Últimas

Quarta-Feira, 04 de Fevereiro de 2009, 11h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

ARTICULAÇÃO

Traições impedem deputado de comandar o PR

  Apesar das articulações de bastidores, o deputado federal Homero Pereira não está encontrando caminho aberto para presidir o PR no Estado por uma simples razão: é tido pela própria cúpula como traidor. A tendência é que, na reunião liderada pelo governador Blairo Maggi no sábado (7), Moisés Sachetti ganhe reforço da turma da botina para continuar na presidência, assim como o ex-deputado Emanuel Pinheiro, hoje secretário-geral.

   Alguns prefeitos e presidentes de diretórios municipais, na bronca com a postura do deputado na campanha e de outros parlamentares, montaram espécie de um "dossiê anti-Homero", tudo para impedí-lo de vir a comandar o maior partido no Estado. Recém-criado, o PR elegeu nas urnas do ano passado 33 prefeitos, 17 vice e 229 vereadores. Dessa forma, já nasceu "grande" e "inchado".

    A candidata do PR Ângela Maria, de Torixoréu, por exemplo, atribui sua derrota por uma diferença de apenas 71 votos ao deputado Homero, que, contrariando orientação partidária, apoiou o hoje prefeito Máximo Antônio (PSB), que teve 1.538 votos. Em Canabrava do Norte, a bronca vem do ex-prefeito republicano Genevaldo José de Barros, derrotado à reeleição. O deputado estadual Sebastião Rezende preferiu, também num afronta ao PR, declinar apoio ao nome do hoje prefeito Lourival Martins Araújo (PPS), eleito com 1.422 votos.

   Em Gaúcha do Norte, houve dupla traição partidária. O então prefeito Edson Haroldo (PR) não teve apoio de Homero e nem de Rezende. Ambos subiram no palanque de Nilson Francisco, do DEM, que teve 1.137 votos e conquistou cadeira de prefeito. Outra traição de Homero se deu em Ribeirãozinho, onde o PR apoiou oficialmente o candidato do PPS, professor Aparecido Marcos Moreira, que ganhou de Maria Lúcia Simões (PTB) por uma diferença de somente 35 votos. Nesse caso, Homero esteve em campanha pela candidatura da petebista, enquanto o PR seguiu outro rumo.

  Essas são algumas situações que envolvem deputados e até secretários de Estado, além de membros da própria Executiva regional, que traíram a orientação do PR e tentam, nos bastidores, "minar" a gestão Sachetti. Adjaime Ramos, por exemplo, entra na lista. Ele integra a Executiva e trabalhou para dezenas de candidatos do PP em detrimento de nomes do PR. Em Várzea Grande, o prefeito Murilo Domingos ganhou na raça. Não teve um deputado do PR em seu palanque, com exceção de João Malheiros, presente em apenas um comício. O único da Executiva regional a ajudar nas articulações foi Emanuel Pinheiro, com aval do presidente regional.

   Argumentação

   Moisés Sachetti tem buscado nos números um forma de se manter no posto. Em meio à racha no PR, os aliados de Sachetti lembram, por exemplo, que este assumiu o comando partidário em 22 de fevereiro, oito meses antes das eleições, promoveu 17 encontros regionais e constituiu 139 comissões provisórias. Além disso, tentou contornar crises por causa de rebeldias dos chamados infiéis. Considera que teve bom desempenho nas urnas, em que pese ter perdido em pólos, como Cuiabá e Rondonópolis.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Berinho Donato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parafraseando o lide de RDNews: Apesar das articulações de bastidores o deputado federal Homero Pereira não está encontrando(...) tetas desocupadas para grudar-se.
    Tá pensando que aqui tem bobo, heim, nobre deputado?

  • Paulo Roberto Silveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ninguém ainda analisou o que existe por tras da campanha contra a dupla SachettiEmanuel Pinheiro, nem quem está financiando essa campanha. De minha parte acho impossivel que sites como o RDNEWS, Olhar Direto e PNBonLINE, que são os trêsmelhores quando se trata de política, não tenham essa clareza ou não façam a leitura correta. A briga pelo poder vai além, muito além, e envolve a ante sala do governador. Conversem com o Chefe da Casa Civil que, de acordo com o RD News é hoje o homem forte de Blairo. Conversem com o Sachetti que, tambem de acordo com o RDNEWS estaria sendo destronado. Se os dois forem sincero e falarem o que pensam realmente, não sobrará pedra sobre pedra e ambos estarão irremediavelmente rompidos porque está claro nas conversas a boca pequena no Paiaguás que um não quer ver o outro nem pintado de ouro.

  • MARIZETE ALVES GUIA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CONHEÇO O DR. SACHETTI E AS PESSOAS CONFUNDEM FIRMEZA COM ARROGANCIA., ELE SEMPRE TEVE MUITO RESPEITO, CARINHO POR NOSSA REGIÃO., ENQUANTO NOS ENCONTRAMOS A QUASE 1000 KM ABANDONADOS PELOS DEPUTADOS O SR. SACHETTI TA SEMPRE NOS APOIANDO E NOS DANDO FORÇA., POIS, AI NA CAPITAL É FACIL, TUDO NA MÃO, MAS NOS AQUI NESTE MUNDÃO SÓ MESMO O SACHETTI PARA NOS OUVIR E AJUDAR., PORTANTO QUANDO VEJO FALAREM DA SUA ARROGANCIA ACHO QUE NÃO DEVE SER FACIL PARA ESTE HOMEM POIS CENTO E TANTOS MUNICIPIOS NO ESTADO , E A ATENÇÃO QUE ELE NOS DISPENSA NOS DEIXA ENVAIDECIDO. QUERO DEMONSTRAR MEU AGRADECIMENTO ATRAVES DESTE. OBRIGADO

  • claudio cunha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • João Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Conheço o deputado Homero Pereira desde que ele estava no PPS, não acho que ele é um traidor, acho que ele é companheiro mesmo, amigo de verdade das pessoas que o apoiaram para ele ser o 2º deputado federal mais votado do estado de MT, entretanto alguem que esta com medo de perder a teta que esta mamando, mandou publicar uma nota sem nenhuma consistencia como esta. Tenho certeza que o senhor RD, deliberadamente, não pensou essa materia porque se não já tinha escrito a mais tempo.
    Que vergonha seu Moises, ta com medo de perder o carguinho e não poder mais viabilizar sua candidatura, não é mesmo?

  • Antonio Carlos de Jesus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Dico | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Blairo Maggi qualquer um serve para comandar o Partido da República, basta ter muito cuidado com quem está querendo, só tem juhm que não serve é o deputado elinton, voce esqueceu da eleição de prefeito Rondonópolis? Saí fora enquanto é tempo.

  • Mailtom de Jesus | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    com tanta informação, imagino que essa materia só pode ser do presidente do pr. quanto interesse heim? não acho que o dep. homero é um traidor. acho o dep. muito coerente, sério,honesto. acho ate que ele e bonzinho ate demais, porque nesse meio só existe cobra, e pior cobra engolindo cobra.com certeza homero fará muito mais para o partido, para o nosso estado.chega de arrogancia, de grosseria, o povo que atenção, educação e respeito.senhor governador age enquanto é tempo. separe o joio do trigo.ta na hora de experimentar outros, dar oportunidade,ja viu que ta errado, mude.








  • Germano Souza Cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    OOOOOO quêêêê????????? O PR reclamando de traíras e traidores!!!!!!! Num poooooode, pois o traíras e traidores é a essência do partido, é sua base. TODOS OS QUE HABITAM AS FILEIRAS DO PR HOJE são pessoas sem o menor idealismo político, são verdadeiros aproveitadores da situação, não militam em partidos, mas sim em governos. O que nos leva a afirmar, sem temor de errar, que até o PV poderia ser o maior partido de MT hoje, caso o governador fosse do PV. Infelizmente a lei da fidelidade partidária ainda não chegou ao Executivo....

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.