Últimas

Terça-Feira, 21 de Julho de 2009, 14h:51 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

JUDICIÁRIO

Sob pressão, Celestino volta atrás e admite disputa à OAB

   O advogado João Celestino Corrêa da Costa, que já concorreu, sem êxito, a presidência da OAB-MT, voltou atrás e disse nesta terça (21) que está disposto a encabeçar de novo uma chapa da oposição à sucessão na Ordem. Ele é pressionado pelos colegas a entrar no páreo por ser um nome considerado de consenso. “Não esperava ter que encarar este desafio, mas estou propenso a aceitar o convide do grupo e disputar a presidência”, disse ao RDNews. Celestino reforçou que não tinha intenção de entrar na disputa em função dos compromissos no escritório de advocacia. “São 90 dias de campanha. Não é fácil parar tudo de uma hora para outra. Mas eu não costumo fugir dos desafios e este é mais um. Temos vários nomes, mas se o grupo entender que eu deva ser o candidato, estou propenso a aceitar”. 

   Celestino se reuniu nesta segunda (20) com advogados do Movimento OAB Democrática, de oposição à gestão do presidente Francisco Faiad. O encontro ocorreu no escritório do ex-presidente Renato Gomes Nery. Celestino foi cobrado pelos colegas a liderar candidatura, após a desistência de Paulo Taques – saiba mais aqui. Segundo Renato Nery, se Celestino desistir de vez, o grupo vai avaliar outras possibilidades, entre elas de lançar Milton Damasceno, Marcos Dantas e/ou Sebastião Carlos. Independente do nome, o movimento OAB Democrática vai lançar a candidatura em 11 de agosto, quando é comemorado o Dia do Advogado. 

   A eleição para a presidência da OAB/MT está marcada para 19 de novembro. O candidato apoiado por Faiad é Cláudio Stábile, vice-presidente da Escola Superior de Advocacia. No grupo dos dissidentes, formado por advogados que apoiaram a gestão Faiad mas decidiram lançar candidatura deverá encabeçar a chapa João Vicente Scaravelli, da Caixa de Assistência da OAB, que tem o apoio de José Patrocínio, que integra o Conselho Estadual da Ordem.

   Até o final desta semana, o grupo dissidente e também da oposição pode se unir em torno de apenas uma candidatura, caso não haja exigência de nomes para cabeça de chapa. O mandato de presidente é de três anos. A diretoria da OAB/MT é composta por cinco membros: presidente, vice, primeiro-secretário, secretário-adjunto e tesoureiro. Existe ainda o Conselho Estadual com 26 titulares e 13 suplentes. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quase ninguém comenta ssas falcatruas, não é mesmo ? Nem eu, que me julgo muito corajoso. Nunca um suicida. Amo a vida e espero que Deus ainda me mantenha por uns bons pares de anos. Por isso, dada a ferocidade dos envolvidos nesses crimes, além do poderio bélico, do treinamento fornecido pelo Estado (não para essas coisas, é certo, mas para a segurança da população, ou pretensa segurança) e da capacidade de ação, não vou comentar a respeito desses fatos. Tipo assim, censura do regime militar, percebeu ?

  • RODRIGO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CINCO PATETAS

  • rose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que vergonha... Após ser DERROTADO no TRE agora acha de ser candidato. O que é pior, ainda tem alguns gatos pingados o apoiando.

  • edesio do carmo adorno | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não faço parte do restrito circulo de amizade do colega Cláudio Stábile. Na verdade o conheçi pessoalmente faz bem pouco tempo. Fou durante uma sessão do TJ. Pessoa simpática, distinta, elegante. Uma inteligência premiada. Um grande ser humano. Ao dizer isto, não menosprezo os demais candidatos. Todos tem seus méritos, mas a continuar este o quadro, minha opção é pelo Stábile.

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...

Esposa de deputado na 2ª suplência

maria avalone 400   Não foi só o deputado estadual Wilson Santos que frustrou-se na tentativa de eleger membro da família à cadeira de vereador. O também parlamentar Carlos Avalone, presidente regional do PSDB, apostou todas as fichas na esposa Maria Avalone. Mas ela só chegou à...

Neurilan e apoio de Botelho à AMM

eduardo botelho 400 curtinha   Em busca de apoio de lideranças políticas para permanecer no comando da AMM por mais três anos, Neurilan Fraga foi pedir socorro para o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (foto). Quer que o parlamentar seja o presidente de honra de sua chapa. Neurilan tem se articulado como pode e,...

Candidato irritado chama EP de traste

abilio junior 400 curtinha   Abílio Júnior (foto), candidato do Podemos ao Palácio Alencastro, tem se mostrado mais irritado depois do debate promovido pela Fecomércio, na quarta à noite, quando, em vários momentos, se viu questionado e desqualificado pelo prefeito e candidato à...

Prefeito reeleito sob investigações

ze do patio 400 curtinha   A situação jurídica do prefeito populista e desgastado Zé do Pátio (foto), que acaba de ser reeleito para o terceiro mandato em Rondonópolis, sendo o segundo consecutivo, não é das melhores. Contra sua gestão tem pipocado denúncias sobre...