Últimas

Segunda-Feira, 06 de Abril de 2009, 18h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

ELEIÇÃO

TRE deve votar resolução para novas eleições em MT

   O calendário eleitoral que define a data do novo pleito em Araguainha (a 409 km de Cuiabá) e Novo Horizonte do Norte (665 km da Capital) deve ser finalizado e votado pelo Pleno do TRE. O Tribunal já iniciou processo interno de confecção do documento. Foram verificadas questões jurídicas e, agora, funcionários fazem o levantamento orçamentário das novas eleições. A partir destes dados, o calendário que definirá os prazos para a realização do "ritual" eleitoral será concluído.

   O TSE já publicou a determinação de novo pleito nos dois municípios. Agora, tudo dependerá do  Pleno, cabe aos juízes aprovar o novo calendário em sessão ainda a ser marcada. Os novos prazos serão mais curtos, a convenção e definição de candidatos por exemplo deverá ser feito em três dias. A tendência é que as  duas eleições ocorram  no mesmo dia.  Enquanto isso, os presidentes das câmaras municipais ocupam cargo de prefeito "tampão". Em todo o país, já foram realizadas mais de 30 novas eleições. Segundo a legislação, quando um dos candidatos obtiver mais que 50% dos votos,  novo pleito deve ser realizado. O trâmite é moroso, pois permite que o "cassado" recorra em segunda e terceira instâncias. 

  No caso de Novo Horizonte do Norte, a definição por nova eleição demorou porque houveram "problemas de comunicação". Ocorre que a Justiça havia indeferido a candidatura de Agenor Evangelista da Silva (DEM) e, ao consultar o cartório de Juara, responsável pela contabilização dos votos, o Tribunal foi informado que nenhum dos dois candidatos obteve mais que 50% dos votos. O TRE empossou o segundo colocado, João Antônio de Oliveira (PMDB). Três meses depois descobriu o erro, já que Agenor obteve 50,25%. Diante dos fatos, foi determinado novo pleito. Em Araguainha a definição por nova eleição foi publicada em fevereiro pelo TRE. O prefeito eleito Osmari César Azevedo (PR) teve seu registro de candidatura cassado. Ele venceu, mas não levou.

   A indefinição eleitoral persiste em Santo Antônio do Leverger e Nova Olímpia. Os prefeitos cassados Faustino Dias e Francisco Soares de Medeiros, respectivamente, tentam reverter na Justiça a cassação. Permanecem na "corda bamba" os empossados Juarez Costa (PMDB), prefeito de Sinop e Francisco de Assis, o Diá (PT), de Ribeirão Cascalheiras. Ambos asseguraram na Justiça o direito de administrar os municípios, mas ainda não tiveram seus recursos julgados pelo TRE. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • fiinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TRE - MT........ por que o processo de cassação do prefeito de Poxoréu não sobe para o TSE.?.......ta demorando demais......por que essta morosidade?

  • José Ferreira da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A situação de Paranatinga-Mt está insustentável, a cidade está parada, não difinem logo a situação politica do municipio, porque será?

  • fernando | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Santo antonio esta esperando nova eleição... chega de faustino...

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...