Últimas

Quarta-Feira, 19 de Novembro de 2008, 22h:58 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

EMBATE JURÍDICO

TRE acolhe denúncia que levou Fabris à cadeia


Deputado Gilmar Fabris se segura no cargo por causa de liminar do TSE e enfrenta outro processo na Justiça
Foto: Maurício Barbant

  O polêmico Gilmar Fabris (DEM), que teve o mandato cassado pelo TRE e só se mantém no cargo de deputado por força de uma liminar obtida no TSE, passa a enfrentar mais um complicador jurídico na luta para não "cair" de vez. O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral decidiu por receber, em sessão nesta quinta à noite, o pedido de denúncia-crime contra o parlamentar formalizado pela Procuradoria Regional Eleitoral.

   O processo é referente às eleições de 2006, quando o então candidato pelo PFL (hoje DEM) foi detido em Pedra Preta, sob acusação de prática de boca-de-urna. Fabris tem fazenda no município e foi flagrado no instante em que tentava negociar voto por dinheiro.

    Em seu voto, o relator do processo Renato Vianna entendeu haver indícios suficientes para o recebimento da denúncia e abertura de processo-crime contra Fabris. O voto do relator foi acompanhado por todos os demais membros do Pleno. O intrigante é que, enquanto esse processo chega agora no TRE, com dois anos de atraso, outro sobre abuso de poder econômico também no pleito de 2006 resultou na cassação de Fabris. Desta vez a tal compra de votos se deu em Poxoréu. O deputado recorreu no TSE e conseguiu uma liminar, assegurando-o no posto até julgamento do mérito. É lá se vão praticamente dois anos no exercício do mandato, com direito a quatro pedidos de licença para tratamento de obesidade, conforme declarou o próprio deputado.

    Trajetória

   Ex-vereador por Rondonópolis (89/92), Gilmar Fabris já presidiu a Assembléia (95/96). À época lançou a pedra fundamental para construção da sede própria do legislativo. O projeto só foi consolidado na prática uma década depois. A obra ficou embargada por vários anos, sob suspeita de irregularidades. Nas eleições de 2002, Fabris investiu pesado na campanha e os 14.658 votos conquistados lhe garantiram apenas a 1ª suplência. Sob colaboração dos titulares, ele assumiu cadeira.

   Fabris teve 20.057 votos na eleição passada, após dois mandatos na suplência. Ele é daqules que não têm papas na língua. Costuma endossar o discurso com expressões pejorativas, em tom agressivo e intimidador.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Mario Quida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Não se iludam... como disse o Daniel Dantas: LÁ EM BRASÍLIA JÁ ESTÁ TUDO NEGOCIADO!

    Fabris.. Chica Nunes.. Pedro Henry.. estão cassados..

    masss, sempre tem um mas!, conseguiram uma LIMINAR!!

    hehe.. quanto será?? hein.. eis a questão!!

  • mariza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o seu gilmar larga de ser porcaria, e sai da assembleia, deixa outra pessoa trabalhar no seu lugar...

  • jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Blairo, tá tão mal, que só foi o Gilmar pasar para o lado dele, nestas eleições em Rondonopolis, que a praga pegou e o deputado foi contaminado pela praga queda.

  • bugrão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse dep lambão dansou vai falar mau do tião zaeli burro vai cuidar da sua obezidade inutil vai cuidar da sua saude babaca sa fado malandro. filho da p.

  • Toninho do PT | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Maria Eduarda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E aí Deputado Gilmar Fabris a casa tá começando a cair heim? Hoje você tem que ver que a era dos Campos que dominavam, mandava e desmandavam no nosso Estado em todas as áreas da justiça, já passou. Naquela época davam uma ordem ao Pleno do TRE e Cia, para que as decisões sobre o seu grupo fossem sempre ao seu favor. Agora é outro tempo Dep. Gilmar, existem um grande número de juízes e procuradores que não se vendem por nada neste mundo. e a hora do seu reinado chegar ao fim tá chegando. Parabéns Pleno do TRE pela coragem e honestidade. OS GRANDES TRONOS DESMORONAM........

  • Paulo Roberto de Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse sujeito deve ser banido da vida pública......E com
    o peso da borduna...

  • memoria curta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Gilmar Fabris o unico jeito agora é segurar no pincel porque a escada ja estão tirando

  • marcio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    cara de pau dese fabris....ganhor dimdim a custa do povo matogrossense, agora esta ai, dando uma de santo, faz de conta que não é com ele, tudo que parlamentars fazem parao povo não faz mais do que a obrigação...

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...