Últimas

Quarta-Feira, 19 de Agosto de 2009, 06h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

VÁRZEA GRANDE

Toninho do Glória é cassado; Alcides assume a cadeira

   Acusado de cometer abuso de poder econômico e político, o vereador por Várzea Grande Antonio José de Oliveira, o Toninho do Glória (PV), está com o mandato cassado e, de quebra, ainda fica inelegível pelos próximos três anos. A decisão partiu do juiz Francisco Alexandre Ferreira Mendes Neto, da 49ª Zona Eleitoral. Ele deferiu pedido do Ministério Público. Com a queda de Toninho com apenas sete meses de mandato, assume o posto de vereador Alcides Delgado da Silva, filiado ao PV e que teve 1.221 votos.

  No mesmo processo contra Toninho do Glória foi denunciado pelo MPE o suplente Mateus Magalhães, presidente da União das Associações de Bairros de Várzea Grande (Univab). Mateus vive expectativa de virar vereador, já que o titular João Madureira também teve o mandato cassado.

   No ano passado, Toninho do Glória foi flagrado distribuindo bens materiais, brindes e prêmios, pouco antes do início da campanha eleitora. Ele havia promovido, em 15 de junho, o "4º Festival de Prêmios do Toninho", num lugar chamado Globo Show, em Várzea Grande. A intenção, no fundo, seria se autopromover. Toninho realizou o evento com direito até a apresentação de nove bandas e almoço gratuito. A compra de cartela de bingo funcionou como senha para entrada na festa. O MPE sustenta que o hoje vereador e o suplente Magalhães conseguiram atrair um "público considerável". Chegou a concluir que as pessoas presentes representaram 1,24% do eleitorado de Várzea Grande.

   Diante das acusações, o juiz Francisco Mendes decretou a cassação do registro do verereador do PV por abuso de poder político e econômico. Toninho deve recorrer da decisão. Ele tentou se explicar. Alegou que não exercia cargo público e, portanto, não poderia ser acusado de abuso de poder. O advogado do vereador cassado Elly Carvalho Júnior assegura que Toninho não deixa a cadeira de imediato porque a decisão precisa transitar em julgado. Toninho estava tão empolgado com a conquista do mandato que até se preparava para se candidatar a deputado estadual em 2010. Ele mal começou e já sai da vida pública por causa de crime eleitoral. Toninho prefere dizer que houve "excesso de zelo por parte da Justiça". Ele foi eleito com 2.679 votos pelo PV. O partido garantiu outra vaga, sob Hilton Gusmão. A Câmara várzea-grandense conta com 13 vereadores.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TRABALHO EM VG-MT, vi e vejo o trabalho deste popular que se tornou vereador, por vontade da comunidade e pela humildade de seu trabalho, só que mexer em nichos de grandes e ilustres politicos que quer ter uma coleira como redeas para controlar cidadões.


































    A população tem direiro à Educação, dignidade, segurança, saúde, moradia e respeito?
    mas, quando alguém que vem de baixo, sabendo das angustias e ansiedades de sua comunidade e tenta ao menos minimizar este sofrimento se torna uma pedra no sapato de alguém; mesmo tendo pouco recurso, tenta aliviar o sofrimento de sua população! Toninho, ví a sua preocupação com iluminação, segurança e saude de seu povo, Oseu trabalho tampará a boca de desocupados preocu´pados somente com recursos finaceiros e nao com o povoooooooooooooooooooo!




  • Ronei Duarte Advogado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Equivocou-se o ilustre Magistrado ao achar que foi uma festa de Bingo que possibilitou a eleição do Toninho do Glória. Toninho que incorporou o nome do bairro ao seu nome foi eleito, democraticamente pela sua comunidade, por cinco mandatos consecutivos para o exercício do cargo de presidente de Bairro. Possuem valorosos e inúmeráveis serviços prestados no seu bairro. Como candidato a vereador em 2000 recebeu quase 1000 votos, em 2004 teve mais de 2000 votos, sendo finalmente eleito em 2008 com uma expressiva votação. Portanto, sua eleição foi fruto de um longo e árduo serviço comunitário prestado, além de realizar sua modesta campanha usando altofalantes instalados numa velha moto e percorrendo incansávelmente todos os bairros de Várzea Grande. Querer atribuir a uma festa realizada no mes de maio,portanto, em data absurdamente afastada do pleito eleitoral realizado em outubro é um completo disparate. Caberia, neste caso, para se fazer Justiça a aplicação de uma simples multa pecuniária pela propaganda extemporânea no evento. Agora Cassar mediante uma canetada um mandato outorgado pelo povo Varzea Grandensse é uma atitude despótica e autoritária.

  • cristini | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ate que fim foi casado esse e pouco doque ele apronta e abusa dos mais umilde

  • dejango | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    UMA PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR?
    E O PREFEITO MURILO DOMINGOS?
    ESSE SIM ESTÁ PROVADO QUE HOUVE O MAU USO DO DINHEIRO PÚBLICO EM FAVOR DE SUAS EMPRESAS E NADA ACONTECE.
    BRASILLLLLLLLLLLLL....!!!

  • gloria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Rdnews poderia investigar a denuncia do MP contra esse vereador toninho que esta na prosol-VG e na camara de vereadores por tentativa de distribuir bolsa familia para fins politicos....é crime federal...cade a policia federal.

  • Pedro Luis Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Jadir Pereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sei que a justiça é cega , por isso acho que ela não viu o bom trabalho que o nobre vereador Toninho vinha realizando em Várzea Grande, fazendo grandes enfretamentos contra o sistema, e com certeza amigo Toninho vai reconquistar vosso mandato, porque foi o povo e Deus quem lhe deu...
    Estou orando por vc, sei que a justiça sera feita.

  • tereza pereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a vereança em Várzea Grande é tão inespressiva, que nós municipes parece que vivemos em uma terra sem Leis, e sem representantes legistativo, pq o prefeito faz o que quer e os veradores fazem vistas grossas. eu que pensei que meu vereador Fabio Saad fosse ser diferente virou farinha do mesmo saco. o nobre vereador dos pobres toninho do glória é que foi julgado por não fazer nada, nada, nada....... que pena mas a justiça realmente e cega, surda e muda. acorda vereador Fabio Saad faça diferente.

Reconhecimento de um governo ruim

pedro taques 400   Pedro Taques (foto) recorreu a uma observação feita pela mãe, professora Eda Taques, de que fora melhor senador do que governador. No horário eleitoral, o candidato ao Senado, agora pelo SD, menciona a frase da mãe para, em seguida, dizer que reconhece que sua atuação em...

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

MAIS LIDAS