Últimas

Sexta-Feira, 10 de Julho de 2009, 07h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

EXECUTIVO

Sob Murilo e Santos, VG e Cuiabá patinam em projetos macro

 Fernando Ordakowski Clique na imagem para ampliação
Os prefeitos Murilo Domingos e Wilson Santos conduzem Várzea Grande e Cuiabá, municípios que, com advento do PAC e da Copa, nunca receberam tantos investimentos como agora, principalmente da União

  Os prefeitos Wilson Santos (PSDB) e Murilo Domingos (PR), de Cuiabá e Várzea Grande, respectivamente, têm a chance nunca proporcionada a outros gestores de promoverem grandes mudanças em áreas prioritárias, como saneamento, trânsito, transporte e infraestrutura em geral. A vantagem é que estão diante de projetos tocados pela iniciativa privada e também com recursos da União e do Estado. Os municípios praticamente não entram com contrapartida.

   A Capital já começou a receber R$ 238 milhões de investimentos pelo Programa de Aceleração do Crescimento. No município vizinho serão mais R$ 167 milhões. Além disso, começam a ser desenvolvidos na prática 26 projetos macro que superam a R$ 6 bilhões. São recursos que fazem parte do compromisso de Mato Grosso junto à Fifa e à CBF para Cuiabá, já escolhida, se transformar efetivamente numa das 12 subsedes da Copa do Mundo de 2014.

   Mesmo diante de grandes investimentos públicos e privados, os prefeitos dos dois maiores municípios do Estado estão patinando. As obras do PAC não foram executadas nem 10%. O prazo vence em setembro do próximo ano. Na Capital, técnicos do prefeito tucano enfrentaram brigas com os da Controladoria-Geral da União, da Caixa Econômica e do Ministério da Cidade. Foram alguns meses de embaraços, não só em meio a discussões técnicas, mas também políticas. O Palácio Alencastro se viu obrigado a fazer vários ajustes para eliminar, por exemplo, situação de sobrepreço. Em Várzea Grande, o prefeito que se gabava de ser o primeiro do país a avançar nas obras do PAC, também se viu empacatado por denúncias de supostas irregularidades nos projetos.

   Cuiabá e Várzea Grande reúnem mais de 800 mil habitantes. São municípios vizinhos que sofrem com a falta de infraestrutura básica. Agora que têm a oportunidade de experimentar uma nova fase de desenvolvimento e melhoria na infraestrutura, no embalo das obras do PAC e dos projetos vinculados à Copa de 2014, enfrentam problemas de ordem técnica e política por incompetência de seus gestores. Espera-se que os agentes públicos não venham desperdiçar a chance de ajudar a Baixada Cuiabana a dar um verdadeiro salto de desenvolvimento socieconômico. Que a classe política e seus grupos se unam em torno desses projetos.

(10h06) - Missias nega atrasos e diz que 30% das obras em VG já foram executadas

   O diretor-presidente do Departamento de Água e Esgoto (Dae), Jeverson Missias, explica que as obras do PAC em Várzea Grande estão progredindo conforme o esperado dentro do cronograma estabelecido. Segundo Missias, de acordo com dados estatísticos da Casa Civil da Presidencia da Repúlica, em Várzea Grande as obras do PAC possuem um percentual de execução de 30%, quase duas vezes mais do que a média brasileira. Ele já anuncia para setembro do próximo ano a conclusão das obras em VG.

   Eis, abaixo, Nota enviada por Jeverson Missias
   "Diferentemente do estampado na reportagem, em Várzea Grande as obras do PAC continuam se desenvolvendo conforme o cronograma inicialmente estabelecido. O primeiro lote, que nós denominamos de Sistema 1, que compreende melhorias no abastecimento de água, no montante de R$ 25 milhões, vem desde setembro de 2008 de forma gradativa, atendendo a comunidade e está praticamente concluído.
   O Sistema 2, também de melhorias no sistema de abastecimento de água, que foi objeto de quetionamentos por parte do TCU no princípio do ano passado, por determinação do prefeito Murilo Domingos - mesmo antes da decisão do mérito do recurso por nós interposto - teve a licitação cancelada e consequentemente reaberta ainda em 2008.
Com um valor total de investimentos de R$ 30 milhões, conta hoje com mais de R$ 4 milhões em obras conclusas e aguardando sinal verde da Caixa Econômica para avançar nos projetos. Da mesma forma se apresenta o Sistema 3 - obras de esgotamento sanitário, no valor de R$ 17 milhões que se encontra em fase inicial de execução.
   Vale ressaltar também as obras de reassentamento e melhorias das condições de vida dos moradores dos bairros Icaraí e São João, que estão sofrendo uma verdadeira revolução nas suas ruas e avenidas por conta das obras de drenagem, água, esgoto, asfalto e implantação de equipamentos sociais, com investimentos acima de R$ 30 Milhões. Desta forma, convidamos a reportagem deste conceituado blog a percorrem conosco ainda as obras de drenagem e asfaltamento dos bairros Alto da Boa Vista, Maringa 1, Maringá 2,Maringá 3 e Vila União, onde estão sendo investidos mais R$ 15 Milhões de Reais.
   De acordo com dados estatísticos da Casa Civil da Presidencia da Repúlica, em Várzea Grande as obras do PAC possuem um percentual de execução de 30 por cento, quase duas vezes mais que a média Brasil. Sendo assim, se espera para setembro de 2010 a conclusão de todas essas obras".
Jeverson Missias de Oliveira

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Estatístico de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Augusto: As pesquisas devem estar sendo encomendadas pelo PTB. Afinal, quanto mais o Wilson Santos acredita que vai ganhar a eleição no ano que vem, mais se convence a renunciar. A cada pesquisa que sai ele mais se julga imbativel. Ai o Chico Galindo e a turba do PTB assume e quando o Prefeito perceber já tomou a piaba que merece e vai ficar desempregado...

  • J.luiz Gattas Monteiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Faz bem,V.Grande está sendo mal adminstrada,sem agua nos bairro, buraco por tudo quanto é rua, industria de corrupção nas obras do PAC e demais serviços,por que o povo quiz. Quem mandou reelegerrem esse incompetente do Murilo Domingos,para ser Prefeito por mais 4 anos. Nós tinhamos o melhor candidato para Governar o nosso Municipio,que era o seo Julio Campos, nem tanto o povo burro da VG preferiu vender o povo para o Murilo. Agora deu no que deu,e vamos ter de aguentar esses pessoal safado até 2012.Quem viver verá....Esta nossa cidade cada vez esta mais atrazada.Burrice e sem-vergonheira agente paga cêdo.

  • jose magalhães junior | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    CUIABÁ E VARZEA GRANDE PADECEM DO MESMO MAL. PREFEITOS INCOMPETENTES! CUIABÁ É, AINDA, ADMINISTRADA COMO SE ESTA FOSSE UMA CIDADE DA DÉCADA DE 50. COMO CONSTRUIR OBRAS SEM QUADRO TÉCNICO DA PREFEITURA P/ ACOMPANHAR E ATESTAR AS OBRAS? ESTAS SÃO ENTREGUES SEM NEMHUA QUALIDADE . OS POUCOS ENGENHEIROS E ARQUITETOS DA PREFEITURA SÃO DESVALORIZADOS E NEM CONHECEM AS OBRAS QUE A PREFEITURA REALIZA NA CIDADE.SO TOMAM CONHECIMENTO DELAS ATRAVÉS DA MIDIA. PODE ?? O SALÁRIO DOS TÉCNÍCOS E UMA VERGONHA . COMO ADMISTRAR ESSE CAUS ONDE POLÍTICOS DECIDEM, PLANEJAM E CONSTOI SEM A ENTERFERENCIA DE TÉCNICOS. GESTORES, ESTES QUE SÓ PENSAM E ESTÃO A FRENTE DA ADMINISTRAÇÃO POR VAIDADES PESSOAIS.

  • Frederico | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os gestores municipais em geral, e em particular os dessas duas cidades, precisam reconhecer que mais importante que equipes de assessoramento político, eles necessitam de assessoramento técnico(Engenheiros, Aquitetos, Médicos, Economistas, Geógrafos, Geólogos, etc.) competente para planejar e implantar os projetos e executar as obras de interesse da municipalidade.

  • Luaci | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • JESUS AUGUSTO ALMEIDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Antonio Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pare de mentir messias, com vc e dito loro nessa gestao, o que podemos esperar????

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É evidente que o Wilson Santos protelará as obras do PAC, Av das Torres por uma simples razão: ele não tem capacidade de gerir uma cidade.

    É vergonhoso os gastos com propaganda na televisão querendo demonstrar que sua gestão está fazendo uma Cuiabá melhor.

    Somente que anda pelos bairros, somente que acompanha as promessas desse prefeito, sabe que ele é muito fraco.

    Usou a Eta Tijucal e Av das Torres para ganhar o primeiro e segundo mandato e lamentavelmente o povo não percebe que enquanto sofrem ele usa das obras para seus projetos individuais.

    Infelizmente não temos fiscalização e o povo não sabe votar.

  • NETTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O GOVERNADOR BLAIRO MAGGI PODERIA FORMAR UMA COMISSAO COM PESSOA QUE TENHAM PENSAMENTO DE BENEFICIAR OS MENOS FAVORECIDO PARA DERIGIR O PAC , E NAO ESSE POVO QUE DEVE ATE AS CALCAS NO MEIO POLITICO

  • Carlos Cesar Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fico sempre na dúvida se essas pesquisas que indicam Wilson Santos como favorito é coisa séria ou se esse eleitorado que o apoiam é que uma tropa de BURROS. De uma coisa eu tenho certeza Wilson Santos não serve nem prá síndico de prédio, aliás sindico não mente tanto. Senhor Wilson Santos, se você tem tanto amor por Cuiabá por que não cai fora e deixa o caminho livre para os homens de bem? Chega! Foi...

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

MAIS LIDAS