Últimas

Quinta-Feira, 12 de Novembro de 2009, 17h:49 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

INVESTIMENTO

Terezinha e Éder articulam ampliação de programa digital

   Ao custo de R$ 20 mil por unidade instalada, a secretária de Trabalho, Emprego e Cidadania, Terezinha Maggi, quer ampliar o número de computadores com acesso gratuito à internet. Para isso, solicitou ao secretário estadual de Fazenda, Éder Moraes, mais recursos para viabilizar a ampliação. O pedido ocorreu durante a visita de Terezinha à Sefaz e faz parte do projeto de ampliação do Programa Mato Grosso Ação Digital, cujo objetivo é promover a inclusão social e digital de toda a população. No total, o governo estadual já desembolsou cerca de R$ 460 mil para realizar o programa.

   O programa já está presente em 92 municípios, com um total de 112 unidades disponíveis para o público em geral realizar suas pesquisas e ter acesso ao conhecimento. O coordenador do Ação Digital, secretário-adjunto César Vidoto, garante que mais 20 municípios já estão sendo contemplados através da ampliação. "O objetivo é atender todos os 141 municípios. Para isso, vamos precisar de mais uns R$ 600 mil", informou o adjunto.

   Vidoto garantiu também que os pedidos de ampliação da quantidade de unidades feitos pelos municípios do interior vão ser atendidos, como é o caso de Barra do Garças (a 494 km de Cuiabá), sob Wanderlei Farias (PR).  Porém, isso só irá acontecer após a ação estar presente em todo o Estado. Barra do Garças teve sua primeira unidade do programa inaugurada no último domingo (8).

   O programa foi inicialmente implantado em 2003 e, desde então, já contabilizou 2 milhões de atendimentos. Para auxiliar os usuários, os telecentros possuem monitores capacitados. Eder Moraes acrescenta que "o governo Blairo Maggi investe e socializa a informação de forma gratuita a 92 municípios, oportunizando à população carente o acesso ao conhecimento”.

   Em Cuiabá, o programa possui unidades instaladas no Ganha Tempo, Palácio da Instrução, AACC, Hospital do Câncer, UCAMB (União Cuiabana de Associação de Moradores de Bairro) e nas bases comunitárias da Lixeira, Pedregal, Boa Esperança e Pedra 90. Em Várzea Grande o programa atende ao bairro Água Vermelha, e funciona também na fábrica de refrigerantes Marajá (bairro Ouro Branco) e na base comunitária do Cristo Rei. (Lislaine dos Anjos)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Antonia Siminina da Silva Pedroso | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dona Terezinha e Secretario Éder vamos envolver o CEPROMAT nesse programa, temos tecnologia e infra-estrutura, possuí bom corpo técnico no estado. Venham conhecer o Data Center da empresa, procure os trabalhadores da empresa e não os seus diretores inclusive o Presidente que não conhece nada de tecnologia existente lá. Salve o CEPROMAT antes que o Caldat e seu clã acabem com ele. Obrigado

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...

DEM, bate-cabeça e plano B frustrado

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por...