Últimas

Domingo, 21 de Junho de 2009, 10h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

REFORMA ADMINISTRATIVA

Terceirizada, Iomat dobra faturamento; efetivos reagem

   Em pouco mais de dois anos, a Imprensa Oficial de Mato Grosso (Iomat), que se tornou uma superintendência vinculada à secretaria de Estado de Administração, dobrou o seu orçamento mensal de R$ 600 mil para R$ 1,2 milhão. Isso se deve ao processo de reformulação pelo qual passa a ex-autarquia. "Enxugou" o quadro de servidores. Efetivos foram remanejados para outros setores e o Estado terceirizou os serviços para a empresa Doc Center, que instalou uma estrutura na sede da superintendência. As mudanças deixaram parte dos funcionários de carreira na bronca. Eles se queixam de que a empresa tem mais privilégios e alerta para o processo de privatização, o que seria proibido por lei.

   Em 2007, a Iomat tinha 67 servidores em seu quadro funcional, das quais 51 como efetivos, 8 comissionados, 4 estagiários e apenas 4 terceirizados. Com as modificações, o percentual de trabalhadores de carreira caiu de 76,1% para 53%. Hoje, totalizam 64, sendo 34 efetivos e 19 mantidos pela Doc Center. O governo justifica que os efetivos foram redistribuídos a outros setores em virtude da modernização do Diário Oficial, que se tornou digital. Assim, não vê necessidade de alguns encargos. Pessoas que trabalhavam na confeccção do Diário, por exemplo, perderam função.

   Ainda no processo de modernização, um contrato firmado com a Doc Center prevê a locação de uma máquina utilizada pela superintendência que custa anualmente aos cofres da Iomat R$ 444 mil. No pacote, o pagamento aos serviços prestados pelos 19 contratados já estão inclusos. A assessoria de comunicação da SAD argumenta que o convênio é necessário, assim como as contratações, por se tratar de pessoal capacitado para execução dos serviços. Exemplifica que o Estado no momento não tem como realizar um concurso público para a função de operador de equipamentos gráfico e que, ao invés de comprar um novo maquinário no valor de 700 mil euros, preferiu a locação que inclui também a mão-de-obra especializada. (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Fernando | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Infelizmente essa gestão atual é fruto de uma panelinha entre puxa sacos. A atual Superintendente é extremamente grosseira com os servidores, falo por experiência própria, Coitados dos servidores , alguns com 25 outros com 30 anos de carreira, sendo umilhados por esta Senhora SUPERINTENDENTE grosseira. Eita c eu pudesse mostrar ao Governador, de quem ela se diz intima, oq acontece la dentro, Oq ela fazia com eles, era assim quando eu estava lá,e até hoje ainda é!!! aos servidores um abraço!

  • joão pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    algumas considerações

    1- essa tal de doc center nunca foi uma gráfica impressa e sim expressa, dessas com impressoras a laser que tem tamanho limitado

    2- é só acessar o site da iomat que faz meses que algumas secretarias senão todas, não é publicado nada, mas vc olha no no diário impresso encontra lá todas as secretrias publicando algo.

    3- não sei qual a ligação, mas tem um certo deputado que quer ser governador, que usa e abusa desta tal de doc center, que antes não tinha sequer gráfica, a não ser aquela no interior da ufmt

    4- houve licitação para que essa empresa fosse tercerizada?

  • Leandro Amaral | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Tenho acompanhado a História da IOMAT a anos, essa instituição secular de valor inestimavel e de grandes serviços prestados a sociedade. Todos sabem dos mandos e desmados ocorridos em diversos governos passados.Estão de parabéns todos os gestores e o Governador Blairo que ao seu estilo moralizou a Instituição, acabando com os rolosali existentes e eliminado o cabide de empregos de politicos que ali existia. Parabnes !! em relação a tercerização dos serviços secundários, é a forma correta de administrar ! busca -se eficiência, qualidade, e gestão com o processo. Parabens !!

  • valdir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    governo tem que darvalor ao funcionario de carreira, não é só na iomat que funcionario de carreira são deixados de lado por cargos de DAS. NÃO VAI LONGE NA SECRETARIA DE SAUDE tem mtos funcionarios terceirizados, que querem saber mais que os que ja tem bagagem, outro é na secretaria de fazenda....mtos la dentro são de cargos politicos mas tem que falar que são terceirizados...seu Eder moraes quer dar uma de moral. valorize o funcionario de carreira.

  • Sandra | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sou cidadã Matogrossensse e moradora em Rondonópolis. Tenho acompanhado o crescimento vertiginoso da IOMAT, tanto que a própria manchete desta notícia nos dá conta disto, informando que o faturamento foi dobrado, isto sem contar com os mais de sete milhões que foram recebidos das contas de clientes que estavam em atrazo, não havendo mais contas a receber na atual gestão. Isso é o resultado da credibilidade que a IOMAT passou a ter junto aos seus clientes e fornecedores, pois os pagamentos passaram a acontecer pontualmente. De fato o trabalho do Sr. Roberto Sato é merecedor de destaque, contudo jamais podemos deixar de aplaudir a superintendente deste órgão que deixou de ser autarquia, pois a regência da batuta está há dois anos em suas mãos. Mulher de muita coragem, determinação e dinamismo. Não recua diante dos desafios. De todo modo é motivo de muito orgulho para nós mulheres saber que em mais de 170 anos de existência deste órgão, é a primeira vez que temos a honra de ter uma mulher na sua direção. E infelizmente nenhum ser humano consegue agradar a todos, porém quero parabenizar a Sra. Regina Márcia pelo excelente trabalho, ao Governador por ter acreditado na sua capacidade, ao Srs. Geraldo De Vito e Paulo (SAD) pelo apoio na gestão desenvolvida por ela.

  • Carlos Pedroza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A gestão da Iomat esté no caminho certo. Para que o estado quer ser dono de imprensa? sua função é cuidar de educação, segurança e saúde, o resto deve ser feito pela iniciativa privada. O serviço é melhor e mais barato.
    O grande problema no estado é a falta de competencia gerencial e ausência de remuneração pela meritocracia.
    Agora junte gestão politica e funcionários respaldados com a estabilidade. Pergunto? é possível ter produtividade num ambiente assim?

  • Jacyara - O oraculo satisfeito. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nas mãos competentes de ROBERTO SARTO, a Iomat, está encontrando o seu caminho correto.
    Trocar o Técnico responsavel e honesto atual, pelo politico desonesto de antes, foi uma solução memoravel e de grande respeito aos gastos publicos.
    O Gestro Roberto sarto, alem de competente consegue ampliar o raio de penetração do seu orgão, sempre se atualizando e participando de conclaves de pastas similares, não só no pais mas, tambem no exterior.
    Roberto merece colher os frutos de sua gestão proficua e profissional.
    Alem do mais, Roberto sarto é amigo do Parque Mãe Bonifácia e um dos bernfeitores da associação.

    Parabens Roberto, você merece.

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

Coordenador quer mostrar obras de EP

vanderlucio curtinha   Coordenador da campanha de Emanuel Pinheiro à reeleição, Vanderlúcio Rodrigues (foto) garante que o grupo vai focar na divulgação de propostas e não fará ataques pessoais aos 7 adversários. O ex-secretário de Obras Públicas avalia que o grupo...

Tucano ainda com sequelas da Covid

ricardo saad curtinha 400   O vereador cuiabano e presidente do PSDB na Capital, Ricardo Saad (foto), segue na luta para reverter as sequelas deixadas pela Covid-19. Mesmo Dois meses após ser infectado, diz que 53% do seu pulmão ainda está comprometido e que, por isso, sente muita falta de ar. Candidato à...

Tentando golpe político em Tangará

amauri 400 curtinha   O deputado estadual Paulo Araújo (PP) sofreu uma tentativa de golpe vinda de uma pessoa em quem ele confiava totalmente, o seu ex-assessor Amauri Paulo Cervo (foto). Até há poucos dias, Amauri estava lotado no gabinete do deputado, na AL, quando se licenciou com intenção de concorrer...

Regiões e representantes na disputa

nilson leitao curtinha   A maior parte das regiões está bem representada em relação aos cabeças de chapa que disputarão vaga no Senado. Pelo Nortão e Médio-Norte, encaram às urnas o ex-prefeito de Sinop Nilson Leitão (foto) e o senador tampão Carlos Fávaro (PSD). Na...

Candidatos e definição de suplentes

jos� medeiros curtinha 400   Alguns candidatos ao Senado estão batendo cabeça para compor suas suplências ou reedita-las, como é o caso de José Medeiros (foto), que, na primeira convenção (anulada), havia fechado chapa pura do Podemos com o vice-prefeito de Cuiabá Niuan...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.