Últimas

Quarta-Feira, 17 de Dezembro de 2008, 20h:12 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

CÁCERES

TRE cassa Henry; Túlio é diplomado nesta 5ª

   O Pleno do TRE cassou nesta quarta a noite (17), por unanimidade, o registro do prefeito reeleito de Cáceres, Ricardo Henry (PP), e ainda o tornou inelegível pelos próximos três anos. Além disso, o progressista terá que pagar uma multa de R$ 50 mil. Com essa decisão, o segundo colocado nas urnas, ex-prefeito Túlio Fontes (DEM),  já será diplomado nestra quinta (18). A cassação de Henry, irmão do deputado Pedro Henry, cacique do PP na região Oeste, deve ganhar repercussão em todo Estado.

   Contra o prefeito progressista existem várias acusações de crimes eleitorais. Somente no TRE tramitam quatro processos sobre supostas campra de voto. Um deles foi julgado nesta quarta e já resultou na cassação do diploma de Henry. Com o cacerense, sobe para seis o número de prefeitos eleitos e/ou reeleitos que tiveram seus registros cassados por compra de votos.

   Túlio Fontes que já foi aliado dos Henry e administrou Cáceres de 2000 a 2004 ganha legitimidade para voltar ao comando do município pelos próximos quatro anos. Desta vez tem como vice-prefeito o vereador e ex-deputado Wilsom Kishi (PDT). (Lisânia Ghisi)

(20h45) - Punição é por contrato ilegal de servidores

  Na decisão unânime que cassou o registro de Ricardo Henry, o Pleno do TRE já determinou que Túlio Fontes, segundo colocado nas urnas, e o seu vice Wilson Kishi já sejam diplomados nesta quinta. O prefeito foi condenado pela prática de contratação temporária de servidores não concursados em período eleitoral.

   A decisão final do Pleno acompanhou o voto do juiz-relator Rodrigo Navarro de Oliveira, que acrescentou ao seu voto original as considerações do juiz José Zuquim Nogueira que, em seu voto-vista, decidiu pela cassação do registro e a suspensão da diplomação de Henry. Ao proferir seu voto, o desembargador Manoel Ornellas, além de acompanhar os acréscimos do juiz Zuquim ao voto de Navarro, votou também pela determinação da diplomação do segundo colocado no pleito.

   O juiz Alexandre Elias Filho fundamentou seu voto baseado no entendimento dos membros que votaram anteriormente. A decisão final do Pleno também foi em consonância com o parecer da procuradora-regional eleitoral Léa Batista de Oliveira, que emitiu parecer favorável pelo provimento do recurso e reforma da sentença do juiz eleitoral de Cáceres, Geraldo Fidélis.

     Recurso

   A coligação Cáceres Com A Força do Povo, encabeçada por Túlio Fontes, recorreu da decisão de Fidélis, que julgou improcedente a ação de investigação em que o prefeito Ricardo Henry é acusado de praticar conduta vedada aos agentes públicos em período eleitoral, consistente na realização de 543 contratações temporárias de servidores não concursados. Destes, 382 servidores foram contratados às vésperas do período eleitoral e 161 dentro do período eleitoral, embora existissem candidatos aprovados em concurso público. O fato caracterizaria infração ao disposto no artigo 73 da lei  9504/97. Acabou custando o mandato de Ricardo Henry.


Túlio Fontes (DEM) vence embate jurídico, vai ser diplomado nesta 5ª e empossado prefeito de Cáceres em 1º de janeiro

Postar um novo comentário

Comentários (48)

  • Rodrigo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa indignado com isso o voto do povo nao vale mais juizes???
    Que pena mais o povo de Caceres nao querem os Fontes no poder q isso seja bem claro...

  • Paulo Cesar Ortiz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É, mais uma vez a cuiabania capitaneada por desembargadores tendenciosos estão escrevendo a história de uma cidade que nem conhecem.
    Vcs, Srs Desembargadores, deveriam se envergonhar de uma atitude mesquinha como essas. tudo leva a crer que vcs estão atendendo interesses de meia duzia de politiqueiros que não querem e nem aceitam o desenvolvimento de Cáceres.
    Como cacerense que sou, nascido nesta terra, tenho autoridade suficiente pra dizer que vcs são personas não gratas no nosso municipio. por favor, quando quiserem visitar uma cidade do interior, o façam longe daqui, pois vcs representam o que existe de pior no cenario juridico desse estado.
    Outra coisa, é de senso comum, que vcs não querem e nem queriam atingir o RICARDO HENRY, a meta de vcs é destruirem nosso lider PEDRO HENRY, mas saibam que ele é forte e quanto mais vcs batem, mais ele cresce. Saibam que vcs são os principais responsáveis por tudo de ruim que acontecer nessa cidade pelos próximos quatro anos, pois é de autoria de vcs, essa triste e nebulosa ação de combate ao crescimento e progresso da nossa cidade.
    TRE-MT...tsc..tsc...tsc...uma boa piada, porém sem graça.

  • Neusa Madalena Bregasse | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O TRE de MT acaba de escrever uma pagina triste e negra na história de Cáceres.
    Vcs atingiram em cheio a dignidade da nossa população. vcs não tem o direito de substituir 21.000 pessoas q

  • Carmem Lucia Medeiros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quando eu soube que os processos iriam cair no colo do TRE eu sabia que boa coisa não viria. esses cuiabanos de toga nunca foram com a cara do povo de Cáceres, na verdade eles estavam, pelo que demonstraram, bem alinhavados com a turma do Tulio. é uma pena que não se pode mais confiar na justiça, pois ela é feita sob encomenda seguindo critérios quase sempre escabrosos.
    Vou ensinar cedo pros meus filhos: Filhos, passem longe daqueles homens de preto; eles são desembargadores do estado de MT.

  • Dr. Anderson Muniz Paiva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por que $erá que o TRE não ca$$ou também o Wil$on $antos???ele também contratou gente no periodo eleitoral. $erá que o prefeitão da capital tem um humor natalino mai$ apurado??$$$$.

  • Celia Padilha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Giselda Faria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    Isso é uma vergonha, esses juizes irem contra a vontade do povo, onde esta a democracia, queremos que nosso voto seja honrado.
    Mas acredito na justiça divina, e isso será revertido a favor do povo, que no dia 05 de outubro fez sua escolha pelo Prefeito Ricardo Henry.

  • Sérgio Camargo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Sr. Romilson, me causa espanto tal decisão, o povo de Cáceres esta indignado com tal decisão.

    Como se diz no Zorra Total, espeeeeeeeeeerrrrrrrrrrrrra.

  • Luciano Castanheira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TULIO, CUIDADO!!!
    Amanhã, com certeza, vc vai receber ligação de Gabriel, Cotia, Carlos Amilton, Guaresqui, Zé Antonio, Marcelão, Filomena e cia. ,os desempregados da hora, para lhe parabenizar hahahahahah.
    Boa sorte. trabalho tem muito.

  • Marina Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens pela decisão da justiça!
    Fez Justiça no PAIS DAS COMPRAS DE VOTOS!

    Agora, esperamos que com a experiencia de Túlio Fontes, como ex-prefeito, saiba muito bem tomar as decisões administrativas para que o desenvolvimento de Cáceres continue avançando.

    Logo, esperamos também, uma devassa auditoria na PMC!

    Esperamos também, que Túlio Fontes, não cometa os erros do seu primeiro mandato, assim também como o atual Prefeito Ricardo Henry, DE MONTAR GRUPOS COM PESSOAS DO MEIO POLITICO TRADICIONAL, OS MESQUINHOS, OS DE CARTEIRINHAS QUE SÓ ESTÃO ATRAS DOS HOLERITES, É A OPORTUNIDADE DE JOGAR ESSA SUJEIRA FORA DO COC.

    Analisando o lado politico, temos agora um projeto politico para Cáceres, já que em 2010 terá eleições.

    Com isso, Túlio Fontes, terá dois anos para mostrar por que realmente quis ser Prefeito novamente, e podendo assim, brigar por uma nova expectativa e esperança para o povo Cacerense, já que o credencia a disputar uma vaga a Deputado Federal pela região sudoeste, devido nós cacerense não termos mais a referencia que tinhamos, pois sanguessuga e mensalão é o fim de Pedro Henry e para sepultar de vez, a perda da reeleição do irmão Ricardo Henry.

    Kishi, pode virar prefeito em 2010!

    Quem pode sobressair também com esse resultado, é o Professor da Unemat, Celso Fanaia, eleito vereador, podendo ser candidato a Deputado Estadual juntamente com Túlio Fontes a Federal, UMA DOBRADINHA INTELIGENTE E QUE A REGIÃO SUDOESTE PODERÁ APROVAR PELO NIVEL DE PESSOAS QUE OS MESMO REPRESENTA.

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.