Últimas

Quarta-Feira, 26 de Agosto de 2009, 17h:51 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

VÁRZEA GRANDE

STJ mantém cassação de Madureira; Mateus ocupa vaga

   O STJ manteve nesta terça (25) a cassação do mandato do vereador por Várzea Grande, João Madureira dos Santos (PSC), no julgamento do mérito do recurso. O ministro Luiz Fux já havia negado provimento ao pedido de liminar apresentado pela defesa do parlamentar. Com a cassação, assume a cadeira na Câmara o primeiro suplente da coligação que elegeu Madureira, Mateus Magalhães (PSL), ex-presidente da União Várzea-Grandense de Associação de Bairros.

   Madureira foi cassado em primeira instância pelo juiz José Luiz Lindote, da 1ª Vara Especializada de Fazenda Pública de Várzea Grande. Ao condenar o vereador por improbidade administrativa, o magistrado também determinou a perda dos direitos políticos por três anos.

   O vereador do PSC foi denunciado pelo MPE por nomear no cargo de servidor comissionado Írio Márcio, que cumpria pena em regime fechado por latrocínio (roubo seguido de morte). Entre 1999 e 2001, o assessor recebeu salário de R$ 4,8 mil mensais, em média, pago pelos cofres do Legislativo. À época da nomeação, Írio já estava condenado. Diante disso, o vereador foi obrigado a devolver cerca de R$ 480 mil. Madureira é o segundo-secretário da Mesa Diretora da Câmara. Foi eleito, pela média, com 2.099 votos, uma diferença de 58 votos em relação a Mateus Magalhães. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • JOnas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ACABOU A MAMATA MADUREIRA VAI TRABALHAR COMO QUALQUER CIDADÃO. CHEGA DE MAMAR NAS TETAS PUBLICAS

  • Antonio (tonho) | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e os demais vereadores ???????

    num e so esse sujeito ai falta mais

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

Kalil, ausência e críticas de educadores

gilmar ferreira 400 curtinha   O candidato a prefeito de Várzea Grande Kalil Baracat (MDB) não foi a um evento realizado pelo Sintep para apresentar suas propostas aos técnicos e professores da educação básica. A ausência e sem apresentar justificativa deixou professores na bronca. O sindicalista...