Últimas

Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2007, 19h:45 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

JUDICIÁRIO

TAM cancela vôo e é condenada de novo em MT

     A Justiça de Mato Grosso condenou mais uma vez a TAM Linhas Aéreas a indenizar um passageiro em R$ 15 mil. Em 14 de maio deste ano, Tiago Aued viria de São Paulo para Cuiabá. Ao chegar no aeroporto, ele se deparou com um grande tumulto de pessoas. Foi informado que os vôos tinham sido transferidos ou cancelados. Os passageiros ficaram a “ver navios”, pois não receberam nenhum tipo de informação imediata da empresa. Era mais um daqueles dias da chamada crise aérea.

     Tiago moveu ação para ser indenizado pelos prejuízos morais e materiais. Já perante a Justiça, a TAM alegou que os cancelamentos ocorreram por conta da mudança climática que atrapalhou vôos e decolagens. Também argumentou que se houvesse algum responsável pelo cancelamento do vôo, seria a União e não a empresa.

      O juiz Yale Sabo Mendes, titular do Juizado Especial Cível do Planalto, em Cuiabá, que condenou a empresa, disse em sua sentença que a passagem aérea é um contrato entre a empresa e o cliente. "Todo aquele que se disponha a exercer alguma atividade no campo de fornecimento de serviços tem o dever de responder pelos fatos resultantes, independentemente de culpa". 

    Essa não é a primeira condenação à TAM em Mato Grosso. O próprio magistrado Yale Mendes já havia condenado a empresa por deixar uma passageira esperando o vôo por seis horas. No dia 23 de dezembro, a jornalista Laura Campos, filha do conselheiro aposentado do TCE, Júlio Campos, saiu de São Paulo com destino a Cuiabá. Ela tinha seis dias para visitar a família, mas perdeu um dia devido ao atraso do avião. A TAM teve que pagar R$ 10 mil em indenização a Laura por conta do atraso. A condenação repercurtiu nacionalmente. (Simone Alves)
         Clique no play e veja a a reportagem.    

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • marcus penna | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens ,nao esperava outra atitude da laura que nao fosse essa .personalidade forte laura dentro dos seus direitos nao leva nenhum desaforo pra casa.muito bem educada por dona izabel e seu julio,sabe a a hora certa de falar e como falar.fiquei muito triste com o que fizeram com ela ,mais alegre com a attitude imediata que ela teve.PARABENS LAURINHA

De MT para USP; governo comemora

gabriel usp ribeiraozinho 400   O governador Mauro Mendes comemorou o fato do estudante Gabriel Rodrigues Ribeiro (foto), de 18 anos, morador de Ribeirãozinho, município mato-grossense com menos de três mil habitantes, ter conseguido ingresso no curso de medicina da USP, considerada a melhor universidade do país. Aos 18...

ICMS e R$ 150 mi a mais a municípios

rogerio gallo 400 curtinha   O secretário Rogério Gallo (foto), da Fazenda, assegura que o governo estadual já enviou para os municípios, no primeiro trimestre deste ano, R$ 150 milhões somente em ICMS arrecadado a mais do que estava previso na lei orçamentária. O valor é 8 vezes...

Fúrio, última ação no MPE e morte

celio furio 400   Célio Joubert Fúrio (foto), que morreu nesta sexta, aos 56 anos, vítima da Covid-19, foi um incansável combatente de atos de improbidade administrativa em MT e na defesa do patrimônio público. Integrava aos quadros do Ministério Público Estadual havia 29 anos. Ele atuou...

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...