Últimas

Quarta-Feira, 18 de Novembro de 2009, 21h:53 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CUIABÁ

Sob desgaste, Soares deixa Saúde; Santos comemora

   Acuado por causa das pressões de todos os lados, o secretário de Saúde Luiz Soares entregou nesta quarta (18) o cargo ao prefeito Wilson Santos (PSDB). Ele demonstrou descontentamento pelo fato do tucano ter contemplado várias reivindicações dos médicos e, por outro lado, rejeitado a sugestão de conceder aumento salarial aos cerca de 5 mil servidores da pasta.

 O pedido de exoneração do secretário-problema era tudo que o prefeito queria. Pré-candidato a governador, Wilson Santos diz "sim" de imediado à exoneração, dois dias após os médicos que atendem pelo SUS em Cuiabá decretarem fim da greve. A notícia foi revelada com exclusividade pelo programa Resumo do Dia, da TV Rondon (SBT) nesta quarta à noite.

----------------------------------
Prefeito tucano terá de escolher o
7º secretário de Saúde em menos
de 5 anos de administração
---------------------------------

  Considerado intransigente, autoritário e fechado ao diálogo, Luiz Soares acabou trazendo desgastes sem precedentes à administração Santos. Os conflitos se agravaram de tal modo que os médicos, sob liderança do Sindimed, ficaram em greve por praticamente três meses e uma das reivindicações ao prefeito foi a "queda" de Soares. Ele esperou a categoria retornar às atividades para pedir para sair.

    A intenção do prefeito agora é escolher um médico para substituir Soares. Está à procura daquele que será o sétimo secretário nestes quase cinco anos de administração. Wilson Santos começou seu governo, em janeiro de 2005, com o médico Aray Carlos da Fonseca no comando da Saúde. Depois o substituiu por Eugênia de Carvalho. Em seguida vieram os também médicos Elias Nogueira, Olete Ventura e o deputado estadual Guilherme Maluf. Soares respondia pela secretaria desde janeiro do ano passado.

   Ele avalia a possibilidade de se candidatar a deputado ou vir a coordenar em Mato Grosso a campanha à sucessão presidencial do governador de São Paulo José Serra. Soares já exerceu mandato de deputado estadual nos anos 1990. Foi também vice-prefeito da gestão Roberto França e suplente do senador Antero de Barros, vindo a exercer o mandato no Congresso Nacional por quatro meses. Estava no posto de secretário de Saúde pela segunda vez. A primeira foi no governo França. (Romilson Dourado e Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Geovane Renfro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Secretário Luís Soares está com toda a razão. O SUS não é executado apenas pelo profissional médico. É verdade que esta categoria tem o seu valor reconhecido perante a Sociedade. No entanto, sozinhos eles nada poderiam fazer. A implantação do PCCS é direito de todos TRABALHADORES DA SAÚDE independente do perfil profissional.
    Pense nisso prefeito Wilson Santos!!!!!!!!!!!!

  • Joao funcionario de carreira sms | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ate que enfim; vai com Deus e suas pulgas

  • Thomas da saude | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bem feito !!!!!

  • gustavo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    isso é normal para o prefeito ele faz assim com todos que ele não precisa mais...

  • Benedita da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O tempo é o senhor da razão;depois de vociferarem com a sua saida, vamos esperar para ver as reclamações de volta. Aqueles que darão aleluia, pela sua saida vão ter que engolir a lingua depois, pois não compreendem que SUS é mais complexo do que a inteligencia deles para compreender. Em tempo não sou puxa saco, não trabalho na prefeitura, não tenho procuração e não preciso do SUS, pois não vou tirar a vez de quem não tem outra forma de buscar saude, embora tenha direito. O tempo é o senhor da razão!
    Aproveitem para xingar enquanto pode.

  • Renne Taiffer | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sugestões para o prefeito: Ludio Cabral, Sergio Ricardo, Percival Muniz, Dr Alvarenga, Dr Arlan do CRM, Dr Pignati, Dr Farina, nenhum deles vai ser o gestor que tantos reclamaram neste espaço. Mauro Mendes porque não?

  • JOSÉ SIMÃO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ARRUMA AS MALAS E LEVA O PREFEITO WILSON SANTOS E VÁRIOS FUNCIONÁRIOS QUE SÓ APARECEM NA FOLHA DE PAGAMENTO,O PRÓXIMO SECRETÁRIO DE SAÚDE EM CUIABÁ SERÁ O JOSÉ ANTONIO ROSINHA, OU AVALONE ,PORQUE COM SAÚDE NÃO SE BRINCA,NÃO É MESMO SENHOR PREFEITO.

  • LUIZ CABEÇÃO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PRÓXIMO SECRETÁRIO DE SAÚDE DEVE SER A DUPLA NICO E LAU.

    PORQUE ESTA SAÚDE DE CUIABÁ É UMA PALHAÇADA.

    XUPA ESSA MANGA LUIZ SOARES O CABEÇÃO!!!

  • Lauro Cesar Ferreira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não tenho simpatia alguma pelo Luis Soares, mas apesar de todos os seus defeitos (comum a todos os seres humanos), reconheço que ele tem toda razão em defender a isonomia salarial para todos os funcionários da saúde; não apenas para os doutores médicos.
    Agora é a vez de todos os funcionários não médicos cruzarem os braços, porque esse PCCS implementado por Wilson Santos aos demais servidores públicos é uma vergonha.
    Mais uma grande razão para eu e toda a minha família não votar nesse sujeito para governador.
    Acabou cedendo aos médicos pq está em plena campanha eleitoral extemporânea.
    Aguarde WS, vc vai ver o que é ser volúvel com os eleitores.

  • Nelson Marquesn | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já vai tarde!

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...