Silval Barbosa, que vive uma situação incômoda.

   A cada pressão do PMDB por cargos, Maggi sinaliza para Silval no sentido deste assumir secretaria em nome do PMDB. A manobra aconteceu em relação à pasta da Educação e, depois, sobre a Infra-Estrutura.

   Dirigente da legenda peemedebista há uma década, Bezerra tem, de novo, em seu poder a carta máxima. Como na política a definição sai primeiro na cúpula, caberá ao ele determinar um dos três caminhos do partido em relação à gestão Maggi: manter a relação como está, assumir postura de independência sem assumir cargo no primeiro escalão ou romper de vez.

    Na prática, o PMDB nunca foi oposição. Os que defendem distanciamento do governo o fazem por interesse pessoal. O caso do deputado Zé do Pátio, o mais contundente em defesa da ruptura, é um exemplo. Ele prefere distância do governo simplesmente para sua segunda candidatura a prefeito de Rondonópolis se viabilizar. Maggi tem como um dos principais aliados o prefeito Adilton Sachetti (PR), que derrotou Pátio nas urnas de 2004.

    Se o PMDB tomar a mesma posição do PT, ou seja, de se incorporar de vez no governo com comando de secretaria, anulará automaticamente qualquer discurso oposicionista, principalmente de Pátio. Mesmo que não admita publicamente, o PMDB ocupa vários que vão do segundo ao quarto escalões.

   Entre os representantes do partido na máquina estadual estão o ouvidor-geral e ex-deputado federal Gilson de Barros e também Genilto Nogueira, em cargo de terceiro escalão na Casa Civil. Como tem apego a cargos e ao poder, dificilmente o PMDB romperá com a administração Maggi, por mais que os interesses eleitorais para a sucessão de 2008 entrem na pauta.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • jorge Claudio barros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bezerra, Bezerra, Bezerra!!!
    Que apetite voraz e insaciávl.
    Sem mais comentários

  • Antonio Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PMDB está mandando avisos ao governador á anos. Isto tá parecendo revolta de bebê querendo mamar nas tetas. Quem têm personalidade não manda avisos, toma decisões. Com isso, o desgastado nesta história é o próprio PMDB. Que partido indeciso, já tá enchendo o saco heim!!

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    po.....nao devem ficar colocando que o dep. ze do patio e oposicao ao governo por causa de uma prefeitura em roo mas sim pois ele as vezes nao e afavor de suas ideias.

  • MARIO AVELINO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PMDB tem em seus quadros muitos bons políticos de vanguarda a exemplo do próprio dep. José Carlos do pátio e do Lider genilton nogueira, tem também pessoas que jogaram a historia do partido no lixo dado as suas taradisses por dinheiro, inclusive sendo chamado no meio político matogrossense e brasileiro de “boca grande” por não dividir com ninguém o que pega, como e o caso deputado federal Carlos Bezerra, que tem Sujado Em muito o PMDB.
    Meus parabéns ao dep. Jose Carlos do Pátio, Genilton Nogueira, Silval Barbosa, Gilson de barros e poucos outros.

    Mario

  • Jose Moreira Figueira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tenho que parabenizar a Executiva do PMDB pelo o equilibrio em suas ações, mais falar que o partido na pessoa de seu presidente está presionando os membros para pressionar o governo por cargos e uma inverdade, que os pronuciamentos ou posições de alguns lideres são alucinações eleitorais/08, tambem é improcedente, quantos cargos de confiança tem o governo, quantos e quantos vevem e vive na vunerabilidade, o partido deles e o governo do momento, dai dizer que o PMDB esta comtemplado com Gilson de Barros e Genilton Nogueira, não que eles não merecem, mais e brincadeira de mau gosto, quantos não tem a milessima militancia do PMDB e esta ai, entedemos que o Vice-Governador precisa e necessita ser muito mais e mais prestigiado pelo governo, afinal onus e bonus, ou é não é, governo.

  • Ricardo da Matta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mato Grosso e especialmente Rondonoplis precisam conhecer melhor o deputado Zé Carlos do Pátio, o que mais encarna o perfil da malandragem que caracteriza o PMDB da múmia Bezerra. O deputado é mestre em fazer cortesia com o chapéu alheio, de assenhorar-se de obras e realizações que não lhe pertencem. Um exemplo: para uma obra de R$ 400 mil, o deputado destina uma emenda de R$ 80 mil. Como o dinheiro não é suficiente, nem sempre o prefeito pode realizar a obra. E aí, com aquele seu jeito desequilibrado, o deputado em questão faz cena, dizendo que conseguiu o dinheiro e prefeito "sentou" em cima. Se a obra é mesmo necessária e urgente, quando pode, o prefeito complementa o R$ 320 mil que faltam e faz a obra. Aí, o deputado malandro, todo faceiro alardeia que a realização é dele. E assim, o alopradinho do Zé do Pátio segue iludindo boa parte do eleitorado de Rondonópolis, especialmente entre os setores mais desinformados.

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

Bolsonarista esperançoso no Patriota

roberto franca curtinha   Roberto França (foto) decidiu fazer uma aposta arriscada com vistas às urnas de outubro. Aos 71 anos, metade deles ocupando cargos eletivos, como de vereador, deputado estadual e federal e prefeito de Cuiabá, ele trocou um partido nanico por outro, do PV para o Patriota. A esperança do...

Ex-vereador abandona rei dos porcos

fernando morais 400 curtinha   Mesmo impedido de ser candidato, já que está inelegível por oito anos, o ex-vereador pela Capital Abílio Júnior segue se articulando politicamente, deixou o PSC e se filiou ao Podemos. Acabou dando de ombros para o empresário Fernando Morais (foto), o "rei dos porcos",...

Temor e negociação com 3 partidos

wilson kero-kero 400 curtinha   Depois de ajudar na articulação para se filiar ao Podemos o colega vereador Dilemário Alencar, que estava "fritado" e sem espaço no Pros e procurou abrigo em outra legenda, Wilson Kero-Kero (foto) está agora com receio de migrar para o partido da senadora cassada Selma Arruda e do...

Agora no DEM e foco à saúde pública

gilberto figueiredo 400 curtinha   Gilberto Figueiredo (foto), vereador licenciado da Capital e secretário de Estado de Saúde, aproveitou a janela - data limite de filiação até sábado (4) para quem quiser ser candidato em outubro -, e ingressou no DEM. Agora, o partido do governador Mauro, até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.