Últimas

Sexta-Feira, 20 de Julho de 2007, 08h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

CÁCERES

Vereador Kishi aparece na liderança com 4,4%

Comunitário Luiz da Guia está empatado em 2º com o presidente da Câmara

   O vereador Wilson Kishi, ex-presidente da Câmara Municipal de Cáceres (a 210 km a Oeste de Cuiabá), se reelegeria hoje para o sexto mandato, revela a pesquisa Mark, feita na última segunda (16). Foram entrevistados 249 eleitores em 41 bairros. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos. Nesta amostragem, os nomes dos virtuais candidatos são citados espontaneamente, ou seja, sem a ajuda de uma lista. 

    Se as eleições fossem hoje, o pedetista Kishi seria reeleito. Seu nome aparece na primeira colocação, com 4,4% das intenções de voto. Ele mantém a liderança, já que na pesquisa de março também aparecia na liderança - Clique aqui e confira. Kishi se anima para alçar vôo. Sonha em disputar a sucessão do prefeito Ricardo Henry (PP), de quem era até o ano passado um dos principais aliados.

    Os dados sobre a sucessão para vereador não dão segurança absoluta quanto aos eventuais eleitos, já que ainda restam 14 meses para as eleições municipais e também porque o quadro sobre candidaturas é de completa indefinição. Há um alto índice de indecisos: 54,6%.

     Depois de Kishi, o líder comunitário Luiz da Guia e o presidente da Câmara Municipal, Célio Silva, o Celinho (PP), aparecem empatados com 3,2%. Dos cacerenses entrevistados, 2% citaram o nome do médico e vereador Mário Tanaka (sem partido). O ex-vereador Francisco da Silva, o Da Silva, que recentemente esteve preso, figura com 1,2%.

    O vereador Elias do Limão e o suplente pepista Geraldinho Siqueira detêm 0,8% de preferência do eleitorado cacerense. Com 0,4% figuram 14 nomes. Três são vereadores: Rubens Macedo (PTB), Wilson Palhinha (PP) e o democrata Manoel Ferreira, o Manezinho.

    O professor Marquinhos, o suplente de vereador e professor Usias (PSDB), o radialista Luismar Fachini, o líder comunitário José Antonio, Ari Farmacêutico, Vidal, Enésio Mariano, o policial militar Davi Maciel e Hélio do Mercado estão entre os 14 com menor percentual de intenções de voto. Fernanda Martins (PMDB) também é citada com 0,4%. Até mesmo o nome do deputado estadual Airton Rondina, o Português (PP), aparece na espontânea. (Simone Alves - RDNews)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...