Últimas

Terça-Feira, 21 de Julho de 2009, 13h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

INVESTIGAÇÃO

Subtenente repassou R$ 90 mil a Metello, aponta relatório

   Investigação do Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco) aponta que o subtenente da Polícia Militar da reserva, Adalberto da Cunha e Oliveira, repassou R$ 90 mil no início de 2003 ao ex-comandante da PM em Barra do Garças, Elierson Metello de Siqueira, referente ao pagamento pela expulsão de grileiros da Fazenda Britão Brasileiro, na região de São Félix do Araguaia e Alto Boa Vista. O relatório aponta que a área pertence ao prefeito de São Félix do Araguaia, Filemon Gomes Costa Limoneiro (PPS).

   A retirada das famílias foi comandada pelo capitão Antônio de Moura Netto. Segundo investigação do Gaeco, os militares estavam fardados e sem identificação. Os militares, sob o comando de Metello e do braço-direito Adalberto, pagariam grileiros para invadir as terras e depois cobravam dos proprietários para fazer a segurança das áreas. As ações são sempre relatadas com violência e torturas físicas e psicológicas. Um dos funcionários disse ao Gaeco que trabalhou na Fazenda Esmeralda, onde existiria um grupo armado, formado por policiais militares aposentados e outras pessoas. Eles tinham fuzis, carabinas, pistolas e revolveres. No relato, o funcionário diz que quatro policiais militares, subordinados a Adalberto, recolheram o artefato. Apesar disso, não consta na Comarca de Porto Alegre do Norte o mandado de busca e apreensão, documento que autorizaria Adalberto a recolher as armas.

   As investigações do Gaeco apontam que Adalberto cobrava R$ 18 mil para fazer rondas na Fazenda Esmeralda. Ele também teria recebido pagamentos de Adário Carneiro Filho, conhecido como “Comendador do Araguaia”, numa alusão a João Arcanjo Ribeiro, apontado como um dos financiadores do esquema. O relatório do Gaeco mostra que o subtenente Adalberto possui uma fazenda em Bom Jesus do Araguaia. “A ganância dos PMs (...) é maior e passaram a vender armas na região. Um fuzil já foi apreendido em uma residência".

   As atividades de Adalberto também abrangeriam o tráfico de drogas. Segundo o relato dos promotores, ele recebia propina de traficantes para facilitar o tráfico entre Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Adalberto estaria envolvido ainda no assassinato de pelo menos duas pessoas, considerado queima de arquivo pelos promotores. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Cascaiera | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    mais um pouquinho kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    A Reclamação do Diá faz todo o sentido agora...
    Eita Janine e Walter, e agora?

  • serra | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Geison | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por favor caros leitores, me expliquem uma coisa: Como é que a mídia Matogrossense e até a mídia nacional não jogaram este fatos ainda no ventilador? por que somente o RDNEWS está trazendo tudo isto a público?

  • Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Assim como feita uma matéria sobre os juristas da família Mendes, bem que poderia ser feita uma sobre os Militares da familía Metello, garanto que iriamos nos supreender com a quantidade e os resultados.

  • serra delta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhores leitores, sou policial militar e gostaria que os fatos não sejam generalizados, temos otimos policiais na corporação, um exemplo e o secretario da casa civil, mas por outro lado estamos tentando estripar as celulas ruins, nao tenho nem palavras para desiguinar ao coronel ELIERSON METELO, sempre procurou a sombra e o caminho mais curto, nao importando o que deveria fazer, mas a justiça vai ser feita, sorte do metelo que no brasil não tem prissão perpetua.

  • rui b | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ELIERSON METELLO so da vc na parada da radio da policia federal, que legal ser corrupto, um dia é o poderoso, tres estrela amarela, outro dia vai preso pela policia federal e aparece na midia, poe a moral da familia no buraco, a sua diginidadede ja foi embora, que vida,né. porque vc nao tentou jogar na mega sena, seria melhor.

  • Policial Reformado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gostaríamos apenas que a PF investigasse tambem o antesessor do Metello, por que a situação parece ser mais complicada ainda.

    E o que nos irrita, é que os 2 chegaram ao POSTO DE CORONEL por MERECIMENTO.

    E até agora não apareceu ainda os sub comandantes de metello, que estavam com ele os 4 anos que passaram em barra do garças.

    Governador, nós te admiramos pela forma como administra o Estado, mas, o Senhor erra muito nas promoções na PMMT.

    Quem trabalha no interior não é visto, quem não tem padrinho Político não é visto, quem não está indiciado por crime não é visto, os antigos não são vistos, (os novos é isso aí).

    Se enumerar os promovidos a coronel, presos depois, são muitos. Os promovidos processados, e, depois condenados, são muitos.

    SERÁ QUE NINGUEM NUNCA VIU ISSO, O COMANDANTE GERAL NUNCA VIU ISSO.

    Atualmente os com uma capivara imensa, quando não bate na trave, é promovido. Muitos estão rindo ou debochando, quando um CORONEL vai a frente da tropa, e diz que fiscaliza a corrupção, pelulato, desvio de combustível.

    Esse metello fez isso desde 1987, e só agora foi descoberto, e por uma instituição de fora PF.

    Outro fato a relatar, é que o Coronel Vandir Metello, é exemplo de PM, é justo, é carismático, os PMs gostam dele até hoje, tive a felicidade de trabalhar com ele na ativa, é 100% contrário ao Elierson Metello.

    Não critiquem a família internautas, na nossa mão nenhum dedo é igual ao outro.

  • Fernades Arcanjo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cuidado Juina...........................................

  • Maria Clara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tenho um irmão militar, e ele sempre falou que tem coronel que faz segurança em uma universidade, e sempre tirou de fora alguns PMs para fazer a segurança e dividir o pagamento. E PF investigue Cáceres na década de 90 por favor, comboio de carretas...............................

  • tulio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    gostaria de saber onde o sem moral do ELIERSON METELO vai trabalhar administrativamente, nao pode ter terras devolutas

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...