Últimas

Quinta-Feira, 29 de Março de 2007, 16h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

VÁRZEA GRANDE

Vereador chama prefeito Murilo de despreparado

   O ex-presidente da Câmara Municipal de Várzea Grande, vereador Gonçalo Almeida, o Pente Fino (PFL), retomou ao seu estilo explosivo e levantou polêmica na sessão noturna desta quarta-feira (28). Da tribuna, ele "detonou" a administração Murilo Domingos (PR). Chamou o prefeito de despreparado e pediu o impeachment.

    Pente Fino disse que seus colegas "vereadores deveriam tomar vergonha na cara" e fiscalizar o prefeito porque recebem salário para isso. Nesta quinta, horas após o seu pronunciamento, Pente Fino disse que está revoltado pelo fato do "prefeito não estar fazendo nada". Afirma que a prefeitura não recolhe a Previdência. O valor, revela o parlamentar, já soma a R$ 1,5 milhão. Disse também que a gestão Murilo está prestes a completar três meses de salário atrasado dos médicos.

   "Eu chamei, sim, o prefeito de despreparado para o cargo. Também cobrei providências dos vereadores para que tomem vergonha na cara", comentou Pente Fino. Um dos principais aliados do senador Jaime Campos, o ex-presidente da Câmara disse que a Câmara Municipal precisa apertar o cerco contra o prefeito e até criar CPI para investigar onde o dinheiro está sendo aplicado. "Onde está indo o dinheiro que a prefeitur arrecada porque não se vê investimentos. Tudo está parado. A cidade está às escuras e as ruas esburacadas".

   Reação

   Preocupado com a rebeldia de vereadores de oposição, principalmente com o posicionamento duro e agressivo de Pente Fino, o prefeito Murilo fez uma reunião emergencial nesta quinta com alguns de seus assessores.

    A secretária de Comunicação, jornalista Édna Araújo, ficou de preparar uma nota oficial para rebater às críticas e pontuar a defesa, elencando as principais ações do governo municipal. Murilo orientou seu secretariado a não polemizar com os vereadores para evitar que a crise entre o Executivo e Legislativo várzea-grandense ganhe maior repercussão.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Ex-vereador abandona rei dos porcos

fernando morais 400 curtinha   Mesmo impedido de ser candidato, já que está inelegível por oito anos, o ex-vereador pela Capital Abílio Júnior segue se articulando politicamente, deixou o PSC e se filiou ao Podemos. Acabou dando de ombros para o empresário Fernando Morais (foto), o "rei dos porcos",...

Temor e negociação com 3 partidos

wilson kero-kero 400 curtinha   Depois de ajudar na articulação para se filiar ao Podemos o colega vereador Dilemário Alencar, que estava "fritado" e sem espaço no Pros e procurou abrigo em outra legenda, Wilson Kero-Kero (foto) está agora com receio de migrar para o partido da senadora cassada Selma Arruda e do...

Agora no DEM e foco à saúde pública

gilberto figueiredo 400 curtinha   Gilberto Figueiredo (foto), vereador licenciado da Capital e secretário de Estado de Saúde, aproveitou a janela - data limite de filiação até sábado (4) para quem quiser ser candidato em outubro -, e ingressou no DEM. Agora, o partido do governador Mauro, até...

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.