Últimas

Terça-Feira, 14 de Julho de 2009, 08h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

PARANATINGA

TRE julga recurso de Vilson para continuar na prefeitura

   O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) deve definir nesta terça (14) se o prefeito de Paranatinga, Vilson Pires (PRP), vai continuar à frente do cargo. Retorna à pauta de votação o recurso que tenta reverter a sentença da 57ª Zona Eleitoral que cassou Vilson por compras de votos e gasto irregular de recursos de campanha, além de multá-lo de R$ 22 mil. Na sessão da última quinta (9), a juíza relatora Adverci Rates Mendes de Abreu votou pela saída de Vilson do cargo, acompanhando o parecer do procurador eleitoral, Thiago Lemos de Andrade. Também votaram pela perda do mandato de Vilson o juiz José Zuquim Nogueira e o desembargador Rui Ramos Ribeiro. Faltam votar os juízes Maria Abadia, Renato Vianna e Yale Sabo Mendes.

   Segundo a juíza Adverci, a sentença do magistrado de primeiro grau foi baseada em prova consistente, como depoimento de testemunha. Também há uma caderneta com uma lista com números dos títulos, zonas e seções de votação de eleitores. Ao todo, constam 75 nomes, com anotações "PG" ou "OK", o que indicaria a compra de votos. Segundo a relatora, a caderneta foi apreendida na casa de Vilson dois dias após a eleição, em decorrência de busca e apreensão requerida pelo Ministério Público.  

   Na defesa, os advogados de Vilson apresentaram uma lista com 51 contratos supostamente firmados com pessoas que trabalharam na campanha do então candidato a vereador Marcelo Dias Pereira, sobrinho do vice-prefeito Jaime Dias Pereira Filho, ao custo de R$ 50 cada. Na avaliação de Adverci, os documentos não passam de uma tentativa de ludibriar a Justiça Eleitoral e disfarçar a compra de votos. "Cumpre salientar que para a formalização de um contrato de trabalho, a informação referente à qualificação do contratado não necessita de indicação de vasta documentação a não ser de simples referência a nome, endereço, RG e CPF. No caso, a caderneta veio recheada de informações referentes, como dito, ao título e seção eleitorais, informações costumeiramente utilizadas na fiscalização dos votos adquiridos ilicitamente", destacou.

   Caso os membros do TRE cassem o mandato de Vilson, haverá nova eleição em Paranatinga. Até a data do novo pleito, o presidente da Câmara Municipal, Valdecir Donizete Nunes, ficará à frente da prefeitura. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • maria julia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns ao Site rdnews por deixar claro a posição do TRE quanto ao processo de compra de votos do Vilson em Paranatinga. Quero salientar aqui o que deixa todo mundo indignado é o Vilson falar claramente, que os 4 votos que faltam está tudo acertado, quer dizer tudo comprado! E que as pessoas que votaram contram ele são pessoas que votam contra a todos e contra o mundo. E que o restante está tudo no bolso. Vamos ficar de olho, pois se ele não for cassado hoje, é sinal de que dinheiro compra votos no TRE. Chega de palhaçada, Paranatinga está um caos!!!!

  • Maria Abadia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • A população | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • MARIA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem responder vai ganhar uma um passeio com direito a 300 pernoite no pantanal. PORQUE QUE DESDE O DIA 06/07 O PREFEITO CASSADO DE POCONÉ ESTROU COM UM PEDIDO DE LIMINAR PARA VOLTAR PARA O CARGO, QUE TEM COMO RELATOR O RENATO VIANA, E ATÉ AGORA NÃO SAIU? QUAL É O MOTIVO DA DEMORA? ...........

  • Ana Julia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ai,Ai,Ai, está chegando a hora, será teremos soluções ou mais indecisões neste proc. de compra de votos em Paranatinga. Aqui cada vez que um desembargador pede vista o que seouve falar que vai rolar dinheiro. Mas eu ainda acredito na justiça, ou melhor que ainda tem algumas pessoas sérias fazendo o seu papel. Vamos aguardar!

  • claudio teododo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    eu nao entendi pq meu comentario nao doi aceito??? sera que eu disse verdades, sera que eu bati na cara de algumas pessoas, kd a democracia?? nao vivemos mais na ditadura, eu posso dizer, pensar e falar o que eu quero....

Avaliar realiza pesquisa em Cuiabá

antero 400   O instituto Avaliar Pesquisa e Comunicação Estratégica, vinculado ao ex-senador, jornalista e marqueteiro Antero de Barros (foto), foi contratado pelo site Preto no Branco, do próprio Antero, para realizar uma pesquisa sobre intenções de voto para prefeito e vereador de Cuiabá....

Patriota, vários evangélicos e cantor

oscemario daltro 400 curtinha   O nanico Patriota, hoje sem um assento na Câmara de Cuiabá, lançou chapa completa para vereador, com 38 nomes. E pode eleger até dois. A proporcional acaba se fortalecendo porque o partido tem cabeça de chapa ao Executivo, o ex-prefeito por dois mandatos Roberto França. Entre...

Colíder com 2 candidatos desgastados

jaiminho 400 curtinha   Em Colíder, duas figuras bastante desgastadas politicamente estão na disputa pelo Executivo, sendo o prefeito Noboru Tomiyoshi, que fechou aliança com apenas três partidos (DEM, PSD e SD), e o ex-prefeito Jaime Marques (foto), que concorre pelo PSC numa coligação que agrega DEM e...

PP com 25 a vereador projeta 3 vagas

orivaldo da farmacia 400 curtinha   O PP, da base aliada do prefeito Emanuel, conta com 25 candidatos a vereador pela Capital. Deve conquistar entre duas e três vagas. Os principais concorrentes são os já vereadores Orivaldo da Farmácia (foto), Marcrean Santos e Luis Cláudio, além do ex-vereador...

MPE vê prefeita de Torixoréu inelegível

ines 400 curtinha torixoreu   Para o Ministério Público Eleitoral, a prefeita de Torixoréu, Inês Mesquita Moraes Coelho (foto), que se lançou à reeleição pelo DEM, está inelegível. Numa ação de impugnação de registro de candidatura, o promotor...

Candidato amarga derrota na Justiça

adilson gon�alves 400 curtinha   O candidato a prefeito de Barra do Garças, delegado Adilson Gonçalves (foto), tentou, sem êxito na Justiça, censurar o Rdnews na publicação de matérias sobre o pleito eleitoral no município. Numa ação impetrada junto à...