Últimas

Sábado, 16 de Junho de 2007, 01h:39 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Vários vice-prefeitos rompem com os titulares

        A exemplo de Nico Baracat (PMDB) em Várzea Grande, vários vice-prefeitos de cidades-pólos mato-grossenses já romperam com os titulares logo no início da administração. Divergências políticas, conspirações, acordos não cumpridos, brigas por espaço e por indicação de cargos são os motivadores das rupturas pelo menos em oito municípios. Baracat, por exemplo, se afastou do prefeito Murilo Domingos (ex-PPS e hoje PR) logo no primeiro semestre da gestão. Publicamente, o vice-prefeito argumenta que Murilo ignorou as promessas de campanha e não teve coragem de romper com os Campos. Hoje, ambos são adversários. Nico Baracat articula inclusive candidatura à sucessão municipal, com a disposição de enfrentar o ex-aliado.

    Em Cuiabá, o prefeito Wilson Santos (PSDB) e a vice Jacy Proença (ex-PSDB, ex-PMDB e hoje sem partido) também vive em rota de colisão. Diferente de Nico Baracat, que nem possui cabinete na Prefeitura de VG, Jacy usufrui de estrutura, inclusive com uma ampla equipe de assessores. Ela tenta fazer uma gestão paralela, mas se vê limitada pelo estilo centralizador do prefeito.

    O prefeito de Rondonópolis, Adilton Sachetti (ex-PPS e agora no PR), chegou a vetar que a assessoria de imprensa divulgasse ações do seu vice Manoel Machado, o Maneco (PSL). Após entrarem em conflito, ambos voltaram a se reaproximar. Em Cáceres, Ricardo Henry (PP) e o seu vice Masato Nakahara (PTB) se desentenderam no ano passado. O petebista assumiu a pasta da Saúde, mas logo deixou o cargo e se distanciou do titular.

   Já em Tangará da Serra os conflitos entre o prefeito Júlio Cesar Ladeia (ex-PL e hoje PR) e a vice Araci Coelho foram tão intensos que ela renunciou ao mandato. Hoje, o município está com vacância na cadeira de vice. Em Chapada dos Guimarães, o vice Flávio Daltro (PP), pré-candidato à sucessão municipal, está rompido com o prefeito Gilberto de Mello (PR).

    Em Peixoto de Azevedo, o então vice Hermenegildo Bianchi Filho, agora no comando do município, está rompido com Baiana Heller, afastada do cargo sob acusação de ter cometido atos de improbidade. Também em Vila Rica, o vice Everaldo Simões assumiu o posto de prefeito com o afastamento de Francisco Teodoro por atos de improbidade. Ambos viraram adversários políticos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...