Últimas

Terça-Feira, 01 de Janeiro de 2008, 01h:04 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

RETROSPECTIVA

TCE julga 502 contas e recebe Bosaipo e Teis

  O Tribunal de Contas do Estado emitiu parecer sobre 502 processos referentes à administração estadual, prefeituras, órgãos e câmaras municipais. Juntos somam um orçamento de R$ 10 bilhões. Dos 141 municípios mato-grossenses, o TCE reprovou 20 contas do exercício de 2006 das seguintes prefeituras: Acorizal, Alto da Boa Vista, Alto Paraguai, Barra do Bugres, Bom Jesus do Araguaia, Campo Novo dos Parecis, Colniza, Confresa, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Juruena, Juscimeira, Luciara, Marcelândia Nova Lacerda, Peixoto de Azevedo, Santa Terezinha, São Feliz do Araguaia, São Jose do Povo e Várzea Grande.

     Mais de mil irregularidades foram detectadas no decorrer do julgamento dos balancetes dos 360 órgãos jurisdicionados (secretarias estaduais, empresas estatais, autarquias, câmaras, fundos de previdência e outros). O presidente, conselheiro José Carlos Novelli, classificou sua gestão como "momento de planejamento estratégico". Houve gasto na estrutura física da instituição, já que está sendo construído um novo prédio. O custo da gigantesca obra está incluso no orçamento anual de R$ 107 milhões do TCE.

    Para Novelli, o 2007 foi de "puro entusiasmo". Enfatizou, entre as ações, as transformações na área de informática e a instituição do Prêmio Rui Barbosa. Foram premiados 15 municípios que não apresentaram nenhuma irregularidade nas contas do exercício de 2005.

Waldir Teis e Humberto Bosaipo assinam termo de posse no TCE  Em contrapartida, o TCE sofreu desgaste por causa da polêmica nomeação do ex-deputado Humberto Bosaipo como conselheiro. Ele responde a nove processos criminais e a mais 50 ações civis públicas. Depois de uma intensa articulação entre deputados e o governador Blairo Maggi, Bosaipo e o ex-secretário de Fazenda, Waldir Teis, passaram a fazer parte do Pleno do TCE, em substituição, respectivamente, a Ubiratan Spinelli e Júlio Campos. Terão agora salário vitalício de R$ 22,1 mil, fora uma série de privilégios e regalias.

  O conselheiro Antonio Joaquim foi eleito em outubro para presidir o TCE a partir de 31 de janeiro. Ele promete transformar o TCE "na melhor instituição de fiscalização do país". Novelli continua na Mesa, agora como vice-presidência, enquanto Valter Albano fica como corregedor. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

CAA-MT fará vacinação contra H1N1

ittalo leite 400 caixa de assistencia   A Caixa de Assistência dos Advogados de Mato Grosso (CAA/MT), presidida por Ittalo Leite (foto), já deu início à Campanha de Vacinação Contra a gripe H1N1. Serão disponibilizadas seis mil doses da vacina para imunização contra a Influenza A e B,...

Governo compra 103 motos para PM

O governo estadual vai entregar nos próximos dias 103 motocicletas à Polícia Militar. Isso deveria ter ocorrido nesta segunda, mas foi adiado e ainda sem data definida. As motos serão utilizadas pelas equipes de policiais da Companhia Raio de Moto-Patrulhamento, Força Tática e pelo policiamento ordinário na Região Metropolitana de Cuiabá e em vários outros municípios. No primeiro lote, o governador Mauro...

Ex-prefeito, contratos e multa do TCE

jeovan faria 400   O ex-prefeito de Campinápolis, Jeovan Faria (foto), vai ter de pagar uma multa equivalente a 10 UPFs/MT, o que corresponde hoje a R$ 1,8 mil, como punição por contratação de pessoal por tempo determinado sem atender à necessidade temporária de excepcional interesse público....

Decon investiga "fura-fila" da vacina

O delegado Rogério Ferreira, da Especializada do Consumidor (Decon), instaurou o que se chama de Auto de Investigação Preliminar para apurar possíveis irregularidades no cumprimento da ordem de vacinação contra a Covid-19 dentro dos critérios estabelecidos pela Prefeitura de Cuiabá. Na prática, busca investigar possíveis situações de “fura-fila” e outras circunstâncias ilegais. Rogério...

Um assessor parlamentar no TCE-MT

carlos brito 400   Carlos Brito (foto), que já ocupou diversos mandatos eletivos, será nomeado assessor parlamentar do TCE, cargo ligado diretamente à presidência. Ali, em sintonia com o gabinete do presidente Maluf, terá a missão de regulamentar o processo de solicitação da Assembleia...

Covid mata 20º pastor da Assembleia

aparecido domingues pastor cidao 400   Morreu neste sábado mais um pastor da Assembleia de Deus em consequência da Covid-19. Aparecido Francisco Domingues, o Cidão (foto), que era vice-presidente em Paranaíta, é o 20º pastor da Igreja em Mato Grosso a vir a óbito, após ser infectado pelo novo...