Últimas

Quarta-Feira, 02 de Dezembro de 2009, 08h:46 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

Unemat

Sob orientação de Henry, bancada do PP tenta abafar CPI

...reitor da Unemat, Taisir KarimPedro Henry, padrinho político de...  Nenhum dos quatro deputados do PP assinou o requerimento apresenado pelo deputado Percival Muniz (PPS), que conseguiu o mínimo de 8 assinaturas, número suficiente para instaurar a CPI da Unemat. José Riva, que preside a Assembleia, Maksuês Leite, Airton Rondina, o Português, e Antonio Azambuja são filiados ao mesmo partido de Taisir Karim, reitor da Universidade do Estado (Unemat). Sob pedido do deputado federal Pedro Henry, cacique político da região Oeste e padrinho de Taisir, a bancada progressista na Assembleia se uniu contra a CPI. Mesmo com o poder de articulação de Riva dentro do Legislativo, não foi possível barrar a criação da Comissão.

   Agora, a Assembleia fica à frente de duas CPIs. A primeira criada há menos de um mês é presidida pelo primeiro-secretário da Mesa Diretora Sérgio Ricardo. Investiga os repasses e aplicação de recursos do Estado pela Prefeitura de Cuiabá na área da saúde, que vive momento de caos, mesmo após retorno ao trabalho dos médicos do SUS, que ficaram em greve por 75 dias. O novo alvo é a Unemat, com sede em Cáceres. A Comissão pretende apurar uma série de denúncias sobre supostas irregularidades na gestão Taisir, que está no segundo mandato. A Unemat se tornou alvo de críticas e até de ataques por causa da desorganização do maior concurso público do país, com 271 mil candidatos inscritos para 10.086 vagas. As provas seriam aplicadas no último dia 22 mas, duras horas depois do início previsto, foram suspensas. Serão aplicadas, em duas etapas, no próximo ano. O concurso foi adiado devido a fraudes e falta de estrutura logística.

   Na Assembleia, a maioria dos deputados resistem ou fazem vistas grossas às denúncias sobre irregularidades na Unemat. Por pouco, Muniz não consegue chegar as oito assinaturas. Da bancada do PMDB, composta por Adalto de Freitas, o Daltinho, Wallace Guimarães (ex-DEM), Nilson Santos e Antônio Brito, somente o primeiro assinou o pedido. Dos dois petistas, apenas Alexandre Cesar, que já vinha trazendo à tona as problemáticas da instituição, contribuiu para se instaurar a Comissão. Ademir Brunetto caiu fora.

  Do DEM assinaram Dilceu Dal Bosco e José Domingos, enquanto Gilmar Fabris e Chica Nunes ignoraram o requerimento. Os demais que se manifestaram favoráveis à CPI foram Otaviano Pivetta (PDT), Vilma Moreira (PSB) e Guilherme Maluf (PSDB). Da bancada do PR do governador Blairo Maggi ninguém foi favorável. São eles: Sebastião Rezende, Sérgio Ricardo, Mauro Savi, João Malheiros, Jota Barreto e Wagner Ramos.

Quem assinou requerimento pela CPI...
Percival Muniz (PPS)
Alexandre Cesar (PT)
Vilma Moreira (PSB)
Dilceu Dal Bosco (DEM)
José Domingos (DEM)
Adalto de Freitas, o Daltinho (PMDB)
Guilherme Maluf (PSDB)
Otaviano Pivetta (PDT)
...e quem não está nem aí para investigar Unemat
Sebastião Rezende (PR)
Sérgio Ricardo (PR)
Jota Barreto (PR)
Mauro Savi (PR)
Wallace Guimarães (PMDB)
Nilson Santos (PMDB)
Antônio Brito (PMDB)
João Malheiros (PR)
Gilmar Fabris (DEM)
Chica Nunes (DEM)
Wagner Ramos (PR)
José Riva (PP)
Airton Português (PP)
Maksuês Leite (PP)
Antônio Azambuja (PP)
Ademir Brunetto (PT)

Postar um novo comentário

Comentários (36)

  • Régis Almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PARABÉNS AOS DEPUTADOS QUE VOTARAM PELA CPI.
    LAMENTO PELA UNEMAT. VAI SOBRAR PRA UM CERTO DEPUTADO FEDERAL. ADIVINHA QUEM É? DICA: MENSALÃO, SANGUESSUGA, CASSADO POR COMPRAR VOTOS...

  • josé luis de sousa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Em todas as maracutaias que tem no nosso Estado, ESSE ROEDOR esta por traz de tudo. Só falta a justiça cortar o fio embrionario da leminar que o segura no poder, se cortar , aí sim irá aparescer as podridões feitas ao longo desses anos. Se querem saber da verdade verdadeira, CORTE-O.

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A maioria dos deputados só votam se for tirar pro-
    veito de alguma coisa!!! Mas, também olham só o
    rol de inúteis: Marksuês Leite, o nebuloso, Gilmar
    Fabris, grande Chica Nunes, esses dois último já
    era prá ter sido cassados há muito tempo, Gui-
    lherme Maluf, enrolado com o falecido IPMAT que
    até hoje segue rolando pela justiça. E por aí vai

  • Jaime | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Deputados como Sebastião Resende, J. Barreto ( o homem do tapinha nas costas),Gilmar Fabris são sempre puxa saco do governo e não irão contra, outros não tem maiores pretensões políticas e preferem deixar quieto, e o Riva tem tantas podridões,falcatruas,calotes e corrupções que não quer bater de frente com o Maggi,é isto mesmo a UNEMAT é do governo estadual pra quem esquece !

  • Ricardo Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aonde se viu reitor ter casa loterica, lojas comerciais que vendem vidro, e mais agora esta no ramo da agropecuaria, com bois de corte, quer dizer ta na fazenda de um Engenheiro mais é dele.E tem mais, filho que participa de campeonato de moto cross. Só burro pra não ver...Taissir era poble aqui na cidade, cada a receita federal pra averiguar isso...A cidade inteira sabe o MP que não?

  • Luiz Kenji U. Alencar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é para o povo ver como que na política o rabo-preso funciona... por isso, aderem à campanha do Não REELEJA ninguém na próxima campanha política!!

  • Valdomiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se um dia se corrompeu, sempre será corrompidor.
    E olha ai quem está do lado dele?
    Todos os que tem problemas na justiça e que semopre estão envolvidos com corrupções.
    Povo de MT anotem esses nomes para não votar no ano que vem.
    Pessoas honestas apoiam pessoas honestas.

  • PAULO PORRETE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    COMO DIZ O PANTANEIRO. NESSE PAU TEM MÉ, VAI A FUNDO QUE ACHA O FAVO, VEJA QUEM ESTA POR TRAZ DE TUDO ISSO. QUE VERGONHA PARA NOSSO POVO.

  • Marcela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A resposta que temos de dar para esses políticos é não votando em nenhum deles. Temos o poder em nossas mãos. VOTAREI NULO

Briga eleitoral de parentes em General

renato vilela 400 general carneiro   A briga política, jurídica e eleitoral na pequena General Carneiro, de 14 mil habitantes, está acirrada e envolve, em palanques diferentes, grupos com vínculos familiares. São dois na disputa pela prefeitura. A ex-prefeita Magali Vilela desistiu de tentar de novo o teste das...

Ataques a EP e o revide dos amigos

fabinho 400 curtinha   O empresário Fábio Martins Defanti, o Fabinho Promoções (foto), que em 2016 disputou para vereador e perdeu, está sendo bombardeado de críticas em grupos de WhatsApp, inclusive pelos próprios amigos, por causa de comentários, gravados em dois vídeos, com um...

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

MAIS LIDAS