Últimas

Sexta-Feira, 09 de Janeiro de 2009, 21h:34 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

CUIABÁ

Vereador nomeia o irmão em diretoria da Câmara

  Ivan Evangelista (PPS) começa a "cobrar" a fatura por ter votado em Deucimar Silva (PP) à presidência da Câmara Municipal de Cuiabá. Ele exigiu e foi contemplado com a indicação do próprio irmão Odenil Evangelista, o Quincas, para a vaga de secretário de Apoio e Cultura. O salário é de R$ 5 mil. Quincas é tido como "operador" de Evangelista, principalmente nas campanhas eleitorais. O vereador já está no quarto mandato.

   Em tese, o irmão do socialista no cargo de diretor caracteriza nepotismo. Deucimar e o seu primeiro-secretário, vereador Clovis Hugueney, o Clovito (PTB), asseguram, porém, que consultaram a legislação e concluíram que, para posto de diretoria, a lei antinepotismo permite. "Não seria eticamente bonito, mas pode", diz Clovito, ao enfatizar que Quincas é formado em História e tem qualificação para o cargo.

    De 11 postos de diretoria de um Legislativo que "torra" R$ 1,6 milhão mensal de duodécimo, Deucimar, que venceu Lueci Ramos (PSDB) por 10 a 8 (o petista Lúdio Cabral se absteve), ficou com direito de escolher pessoalmente 9 pessoas. Dos 19 vereadores, somente Evangelista e Ralf Leite (PRTB) fizeram questão de indicar aliados. Ralf escolheu Samuel Lemes da Silva, presidente regional do PRTB, para o posto de secretário de Gestão de Pessoas. O partido elegeu também Néviton Fagundes, que preferiu votar em Lueci, mesmo contrariando orientação partidária.

   Até agora,  foram definidos 6 nomes. Os outros 5 devem ser anunciados até segunda (12). Entre os que já foram nomeados está Alfredo Alves de Moura Filho, que foi chefe de gabinete de Deucimar no mandato passado e agora vai ocupar o mesmo cargo. Gildete Brito de Faria assume a secretaria de Apoio Legislativo, enquanto Fernando Torbay fica com a consultoria Técnico-Jurídica. A Gestão Financeira está sob Circe Medeiros Couto. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vamos aos fatos se isso e ou não é NEPOTISMO Tanto do Vereador como do Prefeito Com Dona Adriana no IPDU e o Governador com Sua Esposa na SETEC: Súmula Vinculante Nº 13 diz o seguinte: A Nomeação de Conjuge, Companheiro ou Parente em linha Reta, Colateral ou por afinidade, até o Terceiro Grau, Inclusive, da Autoridade Nomeante ou de Servidor da Mesma Pessoa Juridica Investido em cargo de Confiança ou, ainda, de Função Gratificada na Administração Pública Direta e Indireta em qualquer dos poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municipios, comprendendo o ajuste mediante designações Reciprocas, Viola a Constituição Federal. E pior ainda vem esse Vereador Clovito, falar que esta certo. Nos estamos na pica do sacy com esse povo no Poder. Vamos fazer o seguinte vamos rasgar a Constituição e fazer a festa contratar...irmão...esposa...filhos...netos...bisneto...Colocar tudo em familia e assim vai a lista da impunidade, Etá Ministerio Público DORMINHOCO....ACORDA FILHOS DE DEUS.

  • Britto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eta a turma da boquinha ñ perde tempo. ISSO È UMA VERGONHA...

  • Marcos Abreu | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É muito triste e lamentável ouvir um legislador dizer que o ato administrativo fere a ética, e mesmo assim o pratica. Se o ato fere a ética, este é imoral, e se é imoral fere o princípio da moralidade público. Princípio este, que deve ser observado por todos os homens públicos que gere a coisa pública com honestidade.
    Entretanto, o atual presidente da câmara municpal afirmou que iria administrar com transparência, vamos dar um voto de confiança para que ele justifique a sua escolha, pois o escolhido é historiador. Neste caso apresente a sociedade cuiabana o curriculo do indicado, com os cargos ocupados e as atividades desenvolvidas em prol da cultura de Cuiabá e Mato Grosso.

  • Magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só mas um comentario, viu a cara de gozador do Vereador Ivam, rindo atoa e na nossa cara de boboca, pois aceitamos de um tudo, com certeza o irmão vai dar sua contribuição para ele se candidatar a Deputado, esta e mais uma formula de juntar dindin para o novo pleito que esta chegando ai. Viva o NEPOTISMO, tudo em Familia, como dizia aquela musica que um dia o Cacique Tenente Galinho Cantou lá pras banda da Camara. Onde tudo troca de um tudo...não sei se é bem assim a musica.

  • julio augusto de oliveira soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fatos desta natureza acontece porque os briosos membros do MP que bateram duro contra o nepotismo em prefeituras e câmaras municipais no interior,faz vista grossa na capital com as primeiras damas do município e do Estado e fica mais triste ainda quando a casa de leis de cuiaba joga a carta constitucional dita cidadã ao chão pisoteando sobre a sociedade que os elegeram e ainda vêm esta mesa diretora dizer que enterrariam os vícios do passado.Senhores respeitem o povo pois seus mandatos são uma outorga que podem ser tirados a qualquer hora começando com uma ação efetiva do MP e da senhora JUSTIÇA>

  • Pobre Eleitor | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tem mais é que rir mesmo, ele representa voces pobres (em todos os sentidos) eleitores, até porque o mesmo foi eleito por voces ................ Até a próxima eleição.

  • Alessanda Cacerense | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ontem mandei um comentário sobre o nepotismo,isso não está acontecendo só na capital em Cáceres esposa de vereador e namorada de vereador uma é Secretária de finanças e a outra coordenadora pedagógica da educação .E o PT, será que não sabe o que é NEPOTISMO OU AGORA PODE ......

  • paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ese evangelista hein....mamador de dinheiro publico, só mala sem alças..

Podemos se alia à esquerda em Barra

sandro saggin 400 curtinha   O direitista Podemos, comandado no Estado pelo deputado Medeiros, fechou coligação com partidos de extrema esquerda em Barra do Garças, como PC do B, PT e Pros. Sandro Saggin (foto), até então pré-candidato a prefeito pelo Pode, recuou e compôs com o grupo liderado pelo...

Coordenador quer mostrar obras de EP

vanderlucio curtinha   Coordenador da campanha de Emanuel Pinheiro à reeleição, Vanderlúcio Rodrigues (foto) garante que o grupo vai focar na divulgação de propostas e não fará ataques pessoais aos 7 adversários. O ex-secretário de Obras Públicas avalia que o grupo...

Tucano ainda com sequelas da Covid

ricardo saad curtinha 400   O vereador cuiabano e presidente do PSDB na Capital, Ricardo Saad (foto), segue na luta para reverter as sequelas deixadas pela Covid-19. Mesmo Dois meses após ser infectado, diz que 53% do seu pulmão ainda está comprometido e que, por isso, sente muita falta de ar. Candidato à...

Tentando golpe político em Tangará

amauri 400 curtinha   O deputado estadual Paulo Araújo (PP) sofreu uma tentativa de golpe vinda de uma pessoa em quem ele confiava totalmente, o seu ex-assessor Amauri Paulo Cervo (foto). Até há poucos dias, Amauri estava lotado no gabinete do deputado, na AL, quando se licenciou com intenção de concorrer...

Regiões e representantes na disputa

nilson leitao curtinha   A maior parte das regiões está bem representada em relação aos cabeças de chapa que disputarão vaga no Senado. Pelo Nortão e Médio-Norte, encaram às urnas o ex-prefeito de Sinop Nilson Leitão (foto) e o senador tampão Carlos Fávaro (PSD). Na...

Candidatos e definição de suplentes

jos� medeiros curtinha 400   Alguns candidatos ao Senado estão batendo cabeça para compor suas suplências ou reedita-las, como é o caso de José Medeiros (foto), que, na primeira convenção (anulada), havia fechado chapa pura do Podemos com o vice-prefeito de Cuiabá Niuan...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você está animado para votar nas eleições de novembro?

sim

não

nem sei!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.