Últimas

Sábado, 16 de Junho de 2007, 01h:39 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Vários vice-prefeitos rompem com os titulares

        A exemplo de Nico Baracat (PMDB) em Várzea Grande, vários vice-prefeitos de cidades-pólos mato-grossenses já romperam com os titulares logo no início da administração. Divergências políticas, conspirações, acordos não cumpridos, brigas por espaço e por indicação de cargos são os motivadores das rupturas pelo menos em oito municípios. Baracat, por exemplo, se afastou do prefeito Murilo Domingos (ex-PPS e hoje PR) logo no primeiro semestre da gestão. Publicamente, o vice-prefeito argumenta que Murilo ignorou as promessas de campanha e não teve coragem de romper com os Campos. Hoje, ambos são adversários. Nico Baracat articula inclusive candidatura à sucessão municipal, com a disposição de enfrentar o ex-aliado.

    Em Cuiabá, o prefeito Wilson Santos (PSDB) e a vice Jacy Proença (ex-PSDB, ex-PMDB e hoje sem partido) também vive em rota de colisão. Diferente de Nico Baracat, que nem possui cabinete na Prefeitura de VG, Jacy usufrui de estrutura, inclusive com uma ampla equipe de assessores. Ela tenta fazer uma gestão paralela, mas se vê limitada pelo estilo centralizador do prefeito.

    O prefeito de Rondonópolis, Adilton Sachetti (ex-PPS e agora no PR), chegou a vetar que a assessoria de imprensa divulgasse ações do seu vice Manoel Machado, o Maneco (PSL). Após entrarem em conflito, ambos voltaram a se reaproximar. Em Cáceres, Ricardo Henry (PP) e o seu vice Masato Nakahara (PTB) se desentenderam no ano passado. O petebista assumiu a pasta da Saúde, mas logo deixou o cargo e se distanciou do titular.

   Já em Tangará da Serra os conflitos entre o prefeito Júlio Cesar Ladeia (ex-PL e hoje PR) e a vice Araci Coelho foram tão intensos que ela renunciou ao mandato. Hoje, o município está com vacância na cadeira de vice. Em Chapada dos Guimarães, o vice Flávio Daltro (PP), pré-candidato à sucessão municipal, está rompido com o prefeito Gilberto de Mello (PR).

    Em Peixoto de Azevedo, o então vice Hermenegildo Bianchi Filho, agora no comando do município, está rompido com Baiana Heller, afastada do cargo sob acusação de ter cometido atos de improbidade. Também em Vila Rica, o vice Everaldo Simões assumiu o posto de prefeito com o afastamento de Francisco Teodoro por atos de improbidade. Ambos viraram adversários políticos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Fazendeiro deve disputar em Tangará

chico clemente 400 curtinha   Chico Clemente (foto), que está determinado a disputar a Prefeitura de Tangará da Serra pelo PSD, é fazendeiro e não precisa de política praticamente para nada. Mesmo assim, é conhecido por gostar muito dos bastidores, o que o levou a estar na direção de campanhas...

Vander sufocado em Tangará da Serra

vander masson 400 curtinha   Se até há poucos dias tudo indicava para uma possível eleição de Vander Masson (foto) em Tangará da Serra, agora a situação ganha novos rumos e se complica para o tucano. O filho do ex-deputado Saturnino vem perdendo o controle do cenário. Nos últimos...

IFMT e novo laboratório pra testagem

deiver 400 curtinha   Numa iniciativa inédita, o Campus do IFMT Cuiabá - Bela Vista, sob o diretor-geral Deiver Alessandro Teixeira (foto), terá um novo laboratório a ser utilizado para análise sorológica da Covid-19, através da pesquisa de IgG e IgM. A obra, orçada em R$ 1 milhão,...

Comitê chama órgãos fiscalizadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Para colocar fim às críticas sobre suposta falta de transparência na aplicação dos recursos transferidos a Cuiabá pelo governo federal com vistas ao enfrentamento à pandemia, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) determinou que seu secretário de Saúde, Luiz...

PT sob risco de não eleger ninguém

marcos viana 400 curtinha   Mesmo tendo cabeça de chapa para prefeito, no caso o ex-juiz federal Julier Sebastião da Silva, o PT dificilmente elege um vereador em Cuiabá no pleito deste ano. A chapa de pré-candidatos proporcionais é fraquíssima. O "grande" nome do partido é da professora Edna...

Único da família Oliveira pra vereador

luluca 400 curtinha   Na queda-de-braço entre irmãos, venceu, por enquanto, Luiz Arthur Oliveira Ribeiro, o Luluca (foto), que será candidato a vereador pelo MDB em Cuiabá, carregando o espólio político da família Oliveira. Irmão de Luluca, o ex-vereador Leonardo Oliveira, que procurou e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.