Últimas

Quinta-Feira, 20 de Março de 2008, 08h:08 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

RUMO ÀS URNAS

Vários municípios testam a reeleição pela 1ª vez


Sob desgaste, Izaura recua em Alta Floresta e Ricardo Henry tenta quebrar tabu em Cáceres

  Os prefeitos Ricardo Henry (PP), de Cáceres, e Maria Izaura Dias Alfonso (PDT), de Alta Floresta, estão entre aqueles gestores de municípios mato-grossenses que não experimentaram a reeleição. Ambos enfrentam desgaste político. Com empurrão do máquina do município e do irmão-deputado Pedro Henry, Ricardo está disposto a enfrentar a reeleição mas, a considerar o quadro de hoje, não teria chance de ser o primeiro a reconquistar o mandato consecutivamente na cidade-pólo do Oeste.

   Já em Alta Floresta, Izaura está tão mal das pernas administrativamente que não quer arriscar um novo teste das urnas. Prepara então para lançar à sucessão o seu secretário de Finanças, Júlio Giacomin, principal braço da administração.

   O instituto da reeleição passou a valer a partir do pleito de 98. No caso de prefeito, a primeira prova de fogo foi nas urnas de 2000, o que acabou beneficiando, à época, com novo mandato os então gestores Roberto França (Cuiabá), Percival Muniz (Rondonópolis), Jaime Campos (Várzea Grande), Nilson Leitão (Sinop) e Wanderlei Farias (Barra do Garças).

   Efeito 2004

   Nas eleições de 2004, entre os derrotados à reeleição, estiveram os então prefeitos Túlio Fontes (Cáceres), Valdizete Nogueira (Jaciara), Eduardo Belmiro, o professor Edu (Santo Antonio de Leverger) e Euclides Santos (Poconé). Agora, o eleitorado desses municípios vão avaliar de novo se reelegerá ou não seus prefeitos pela primeira vez. Alguns derrotados no passado, curiosamente, vão estar na outra ponta, como Euclides e Túlio. Como candidatos de oposição, são eles agora que vão lutar para os municípios não ter reeleição pela primeira vez..

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • francisco | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sua avaliação sobre a situação politica de Alta Floresta está equivocada e fora da realidade atual. A prefeita Maria Izaura enfrentava desgaste, mas desde de 2007, se recuperou politicamente. É uma administração muito organizada. A prefeitura comprou maquinários e o salários-que em mandatos anteriores ficavam até 4 meses atrasados, está sendo pago até no 5 dia útil de cada mês.
    A Prefeita Maria Izaura é candidatissima à reeleição e, se a eleição fosse hoje estaria seria eleita com a maioria dos votos.
    fica o registro e seria interessante o caro jornalista se informar sobre o atual politico de Alta Floresta

  • marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    em leveger sai prefeito entre prefeito e a população continua a ver navios...nepotismo absoluto....ai vem naseleiçoes o sujo falando do mal lavado....pagamos impostos e cade retorno?

  • Nelsinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Alta Floresta, nunca ganhou uma reeleição as a houzadia e coragem da nossa prefeita, ficou na história de Alta Floresta, tanto por ser a 1ª mulher já aposentada ganhar no meio politico, como tanto ganhar e quebra o tabú das reeleições em Alta Floresta-MT . quem trabalha e planta colhe... parabéns Mª Izaura DEUS é pai e você é mãe nossa. Amém... Nelson da Conceição.

  • Antônio Boa Esperança | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já vai tarde. Aliás, nem deveria ter assumido o comando político de Alta Floresta. Essa conversa de que a cidade está organizada e esse papo de pagar funcionário em dia, é verdadeira babela. Para vocês terem uma idéia, os funcionários da educação continuam a receber depois do dia 15 e em nenhum momento da atual administração esta data foi antecipada. A prefeita Maria Izaura beneficia alguns poucos apaniguados e a maioria da população fica mesmo a ver navios. Uma administração onde se coloca toras no meio da rua para sinalização, que acaba ocasionando mortes, como ocorreu no periodo de carnaval, n~çao deveria, como não deve mesmo, querer se recandidatar. Então, meus caros amigos, só posso parabenizá-los pela leitura PERFEITISSIMA da atual situação política de Alta Floresta. E que a cidade volte a sorrir, a crescer, e a ter impostos dignos, não estes que Alta Floresta tem.

    Se servir de pauta para vocês, a cidade de Alta Floresta tem hoje o IPTU mais caro do Brasil. Num momento de extrema falta de recursos e crise ocasionada pela pressão ambiental e essas coisas, a prefeita Maria Izaura e o seu pré-candidato vêm a público e implantam em Alta Floresta 50% de acrescimo no IPTU. Que cidade merece uma prefeita dessas? Parabéns RD News, pela coragem...

  • mauro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    na eleição passada em alta floresta o governador blairo maggi nem sabia que candidato iria proteger...e colocou saia justa no senador jonas pinheiro pq um candidato era do antogo pps e outro era do antigo pfl...

  • Marco Antonio de Figeiredo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    O Senador Jayme Campos estára avaliando o seu Irmão Benedito Paulo de Campos ( Dito Paulo) Prefeito de Jangada que esta enfrentado a maior reijeição da historio politica deste pacato municipio de Jangada, Como o nome da famila no senário politco e relevante, Jaime que maquiavelho na politica devera ver os resultado da pesquisa nos proximo dias para encorajar DITO PAULO ou retirar a sua Candidatura a Reeleição, por que a stuação do Prefeito Dito Paulo e uma das piries do estado com mais de 70% de reijeção administrativa. O prefeito Dito reafirmou onte na Radia FM jangada que vai a reeleição pelo fato que esta fazendo um grande tranalho a frente da prefeitura, a sociedade so votou neste cidão por causa de Jayme, mas agora não tem santo Jayme que cura esta doença.

  • jorge | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pelo visto cáceres não faz mais parte do mapa.Não foi citado até agora.Verifiquem a gestão do Ricardo...simpático mas está levando o munícipio ao caos.Apostou no Dep. Portugues, que não tem expressão política e experiência devida. Afundam os barcos, as festas, os festivais. Que saudades dos tempos antigos, aqueles q não voltam mais.
    Vamos nos cuidar pois a vaca já foi para o brejo.

  • CIDADÃO DESESPERANÇADO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Infelismente, o cuiabano pensa que reeleição,é pra reeleger aquele que ja esta no poder

  • Rdmundo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A prefeita Maria Izaura tem sofrido muito porque é uma pessoa séria que entrou para a política e moralizou a prefeitura. Desde o inicio ela sofre perseguição de pessoas que são sanguessugas que sempre viveram em função dos cofres públiocs. E como as tetas secaram, perseguem a prefeita.
    Romoaldo Júnir e sua quadrilha deixou um rombo que durante décadas o município não irá se recuperar. Desvio de recursos, inadimplências e vendeu todas as área públicas do município e o dinheiro desapareceu.
    Depois de 12 anos, é a primeira vez que há uma prefeita decente na cidade. Para se ter uma idéia, a prefeitura de uma Floresta não tinha sequer uma máquina que prestasse. E a prefeita Maria Izaura comprou maquinários novos e organziou a moralizou a prefeitura.
    Seria bom para Alta Floresta se ela fosse novamente candidata para o municípi prosseguir no mesmo ritmo.
    Os politicos antigos de Alta Floresta deveriam todos se aposentar, pois já tiveram mandato e não fizeram nada.
    Romoaldo, Rogério Silva, Robson Silva, Elói Almeida e alguins vereadores como Doglas, Edson e Paulo Florêncio que são polticos que somente atrapalham o município e os interesses da comunidade.

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.