Últimas

Sábado, 02 de Fevereiro de 2008, 22h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ARTICULAÇÃO

Tribunal faz mudanças; ex-deputada é exonerada

  Em meio às novas mudanças no quadro de pessoal do Tribunal de Contas do Estado, motivadas pela substituição de dois conselheiros (Humberto Bosaipo no lugar de Tom Spinelli e Waldir Teis na vaga de Júlio Campos) e ainda com a posse na nova diretoria, quem acabou exonerada foi a ex-deputada estadual Zilda Pereira Leite de Campos. Ela estava lotada como secretária da Presidência, então sob o conselheiro José Carlos Novelli. Zilda, que já tentou, sem êxito, candidatura à prefeita de Várzea Grande, ganhava mais de R$ 3 mil mensais no TCE. Antes, ela foi secretária de Educação no último mandato do então prefeito Jaime Campos (2001/2004).

     Para participar do processo de transição da presidência do TCE, o jornalista Américo Correa, que atuou por vários anos no Tribunal Regional Eleitoral e teve passagem "relâmpago" pelo Tribunal de Justiça, foi nomeado inicialmente como coordenador técnico da presidência. Agora, um mês depois, assume a assessoria Especial de Comunicação. Já o jornalista José Roberto Amador,  o Bebeto, deixa a Comunicação e assume a vice-diretoria da Escola Superior de Contas, no lugar de José Jurandir de Lima Junior que, por sua vez, vai para a assessoria técnica da vice-presidência, agora sob José Novelli.

   Enxugamento

   O novo presidente, conselheiro Antonio Joaquim, que terá um orçamento de R$ 108 milhões, admite nos bastidores a possibilidade de enxugamento de cargos ligados diretamente à presidência. Ao todo são dez, entre eles 1 chefe de gabinete, 2 assessores, 2 secretários, 2 assistentes de gabinete, 1 secretário especial de Articulação Institucional Técnico Instrutivo e de Controle, 1 secretário de Coordenação Técnica e ainda um assistente técnico da secretaria de Coordenação Técnica da Presidência. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • milena | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TEM QUE EXONERAR MESMO.COMO PODERÁ ACOMODAR A ESPOSA,AS FILHAS,GENRO,CUNHADA......TEM QUE DEFENDER NEPOTISMO MESMO.....

  • SILVANA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUEM ENTRA DEFENDENDO NEPOTISMO,SÓ PODE FAZER ISSO MESMO.COMO DIZ A INTERNAUTA MILENA,É TANTA GENTE DA FAMILIA PARA ACOMODAR...IMAGINE A RENDA FAMILOLHO VIVO MOVIMENTO DE COMBATE A CORRUPÇÃO,MORAL E OUTROS....A FARRA COMEÇOU CEDO.....NÃO BASTOU WALDIR TEIS,(NEGOCIATA DO GOVERNADOR) HUMBERTO BOSAIPO,AS OBRAS DO NOVELLI...AGORA É ANTONIO JOAQUIM...NINGUÉM MERECE

  • becao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é a vida é assim mesmo cheio de oportunista, se hoje o senhor antonio joaquim é o que é tem uma grande participaçao da professora zilda, que o ajudou muito nos tempos do PDT, de onde o senhor antonio joaquim começou na politica, hoje ele agradece dessa forma, o cargo la é vitalicio, ele nunca mais vai precisar de nimguem, nao precisa mais de voto, agora ele vai deitar e rolar os companheiros que se sifu, nada melhor como um dia atras do outro, é dessa forma que a gente conhece as pessoas, na época em que ele foi candidato a deputado federal e ganhou a eleiçao e prometeu um monte de coisa para zilda, até hoje nao cumpriu e nem por isso ela saiu falando para todo mundo e nem deixou de ser seu companheiro de partido, mas tudo isso é para acomodar uns amigos, infelizmente na politica existe dessas coisas, fique tranquila prof. zilda vc é muito competente e serviço nao vai lhe faltar.

  • Ademar Adams | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa Zilva é uma arrivista oportunista. De concorrente à prefeitura de VG, foi se aninhar nos braços de Jota Veríssimo como secretária de educação. Traiu os eleitores e os trabalhistas. Que volte para a sala de aulas!

    Quando a cortar cargos comissionados, DU-VI-DO!

    Já esse Jurandir Filho deve ter saído do TJ por orden do CNJ e foi agraciado no compadrio do TCE. Não tem jeito, os donos do poder neste Estado estão sempre numa boa!

  • benedito | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    tem muita gnte que se vê os seus entereses e nao a nessecidade de outros e até mesmo o campanherismo do passado, isso foi o que aconteceu com a professor zild com o conselheiro antonio joaquim, a amizade o companherismo o tempo perdido na época de partido so serviu para dar um pe na costa de quem ja o serviu e muito, mas é assim mesmo ,

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

Seduc e microônibus para municípios

alan porto 400 curtinha   A secretaria estadual de Educação, sob Alan Porto (foto), tem buscado parcerias com prefeituras para construir quadras poliesportivas, laboratórios de informática e escolas, além de ampliar salas de aula, adquirir ares condicionados e microônibus escolares, de modo a atender...

Emanuel é quem mais realizou obras

emanuel pinheiro 400 curtinha   Um levantamento da empresa Percent Pesquisa & Consultoria, feita em Cuiabá entre os últimos dias 13 e 14, destaca que, na percepção de 49% dos cuiabanos, o prefeito reeleito Emanuel Pinheiro (foto) foi o que mais fez obras e serviços. Em segundo lugar, com 19,8%, é citado...

Emendas ajudam Unemat de ROO

thiago silva 400 curtinha   Em reunião com o reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, e com o pró-reitor Alexandre Porto, o deputado estadual Thiago Silva (foto) tratou da emenda de R$ 1 milhão para manter o curso de direito e abertura do de jornalismo em Rondonópolis neste ano. E, juntos, definiram o modelo de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.